ARTIGO COM VÍDEOS – A Nova Zelândia viveu entre sexta e sábado suas grandes finais nacionais, com a Mitre 10 Cup, o Campeonato Neozelandês, conhecendo seu grande campeão.

Após 9 títulos nos últimos 10 anos, incluindo todos desde 2015, Canterbury alcançou mais uma final e foi no ano de consagração dos Crusaders, que venceram o Super Rugby. Mas a dobradinha Super Rugby-Mitre10 Cup não ocorreu (Canterbury é uma das equipes ligada aos Crusaders). Mas o poderoso time de Christchurch não falou mais alto desta vez.

A grande final de 2018 foi em Auckland, maior cidade do país e casa do time que é o maior campeão da história da Nova Zelândia, mas que não era campeão desde 2007. O ano para sua franquia de Super Rugby, o Blues, foi muito ruim, e o ânimo na “Super City” estava baixo com o rugby. Mesmo assim, mais de 20 mil torcedores compareceram ao Eden Park e celebraram uma incrível vitória na prorrogação para Auckland, que destronou Canterbury por 40 x 33.

Foi um jogaço que teve os visitantes marcando os 2 primeiros tries, com um penal try e um try de Bridge. Mas Auckland reagiu, marcou try antes do intervalo com Tumua Manu e cruzou o in-goal de novo no começo da segunda etapa, com Akira Ioane, o líder do time. Brett Cameron manteve Canterbury na frente com penais, mas o momento ofensivo era dos azuis, que cruzaram o in-goal com Trainor e Clarke, igualando tudo em 26 x 26, com Canterbury sem alternativas ofensivas para passar pela defesa de Auckland.

- Continua depois da publicidade -

O jogo foi para a prorrogação e ferveu, com o cansaço ajudando a abrir espaços. Tom Sanders marcou o try logo no início do primeiro tempo para Canterbury, que parecia que faria sua história recente falar mais alto. No entanto, Auckland não se abateu e cravou 2 tries no segundo tempo da prorrogação, com Sosene-Feagai, na sequência de fases, e Fukofuka, virando o placar para o delírio de seu carente torcedor. 40 x 33, Auckland finalmente no topo da Nova Zelândia!

No Championship, a 2ª divisão, o título foi definido na sexta-feira com dois gigantes do país tentando sair do inferno. E Waikato levou a melhor, batendo Otago por 36 x 13 indiscutíveis. Waikato de volta à elite em 2019!

E teve ainda a final do Heartland Championship, a 3ª divisão (amadora) do país. Ela foi destaque pois o pequeno Thames Valley venceu fora de casa o South Canterbury por 17 x 12, com o try da vitória sendo do chileno Sergio de La Fuente, dos Cóndores.

mitre 10 cup logo

Mitre 10 Cup – Campeonato Neozelandês 2018

Premiership

FINAL

Auckland 40 x 33 Canterbury, em Auckland

 

Championship (2ª divisão)

FINAL

Waikato 36 x 13 Otago, em Hamilton

 

Lista de campeões do Campeonato Neozelandês

17 títulos – Auckland

14 títulos – Canterbury

4 títulos – Wellington

2 títulos – Otago e Waikato

1 título – Bay of Plenty, Counties Manukau, Manawatu e Taranaki