Foto; Black Ferns

ARTIGO COM VÍDEO – O domingo foi de decisão no XV feminino na Califórnia. Chegou ao fim em San Diego a Women’s Super Series, competição opondo as 5 melhores seleções da modalidade no mundo, e o título ficou com a Nova Zelândia, que derrotou a Inglaterra no grande clássico mundial por impressionantes 28 x 13.

O jogo começou favorável às inglesas, com Natua recebendo amarelo logo aos 3′ para deixar as Black Ferns com desvantagem numérica nas primeiras ações. Scarratt e Cocksedge trocaram penais nos primeiros atos e as inglesas souberam aproveitar o momento com a veterana Scarratt tirando proveito dos espaços a mais para marcar o try inglês.

Mas com 15 em campo a Nova Zelândia não tardou a se provar superior e tratou de virar o placar com dois tries seguidos da ponta Wickliffe, aos 25′ e aos 29′, na primeira oportunidade finalizando após jogada mágica da scrum-half Cocksedge e na segunda interceptando passe lento das inglesas. 15 x 10.

Scarratt abriu o segundo tempo reduzindo a diferença com penal para as Red Roses e novamente a situação parecia virar a favor da Inglaterra, com novo amarelo do lado neozelandês, para Ngata-Aerengamate. Entretanto, desta vez as Black Ferns souberam anular as ações inglesas e Cocksedge ainda chutou penal para ampliar a vantagem aos 60′. Com o momento perdido, a Inglaterra não conseguiu mais reagir e a vitória da Nova Zelândia foi consumada com Wickliffe disparando para seu terceiro try (hat-trick!). Cocksedge ainda chutou mais um penal e o placar foi fechado em incontestáveis 28 x 13 para as Black Ferns, campeãs de uma histórica Super Series.

28versus copiar13

- Continua depois da publicidade -

Nova Zelândia 28 x 13 Inglaterra

Árbitra: Amy Perrett (Austrália)

Nova Zelândia

Tries: Wickliffe (3)

Conversões: Cocksedge (2)

Penais: Cocksedge (3)

1 Toka Natua, 2 Te Kura Ngata-Aerengamate, 3 Aleisha-Pearl Nelson, 4 Eloise Blackwell, 5 Charmaine Smith, 6 Pia Tapsell, 7 Marcelle Parkes, 8 Charmaine McMenimin, 9 Kendra Cocksedge (c), 10 Ruahei Demant, 11 Ayesha Leti-I’iga, 12 Chelsey Alley, 13 Carla Hohepa, 14 Renee Wickliffe, 15 Kelly Brazier;

Suplentes: 16 Luka Connor, 17 Phillipa Love, 18 Leilani Perese, 19 Joanah Ngan-Woo, 20 Marcelle Parkes, 21 Arihiana Marino-Tauhinu, 22 Theresa Fitzpatrick, 23 Alena Saili;

Inglaterra

Try: Scarratt

Conversão: Scarratt (1)

Penais: Scarratt (2)

1 Vickii Cornborough, 2 Lark Davies, 3 Sarah Bern, 4 Cath O’Donnell, 5 Abbie Scott, 6 Poppy Cleall, 7 Marlie Packer, 8 Sarah Hunter (c), 9 Leanne Riley, 10 Zoe Harrison, 11 Claudia Macdonald, 12 Emily Scott, 13 Emily Scarratt, 14 Lydia Thompson, 15 Sarah McKenna;

Suplentes: 16 Heather Kerr, 17 Ellena Perry, 18 Hannah Botterman, 19 Zoe Aldcroft, 20 Sarah Beckett, 21 Amber Reed, 22 Millie Wood, 23 Kelly Smith;

 

França atropela EUA na despedida da Super Series

No jogo de encerramento do torneio, a França atropelo a seleção da casa por impressionantes 53 x 14, confirmando-se como a terceira força do mundo no momento. As Bleues foram dominantes do início ao fim, chegando a abrir 20 x 00 antes do intervalo, com tries de Fall e Gros.

No segundo tempo, Ferer e Sansus não tardaram a cruzar o in-goal e abrir 34 x 00, mas nos 15 minutos finais os EUA tiveram um último brilho, com Kelter e Jacoby marcando os tries de honra. Menager e Sansus outra vez também marcaram para as francesas, que fecharam o torneio em alta.

14versus copiar53

Estados Unidos 14 x 53 França

Árbitra: Aimee Barrett-Theron (África do Sul)

Estados Unidos

Tries: Kelter e Jacoby

Conversões: Kelter (2)

1 Hope Rogers, 2 Joanna Kitlinski, 3 Nick James, 4 Nicole Strasko, 5 Stacey Bridges, 6 Rachel Johnson, 7 Joyce Taufa, 8 Kate Zackary (c), 9 Ashlee Byrge, 10 Gabby Cantorna, 11 Jennine Duncan, 12 Amy Talei-Bonté, 13 Emily Henrich, 14 Neariah Persinger, 15 Alev Kelter;

Suplentes: 16 Catie Benson, 17 Charli Jacoby, 18 Katy Augustyn, 19 Asinate Serevi, 20 Kristine Sommer, 21 Olivia Ortiz, 22 Bui Baravilala, 23 Kristen Thomas;

França

Tries: Sansus (2), Ferer, Menager, Fall, Banet e Gros

Conversões: Trémoulière (4) e Coudert (2)

Penais: Trémoulière (2)

1 Lise Arricastre, 2 Caroline Thomas, 3 Clara Joyeux, 4 Madoussou Fall, 5 Audrey Forlani, 6 Gaëlle Hermet (c), 7 Céline Ferer, 8 Emeline Gros, 9 Pauline Bourdon, 10 Morgane Peyronnet, 11 Morgane Ménager, 12 Gabrielle Vernier, 13 Camille Cabalou, 14 Caroline Boujard, 15 Jessy Trémoulière;

Suplentes: 16 Agathe Sochat, 17 Laure Touyé, 18 Annaëlle Deshayes, 19 Fiona Lecat, 20 Axelle Berthoumieu, 21 Laure Sansus, 22 Emma Coudert, 23 Cyrielle Banet;

 

 SeleçãoJogos Pontos
Nova Zelândia414
Inglaterra413
França410
Canadá47
Estados Unidos44