A segunda rodada do Campeonato Paulista de 2015 contou com jogos parelhos e muito disputados, característicos do estadual mais forte do Brasil. Hora agora de conferir como foram os duelos entre Tornados Indaiatuba e Band Saracens, em Indaiatuba, e Rio Branco e Jacareí, na Granja Viana, em Cotia.

 

Tornados encara Band Saracens de igual para igual, mas cai no fim

Em Indaiatuba, diante de público muito bom, Tornados e Band Saracens se apresentaram em jogo que já prometia ser intenso. O resultado foi uma partida até mais parelha do que o imaginado, mostrando a evolução do time indaiatubano.

- Continua depois da publicidade -

Quem deu o cartão de visitas foi o time de São Paulo. Logo no começo do jogo o abertura neozelandês Josh Reeves arrematou um drop goal abrindo o placar para o Band. Mas, logo a equipe da casa respondeu, mostrando muita força no pack desde o início. Após boas fases, o segunda linha Alexandre “Basquetão” arrancou para cravar o primeiro try do jogo a favor dos laranjas.

O jogo de chutes de Josh recolocou o Band no ataque, mas o Tornados resistiu bem, mostrando forte defesa. A pressão banderantina foi recompensada com dois tries do pilar Marcelo Bellorio. O Tornados rapidamente se recompôs e, em rápida troca de passes, Flávio Henrique correu para o segundo try alvilaranja, 2 minutos depois. Josh manteve o Band Sarries no páreo com dois penais certeiros, mas o Tornados ainda chegaria a seu terceiro try, com Danilo Cattini, após os anfitriões mostrarem novamente superioridade no scrum. 21 x 21 no intervalo.

No segundo tempo, o Band Saracens ganhou o reforço de Pedro Rosa, que melhorou o pack rubronegro. Logo aos 42′, Josh chutou penal para os visitantes, que começaram mais fortes, dando pinta de que fariam valer o favoritismo. Pedro Rosa guardou novo try para os paulistanos, 29 x 21, mesmo jogando com um homem a menos, por cartão amarelo para Lukas Gil. Contudo, o Band não resistiu e cedeu o terceiro try, com Renan Ascoli cobrando penal rápido para Sandro Ripabello finalizar. Embalado, o Tornados foi para cima e Renan cravou o quinto try, dando a frente no placar aos alvilaranjas. Porém, a experiência do Band falou mais alto no fim. Josh, com um chute tático perfeito, empurrou os paulistanos para o ataque e, nos minutos finais, Marton Andrade fez o try da vitória dos visitantes. 36 x 35, números finais.

 

Tornados Indaiatuba 35 x 36 Band Saracens

 

Tornados

Tries: Alexandre Cichon, Flávio Henrique, Danilo Lanzi, Sandro Ripabello e Renan Ascoli

Conversões: Sandro Ripabello (5)

 

Band Saracens

Tries: Marcelo Bellorio (2), Pedro Rosa e Marton Andrade

Conversões: Josh Reeves (2)

Penais: Josh Reeves (3)

 

Jacareí vence mais uma contra o Rio Branco – Por: Pedro Corat

A equipe adulta do Jacareí Rugby conseguiu vencer pela primeira vez no Campeonato Paulista de 2015. Atuando fora de casa, os Jacarés derrotaram o Rio Branco por 24 X 3 e se recuperaram do revés sofrido na primeira rodada.

O time se manteve à frente do placar durante toda a partida, com o primeiro tempo terminando favorável em 12 X 3, com direito a 2 penais e 2 drop goals chutados pelo abertura Matheus Cruz. Na etapa complementar, dois tries definiram o marcador, com Luiz Gustavo Andreoti e Lucas Drudi. Matheus Cruz foi eleito o destaque do jogo e comentou a respeito: “Fiquei muito feliz pela escolha. Por ter sido meu primeiro jogo como titular, isso me lembrou quando fui o melhor em campo na minha escola na Nova Zelândia (Cruz foi eleito o atleta destaque do rugby juvenil nacional em 2013 e premiado com bolsa de estudos e de treinos naquele país). Espero continuar fazendo um bom trabalho nos próximos jogos e ajudando o clube”.

Sobre a vitória diante do Rio Branco, ele falou: “Foi importante conseguirmos os primeiros pontos do campeonato jogando bem, creio que estamos evoluindo”.

 

Rio Branco 3 x 24 Jacareí

 

Rio Branco

Penal: Jonathan Delattre (1)

 

Jacareí

Tries: Luiz Gustavo Andreoti e Lucas Drudi

Conversões: Matheus Cruz (1)

Penais: Matheus Cruz (2)

Drop goals: Matheus Cruz (2)

 

Fotos: Denys Flores. Para conferir o álbum completo, clique aqui.

 

[table “1” not found /]