Na capital baiana, o Rugby Escolar teve um dia de muito valor na última quinta-feira. Aconteceu dentro da Arena Fonte Nova (ela mesma, casa do Bahia Esporte Clube e uma das sedes da Copa do Mundo de Futebol 2014) e contou com um número massivo:

– 209 alunos da rede estadual, divididos em: Masculino M15 e M18 e Feminino M15 e M18;

– 16 Escolas;

– 14 Professores de Educação Física;

- Continua depois da publicidade -

– 4 Técnicos da Secretaria Estadual de Educação (NTE 26);

– 5 Técnicos de Rugby de Salvador (clubes Galícia Orixás e Quitérias);

– 1 Instrutor da CBRu e Treinador FRB (Federação de Rugby da Bahia);

– 22 jogos de Tag Rugby.

 

O evento foi a finalização de um projeto feito entre CBRu, CCR e Sec. Estadual de Educação.

“Em Setembro houve o primeiro encontro com os Professores de Educação Física da rede estadual de Salvador e Lauro de Freitas. Foi uma capacitação onde eles desconstruíram e construíram seu conhecimento sobre o Rugby, principais regras, valores, formas de jogar e a introdução através do Tag Rugby” ressalta Diego Hamilton Reis, Treinador FRB e responsável pelas etapas finais do projeto.

Depois houve mais um encontro para “refinar” as técnicas e para ver quais as dificuldades que tiveram os Professores em levar a nova modalidade para seus alunos.

O terceiro encontro foi a realização do 1º Festival de Rugby Escolar em Salvador, no dia 23/11.

O Rugby foi a modalidade introdutória durante o 5º Encontro Esportivo da Rede Estadual.

A Arena Fonta Nova recebeu uma estrutura móvel para receber os atletas além de uma quadra adaptada dentro do Estádio, na área que dá acesso ao famoso Dique de Tororó no centro da capital baiana.

A ação já vem recebendo frutos. Dois professores já estão articulando com a Federação de Rugby da Bahia para criar dois novos clubes, um na categoria M15 e M18 e outro na categoria adulto feminino.

O evento realizou-se graças à CBRu (Mille e Arnaldo), toda a equipe técnica do NTE 26 (Núcleo Territorial Salvador e Lauro de Freitas) e à CCR que apoiou via Lei de Incentivo ao Esporte, e claro à todos os professores que demonstraram assimilar rapidamente a modalidade e abraçaram o nosso esporte de vez!