Farrapos bate SPAC e segue na briga pela final do Super 8

Com o Super 8 chegando ao seu fim SPAC e Farrapos se enfrentaram em São Paulo, com os gaúchos levando a melhor por 28 a 17. A vitória mantém as esperanças do time de Bento Gonçalves chegar à final, mesmo que para isso precise vencer os três jogos que faltam, para os paulistanos a derrota empurra o time para parte de baixo da tabela, e aumenta o medo de um possível rebaixamento.

 

O jogo começou equilibrado, com o Farrapos melhor nas formações fixas e o SPAC mais perigoso no jogo aberto. Os visitantes abriram o placar, logo aos 5’, em um maul que entrou no in-goal, terminando com Daian Rama colocando a bola no chão, o abertura Facundo Flores acertaria a conversão. Os donos da casa responderiam rapidamente, aos 15’, e depois de uma boa troca de passes o asa Arthur Bergo entraria no in-goal, o abertura Rafael Spago converteria.  A partida continuaria muito equilibrada, até que aos 27’ um chute retornado, do ponta Marcos Civardi, que quebrou diversos tackles, terminaria com Facundo Flores pondo a bola no chão, ele mesmo converteria. O SPAC ainda teria tempo de, aos 40’ diminuir em um penal de Spago. Fim do primeiro tempo 14 a 10 para o Farrapos.

 

Os gaúchos voltariam melhor para a segunda etapa, manteriam o domínio nas formações e aos poucos controlariam o jogo aberto, se aproveitando principalmente dos erros de handling do SPAC, anotando aos 19’ com o ponta Eduardo Zanrosso e aos 22’ com Leonardo de Paula, Leonardo Scopel converteria as duas vezes. O SPAC responderia rapidamente colocando a bola no chão aos 28’ com Eduardo Tachlitsky, Spago converteria mais uma vez. Os donos da casa porém não teriam força para virar a partida, tendo de contentar com uma derrota por 28 a 17.

 

Na próxima rodada, o Farrapos fará seu último jogo em casa, recebendo o invicto líder Desterro. Já o SPAC luta agora mais do que nunca contra o último lugar e receberá o Curitiba

 

Placar final: SPAC 17 x 28 Farrapos

 

SPAC

Tries: Arthur Bergo e Eduardo Tachlitsk

Conversões: Rafael “Raj” Spago (2)

Penais: Rafael “Raj” Spago (1)

 

Farrapos

Tries: Daian Rama, Facundo Flores, Eduardo “Duda” Zanrosso e Leonardo “Pardal” de Paula

Conversões: Facundo Flores (2) e Leonardo Scopel (2)

 

Clube Cidade (UF) P J V E D 4+ -7 PP PC SP
Desterro Florianópolis (SC) 62 14 13 0 1 10 0 437 198 239
Curitiba Curitiba (PR) 49 14 10 0 4 7 2 374 246 128
São José São José dos Campos (SP) 48 14 10 0 4 7 1 412 288 124
Farrapos Bento Gonçalves (RS) 33 14 6 0 8 4 5 329 287 42
Pasteur São Paulo (SP) 29 14 5 0 9 2 7 210 227 -17
SPAC São Paulo (SP) 23 14 5 0 9 2 1 230 437 -207
Niterói Niterói (RJ) 22 14 4 0 10 3 3 279 451 -172
Band Saracens São Paulo (SP) 21 14 3 0 11 3 6 300 437 -137

Vitória = 4 pontos;
Empate = 2 pontos;
Derrota = 0 pontos;
Fazer 4 ou mais tries = 1 pontos extra;
Derrota por 7 ou menos pontos de diferença = 1 ponto extra;

– Dois primeiros colocados = classificação à final

 

Texto e foto: Diego Gutierrez

Comentários