Preparado para uma jornada eletrizante de rugby no Super 8? No sábado, Bento Gonçalves e Jacareí irão parar na expectativa de que Farrapos e Jacarés cheguem pela primeira vez em suas histórias à grande final do Campeonato Brasileiro de Rugby. Porém, Desterro e Pasteur querem ser os visitantes “inconvenientes” (entre aspas, porque no rugby todo visitante é amigo!), perseguindo a chance de voltarem à grande final do Super 8. Melhor ainda: os dois jogos terão transmissão pelo Facebook da CBRu.

O campeão do Super 8 será inédito para a década, afinal apenas Desterro e Pasteur foram já campeões, mas os catarinenses venceram a taça em 2005 pela última vez e os Galos não erguem o troféu desde 1994. Ambos tiveram chances recentes, com o Desterro sendo o atual vice campeão, ao cair contra o Curitiba na final somente na decisão por drop goals alternados. Já o Pasteur fez a final de 2013 contra o SPAC e perdeu no fim em um dia agitado na Arena Barueri.

O Jacareí, por sua vez, pode nunca ter sido campeão brasileiro ou estadual no XV adulto, mas levantou a taça do Super Sevens masculino de 2017, sendo o atual campeão brasileiro da categoria. Os Jacarés, assim, têm a chance de “unificar” os títulos do sevens e do XV neste ano, o que seria um feito histórico conseguido somente pelo vizinho São José. O Farrapos, por sua vez, deu também neste ano um passo a mais e, além de manter o título gaúcho, festejou pela primeira vez o título da Liga Sul, indo em busca de uma simbólica e “Tríplice Coroa”.

Farrapos e Pasteur se enfrentaram logo na primeira rodada da competição, com os gaúchos triunfando em um tenso 13 x 12, que teve nada menos que 7 amarelos (4 para o Farrapos) e um vermelho (também para os donos da casa). O Pasteur liderou o placar até o fim, mas, mesmo com 13 homens, contra 14 do Pasteur, o Farrapos conseguiu seu penal da vitória aos 77′, com Facundo.

- Continua depois da publicidade -

Aliás, o argentino do time da Serra é uma das grandes armas dos alviverdes, sendo o atual artilheiro do Super 8, com exatos 100 pontos somados. O time gaúcho chega à semifinal com o melhor ataque e o melhor saldo do campeonato até aqui, além de estar invicto na Montanha, onde o Pasteur não vence desde 2013. Mas os Galos estão em grande fase, depois de um Campeonato Paulista discreto. A chegado do novo treinado Philippe Benetton, ex seleção francesa, mudou a cara da equipe, que teve a segunda melhor defesa da primeira fase.

Já no jogo do Vale do Paraíba, o tabu está contra o time da casa, que disputa apenas pela segunda vez em sua história a primeira divisão nacional. Quando esteve no Super 8, o Jacareí enfrentou duas vezes o Desterro, perdendo em casa por 36 x 29 e em Floripa por 49 x 11. Em 2017, os Jacarés cresceram, foram vice campeões paulistas e venceram o Desterro na primeira fase do Super 8 por 42 x 25, em um jogão, que teve os Jacarés indo em vantagem ao intervalo, mas sofrendo a virada dos catarinenses, que se puseram na frente por 18 x 16 aos 51′. Depois disso, os paulistas reagiram com estilo e emplacaram 3 tries seguidos que mataram o jogo, com Gutão e Leo Ilha em dia inspirado. O Desterro tem a seu favor o fato de ter sido o único visitante que triunfou nas quartas de final, quando passou pelo Curitiba, e chegará embalado ao Vale. Mas, o Jacareí também só teve o que comemorar na rodada passada, quando quebrou o tabu e venceu pela primeira vez o rival São José. Em campo, o segundo e o terceiro melhore ataques do campeonato e promessa de muitos tries pela frente.

 

versus copiar

14h30 – Farrapos x Pasteur

Árbitro: Henrique Platais

Local: Estádio da Montanha – Bento Gonçalves, RS

versus copiar

15h30 – Jacareí x Desterro

Árbitro: Murilo Bragotto

Local: Campo do Balneário – Jacareí, SP

Foto: Farrapos x Pasteur 2017 – Kévin Sganzerla