Jacareí desencanta e conquista primeira vitória no Super 8

ARTIGO COM VÍDEOS – Nesse sábado, o Jacareí finalmente alcançou sua primeira vitória na sua curta história no Super 8. A equipe valeparaibana triunfou em casa sobre o campeão paulista Pasteur, 19 x 15, complicou a situação dos Galos no campeonato e reduziu sua diferença para o Band Saracens na luta contra o rebaixamento.

 

O jogo começou parelho, de poucos espaços, com os times se estudando, com o placar inalterado por mas logo os Jacarés abriram vantagem em um try de Felipe Conceição, o “Lokão”, convertido por Helder Garcia, aos 27′, aproveitando uma saída de bola rápida após maul, punindo o Pasteur pelo posicionamento ruim. Os paulistanos ainda reagiram antes do intervalo, com Di Pilla convertendo penal para levar a disputa ao intervalo em 7 x 3.

 

No segundo tempo os campeões paulistas vieram determinados a voltarem para casa com o resultado positivo e, após o lateral, emplacaram uma série de fase até o veterano oitavo Junior Orioli, sempre mostrando sua qualidade interminável, cravou o try da virada para os visitantes. O Jacareí não sentiu o golpe e conseguiu alguns minutos de domínio territorial, mas parou na forte defesa do Pasteur. Aos 58′, os azuis voltaram a construir a partir de uma formação, saindo bem de um scrum a 5 metros, com Junior inteligentemente fazendo a ligação com Lipe, que rompeu e cravou o segundo try do PAC, 15 x 7 no marcador.

 

O Pasteur, no entanto, não foi capaz de segurar sua vantagem no quarto final de jogo e o Jacareí cresceu e, aos 67′, após alguns penais do Pasteur, o scrum-half Tinho cobrou rapidamente a infração e pegou desatenta a defesa visitante, voando para o try que colocou os Jacarés a apenas três pontos do empate. Helder teve a chance com penal aos 73′, mas não foi feliz. A virada veio dramática, nos instantes finais, com Helder. Após scrum favorável, o Pasteur afastou com um chute ruim, permitiu que o Jacareí recuperasse a bola, Gutão arrancou brilhantemente e Helder finalizou na velocidade o try da vitória. 19 x 15, números finais.

 

Helder, que “invadiu” a torcida para comemorar seu try com a esposa e a filha em um dia dos pais antecipado, comentou sobre a importância da vitória: “esse jogo foi nosso divisor de águas no campeonato. Acredito que vai ser nosso crescimento dentro de uma competição muito forte, na qual estamos estreando. E a gente precisava dessa vitória, foi bem benéfica para o grupo, ainda mais agora na sequência que enfrentamos times que competem diretamente conosco”.

 

Ele também falou do apoio da torcida e da presença de sua família na arquibancada: “eles sabem o que a gente passa durante a semana com trabalho, compromissos familiares, e os treinos. Então ir lá comemorar o try com elas foi uma forma de agradecer todo o apoio que me dão neste momento”.

 

Placar final: Jacareí 19 x 15 Pasteur

Árbitro: Giancarlo Bistrot
Auxiliares de linha: Cláudio Romero e Fernando Joca
4o árbitro: Stephanie Santana
Local: Campo do Balneário – Jacareí, SP

 

Jacareí

Tries: Locão, Tinho e Helder

Conversões: Helder (2)

 

Pasteur

Tries: Junior e Lipe

Conversões: Di Pilla (1)

Penais: Di Pilla (1)

 

Equipe Cidade (Estado) P J V E D 4+ -7 PP PC SP
São José São José dos Campos (SP) 48 14 10 0 4 4 4 310 227 83
Band Saracens São Paulo (SP) 47 14 10 0 4 3 4 311 199 112
Curitiba Curitiba (PR) 42 14 9 0 5 3 3 341 214 127
SPAC São Paulo (SP) 40 14 8 0 6 5 3 322 213 109
Pasteur São Paulo (SP) 31 14 6 0 8 3 4 232 267 -35
Desterro Florianópolis (SC) 30 14 6 0 8 3 3 284 274 10
Farrapos Bento Gonçalves (RS) 22 14 5 0 9 1 1 236 356 -120
Jacareí Jacareí (SP) 12 14 2 0 12 2 2 207 493 -286

 

Fonte: Pedro Corat/Jacareí

Foto: Moisés Nascimento/Fotojump

Comentários