A quinta rodada do Super 8, o Campeonato Brasileiro, contou com vitórias do líder e do vice-líder, Jacareí e Pasteur, vencendo duelos paulistas contra SPAC e Poli, respectivamente, enquanto o Farrapos subiu para o terceiro lugar geral em grande vitória no clássico do Sul diante do Desterro. Já o Curitiba deixou o penúltima posição ao despachar o lanterna São José, único time que ainda não venceu na competição.

 

Jacareí imparável

No Vale do Paraíba, poucos vencem o Jacareí. O SPAC lutou muito no Balneário, mas a força dos Jacarés foi provada e o Jacareí segue líder do Super 8 com uma grande vitória bonificada por 37 x 24 – e cruel derrota para o SPAC, que flertou com o bônus, e saiu de mãos vazias do interior.

- Continua depois da publicidade -

O jogo começou alucinante, com o Jacareí cravando o primeiro try do jogo logo aos 12′, com o terceira linha e referência Matias. Mas, a resposta do decano paulistano foi imediata, com o segunda linha Carlão rompendo para o try da igualdade. Com o jogo equilibrado, o SPAC virou o jogou com penal de Zé, mas os Jacarés responderam na mesma moeda com Leo. Foi apenas no último lance do primeiro tempo que o Jacareí voltou à dianteira com Fred correndo para o try do 17 x 10.

O segundo tempo largou também em alta voltagem, com Leo ampliando com penal a vantagem dos anfitriões, aos 48′. Porém, aos 50′, o pack do SPAC seguiu mostrando sua força e Matthias caiu no in-goal para o segundo try do clube da capital. 20 x 17 e espetáculo em aberto.

Foi aos 60′ que o Jacareí deu o golpe fatal, com Cruz sendo o fator de desequilíbrio. O scrum-half dos Tupis marcou o terceiro try dos Jacarés e, logo depois, chutou o drop goal que praticamente selava a vitória valeparaibana. E, aos 71′, Fred correu para seu segundo try, assegurando o bônus dos líderes do certame. Antes do fim, o SPAC ainda reagiu e Passoni fez o terceiro try dos azuis. Mas, o tempo não era suficiente para o try do bônus e o SPAC lamentou a queda para o quarto lugar da classificação. Jacareí 37 x 24, em um grande embate.

 

37versus copiar24

Jacareí 37 x 24 SPAC

Árbitro: Murilo Bragotto

Local: Campo do Balneário – Jacareí, SP

 

Jacareí

Tries: Fred Costa (2), Matheus “Mathias” Daniel e Matheus Cruz

Conversões: Leo Ceccarelli (4)

Penais: Leo Ceccarelli (2)

Drop goal: Matheus Cruz (1)

 

SPAC

Tries: Rafael “Carlão” Bezerra, Matthias Wegener e Lucas Passoni

Conversões: Lucas “Zé” Tranquez (3)

Penais: Lucas “Zé” Tranquez (1)

Pasteur quebra invencibilidade da Poli na USP

Clique aqui para as fotos da partida, por Bruno Ruas.

Campeã paulista de 2017, a Poli ainda não havia perdido em casa neste ano e a derrota veio diante do vice líder Pasteur que, após um estadual discreto, mostra que está pronto para brigar pelo título brasileiro, agora comandado pela lenda do rugby francês Philippe Benetton. O jogo com a Poli, como esperado, foi duro e com poucos espaços, mas a linha dos Galos fez a diferença. O primeiro try não tardou a sair, com Ronaldo correndo para os visitantes e, logo depois, o veterano artilheiro Lipe achou o espaço para cravar o segundo try do PAC no jogo. 12 x 00.

A Poli teve suas chances, mas sofreu um duro golpe quando foi reduzida a 14 homens por amarelo. O Pasteur ampliou com penal chutado por Robert, mas antes do intervalo os politécnicos foram recompensados pela insistência com Gean marcando o try amarelo. 15 x 07 no intervalo e tudo em aberto.

No segundo tempo, os politécnicos cometeram muitos erros, receberam novo amarelo e não tiveram a tranquilidade para emplacarem a reação. O Pasteur mostrou um jogo sólido e uma defesa competente, negando ao oponente os espaços. Ao final, 40 minutos sem pontuação e vitória dos Galos.

 

07versus copiar15

Poli 07 x 15 Pasteur

Árbitro: Xavier Vouga

Local: CEPEUSP – São Paulo, SP

 

Poli

Try: Geanfranco “Gean” Oliveira

Conversão: Vinícius “Jaspion” Hideo (1)

 

Pasteur

Tries: Felipe “Lipe” Zeni e Ronaldo Santos

Conversões: Robert Tenório (1)

Penais: Robert Tenório (1)

Ronaldo está com tudo e fez try crucial na vitória de hoje do @pasteurrugby sobre a @polirugby. Fala ai Galo! #semprerugby #culturaderugby

Uma publicação compartilhada por Portal Do Rugby (@portaldorugby) em


 

Farrapos segue mirando o topo – por Kevin Sganzerla

Clique aqui para as fotos da partida, por Kevin Sganzerla.

Em confronto marcado pela disputa intensa e pelo equilíbrio constante entre as equipes dentro de campo, o Farrapos conquistou mais uma importante vitória no Super 8, derrotando o Desterro, nos minutos derradeiros de jogo, pelo placar de 32 a 29, em partida realizada na tarde deste sábado, dia 12, no Estádio da Montanha. Com o placar positivo, a equipe comandada por Javier Cardozo subiu para a 3ª colocação com 15 pontos conquistados.

Com um bom público presente no estádio, o Farrapos entrou em campo visando se reabilitar na competição após a derrota para o Curitiba. Logo nos primeiros minutos de jogo, os donos da casa abriram o placar com penal convertido por Facundo Flores. Pouco depois, muito próximo da linha de ingoal, Facundo tentou finalizar para afastar a bola, porém Coghetto, ex-Farrapos, interceptou o chute e recuperou a bola, marcando o primeiro try do jogo para o Desterro, convertido por Daniel. Aos 28 minutos, após scrum próximo do ingoal, Mauri passou despercebido pela defesa adversária, virando o placar para o Farrapos. Os gaúchos ampliaram o placar com try de Angelo, convertido por Facundo Flores, 17 a 7, mas o Desterro conseguiu virar com tries de Coghetto e André Arruda. Nos minutos finais, Civardi, aproveitando o espaço pela esquerda, anotou mais um try a favor do Farrapos, 24 a 21.

Na etapa final de jogo, o confronto se manteve movimentado dentro de campo. O Farrapos voltou a ampliar com try de Teco, em boa jogada ofensiva, explorando a velocidade. Mesmo com dificuldades para quebrar a sólida defesa dos donos da casa, o Desterro conseguiu se aproximar do marcador, anotando mais um try com André Arruda, 29 a 26, deixando o confronto em aberto nos minutos finais. O Desterro passou a atacar de forma intensa para virar o placar, mas encontrou dificuldades para voltar a linha de ingoal. Os catarinenses empataram o jogo com penal convertido por Daniel, 29 a 29. Nos minutos finais de partida, Facundo Flores novamente foi decisivo e, com penal convertido com efetividade, decretou a vitória do Farrapos pelo apertado placar de 32 a 29.

 

32versus copiar29

Farrapos 32 x 29 Desterro

Árbitro: Renato Scalércio

Local: Estádio da Montanha – Bento Gonçalves, RS

 

Farrapos

Tries: Mauri Canterle, Ângelo Velasco, Willian Civardi e Jonatan “Teco” Gobatto

Conversões: Facundo Flores (3)

Penais: Facundo Flores (2)

 

Desterro

Tries: Guilherme Coghetto (2) e André “Buda” Arruda (2)

Conversões: Daniel “Panta” (3)

Penais: Daniel “Panta” (1)

 

Curitiba agrava fase do São José

Em São José dos Campos, o time da casa sofreu nova derrota e segue na última posição do Super 8. O duelo com o Curitiba vem sendo nos últimos anos sempre um confronto valendo a ponta dos campeonatos nacionais, mas neste ano, atipicamente, opôs lanterna e vice lanterna. E quem saiu do aperto foi o atual campeão nacional, que fez 18 x 07 e pulou para o sexto lugar.

Os Touros começaram melhores e abriram 10 x 00 no primeiro tempo. Leo inaugurou o placar com penal e Dom correu para o único try da primeira etapa para os paranaenses. O jogo foi tenso e os amarelos apareceram, com os donos da casa recebendo dois amarelos e os visitantes um nos primeiros 40 minutos de jogo.

O segundo tempo largou com o Curitiba capitalizando com um drop goal certeiro de Stefano, que colocou 13 x 00 no marcador. Mesmo com alguns Tupis em campo, os joseenses seguiram com dificuldades para passarem pela defesa curitibana e quem não faz, leva. O CRC matou o jogo com seu segundo try, pelas mãos de Douglas Rauth, já em momento definidor da partida. Nassoom ainda reduziu com o try de honra do São José, mas sem tempo para a sequência da reação.

 

07versus copiar18

São José 07 x 18 Curitiba

Árbitro: Mariano de Goycoechea

Local: CT Ange Guimera – São José dos Campos, SP

 

São José

Tries: Naassom Porto

Conversão: Lucas “Tanque” Duque (1)

 

Curitiba

Tries: Gabriel “Dom” Domingues e Douglas Rauth

Conversões: Leo Dias (1)

Penais: Leo Dias (1)

Drop goal: Stefano Padilla (1)

ClubeCidade (UF)PJVED4+-7PPPCSP
JacareíJacareí (SP)2575024119717027
Farrapos Bento Gonçalves (RS)2575024121314964
PasteurSão Paulo (SP)22750211123132-9
CuritibaCuritiba (PR)2174032313411420
Desterro Florianópolis (SC)1973044321317241
SPAC São Paulo (SP)14730502154178-24
PoliSão Paulo (SP)11711523126187-61
São JoséSão José dos Campos (SP)8711511134202-68
Vitória = 4 pontos;
Empate = 2 pontos;
Derrota = 0 pontos;
Fazer 4 ou mais tries = 1 pontos extra;
Derrota por 7 ou menos pontos de diferença = 1 ponto extra;

- Todos avançarão às quartas de final

Foto: Adriano Matos