Niterói vence BH por diferença de 60 pontos e fica bem perto de classificação

O Niterói Rugby atropelou o BH Rugby  em partida realizada no campo da Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói, pela quarta rodada da Taça Tupi, e manteve seu 100% na liderança do Grupo B. 67 X 7 para ninguém por defeito, praticamente eliminando os mineiros.

 

O jogo começou e o time de casa deu uma amostra de como seria o primeiro tempo. Pressão no campo adversário, recuperação da posse de bola e fluidez no jogo de mão. Antes que os jogadores começassem a transpirar, Gregg, do Niterói, já havia marcado o primeiro try da partida.

 

A pressão dos rubro-negros continuou. O time fluminense dominava territorialmente o BH que insistia em cometer erros. Um verdadeiro festival de knock-nos e passes para frente. Por conta dessas falhas, o time mineiro não passava do meio campo. A única vez em que isso aconteceu no primeiro tempo, o chute de penal do BH não chegou até o “H”. Enquanto isso, o Niterói aproveitava a superioridade para marcar. Franco apoiou a bola duas vezes no in-goal adversário. A primeira vez aos 25 e a segunda aos 32. No entanto, o time fluminense não conseguiu acertar as três primeiras conversões e o placar ficou em 15 a 0.

 

Antes do primeiro tempo terminar, o ponta David fez jogada individual, quebrou a marca, usou o chute para vencer a defesa do time visitante e apoiar a bola no in-goal. Dessa vez, houve a conversão pelos pés do próprio David. A partida foi para o intervalo em 22 a 0.

 

Logo depois do chute de início da segunda etapa o Niterói recebeu a bola e ignorou a defesa do BH e avançou rápido. Mathius anotou o quinto try dos mandantes e Marcelinho converteu. Na reposição, o time de Minas chutou a bola no fundo do campo de defesa dos rubro negros e pressionaram o time da casa. O BH recuperou a posse e avançou na base dos forwards até chegar ao seu try “de honra”. Jorgito foi o marcador do try do visitante. Mas não houve muito tempo para o time mineiro respirar. Dois minutos depois David recebeu a bola na ponta e foi quebrando tackles até chegar ao in-goal adversário. Mais uma vez com a conversão do abertura Marcelinho. O placar marcava 36 a 7.

 

A partir daí, o BH ficou ainda mais perdido em campo. A defesa que já não se apresentava bem deu pane de vez e em contrapartida o Niterói estava inspirado. Os rubronegros fizeram 31 pontos em 25 minutos. Foi um passeio. David, Geudsy (duas vezes cada), Estrela e Delphino marcaram os últimos tries do Niterói. David acertou duas das cinco conversões a que tinha direito e o placar terminou 67 para o Niterói Rugby e 7 para o BH.

 

Placar final: Niterói 67 (22) X 07 (00) BH Rugby
Árbitro: Victor Hugo Barboza
Local: UFF Gragoatá – Niterói, RJ

 

Niterói

Tries: David (3), Franco (2), Geudsy (2) Gregg, Mathius, Estrela e Delphino

Conversões: David (3), Marcelinho (2)

 

BH

Try: Jorgito

Conversão: Pintinha (1)

 

Escrito por: Alexandre Costa

 

Clube Cidade (Estado) Pts J V E D 4+ 7- PP PC
Grupo A
Wallys Louveira (SP) 24 6 5 0 1 4 0 206 69
Rio Branco São Paulo (SP) 24 6 5 0 1 4 0 258 59
Maringá Hawks Maringá (PR) 11 6 2 0 4 3 0 159 251
Pé Vermelho Londrina (PR) 1 6 0 0 6 0 1 50 295
Grupo B
Niterói Niterói (RJ) 30 6 6 0 0 6 0 273 84
Poli São Paulo (SP) 21 6 4 0 2 4 1 194 118
BH Rugby Belo Horizonte (MG) 11 6 2 0 4 3 0 142 203
Guanabara Rio de Janeiro (RJ) 0 6 0 0 6 0 0 47 251
Grupo C
San Diego Porto Alegre (RS) 28 6 6 0 0 4 0 218 47
Serra Caxias do Sul (RS) 17 6 3 0 3 3 2 157 137
Charrua Porto Alegre (RS) 15 6 3 0 3 2 1 170 93
BC Rugby Balneário Camboriú (SC) 0 6 0 0 6 0 0 56 324

Comentários