Poli não oferece chances ao Guanabara na largada da 2ª fase da Taça Tupi

Na rodada de abertura da fase de grupos da Taça Tupi, a Poli recebeu o Guanabara e não deu trégua ao oponente, fazendo contundentes 53 x 0. A partida, no papel, prometia, já que os cariocas deram muito trabalho aos uspianos no ano passado, vencendo no Rio e Janeiro e empatando em São Paulo.

 

Privada de atuar na USP nesta rodada, a Poli atuou na Arena Paulista, logo após o duelo do Super 8 entre Pasteur e Desterro e, mesmo com o campo ainda sem as condições ideais, a Poli não teve problemas para atropelar o vice-campeão fluminense, assumindo a liderança de seu grupo ao lado do Niterói.

 

Logo no início da partida, a Poli conseguiu jogar muito bem com seus avançados e era superior nos lineouts e scrums. Desta forma, o time amarelo tinha mais posse de bola e não demorou para abrir o placar com um try de Gonzo e, logo depois, com um penal de Tate no meio de campo. Itália ainda somou mais um try para os engenheiros e, sem posse de bola, o Guanabara não levava perigo ao adversário e, parando na defesa da Poli, que conseguiu segurar os ataques e recuperar a bola aos 5 metros do in-goal no fim do primeiro tempo, no melhor momento dos visitantes.

 

A Poli voltou para o segundo tempo com o mesmo ritmo de jogo e, como atacava mais, cansava-se menos. Os uspianos progrediram com seus avançados, mostrando superioridade no jogo de contato e, assim, criavam espaços na defesa do Guanabara. A Poli somou mais 6 tries na segunda etapa, graças a seu jogo na base, e fechou o marcador em 53 x 0.
Na próxima rodada, no dia 1º de agosto, a Poli vai a Minas Gerais para enfrentar o BH Rugby, ao passo que o Guanabara busca a sua reabilitação em clássico estadual em casa contra o Niterói.

 

Placar final: Poli 53 x 00 Guanabara

 

Poli

Tries: Bruno “Itália” Calidona, Pedro “Gonzo” Mantovani, Fernando “Feijoada” Agra, Pedro Baumeier, Gabriel “Carioca” Quiroga, Victor “Santos” Bellemo (2) e João Rafael “Mib” Azevedo

Conversões: Marcelo “Tate” Orefice (5)

Penais: Marcelo “Tate” Orefice (1)

 

Clube Cidade (Estado) Pts J V E D 4+ 7- PP PC
Grupo A
Wallys Louveira (SP) 24 6 5 0 1 4 0 206 69
Rio Branco São Paulo (SP) 24 6 5 0 1 4 0 258 59
Maringá Hawks Maringá (PR) 11 6 2 0 4 3 0 159 251
Pé Vermelho Londrina (PR) 1 6 0 0 6 0 1 50 295
Grupo B
Niterói Niterói (RJ) 30 6 6 0 0 6 0 273 84
Poli São Paulo (SP) 21 6 4 0 2 4 1 194 118
BH Rugby Belo Horizonte (MG) 11 6 2 0 4 3 0 142 203
Guanabara Rio de Janeiro (RJ) 0 6 0 0 6 0 0 47 251
Grupo C
San Diego Porto Alegre (RS) 28 6 6 0 0 4 0 218 47
Serra Caxias do Sul (RS) 17 6 3 0 3 3 2 157 137
Charrua Porto Alegre (RS) 15 6 3 0 3 2 1 170 93
BC Rugby Balneário Camboriú (SC) 0 6 0 0 6 0 0 56 324

 

Foto: João Neto/Fotojump

Comentários