Foto: Bruno Ruas/Portal do Rugby

Faltam 3 vagas para a semifinal do Paulista A! A Poli venceu mais um confronto entre as melhores equipes da competição e garantiu a classificação matemática para a próxima fase ao bater o Pasteur em jogo emocionante na Arena Paulista. Na parte de baixo da tabela, o SPAC venceu o Templários e finalmente tirou o 0 do da tabela de classificação, esquentando a briga para fugir da repescagem.

No SPAC, os britânicos contaram com uma grande atuação de Leco em seu retorno após lesão na estreia para vencer sem maiores dificuldades o Templários. O time da casa foi dominante ao longo dos 80 minutos e soube anular a principal força do adversário no jogo dos avançados, limitando as opções ofensivas do clube de São Bernardo. O SPAC abriu o placar com Boy em corrida pela ponta esquerda e logo depois Sabino ampliou após rápida troca de passes até a ponta com Alemão e Japa deixando o ponta esquerda com espaço para se livrar da marcação e apoiar o try. Na reta final do primeiro tempo Boy anotou novamente aproveitando desatenção da defesa adversária em uma cobrança rápida de penal para guardar seu segundo try do dia sem oposição. O SPAC cedeu mais penais, mas o Templários não aproveitava, insistindo em jogar de mãos mesmo na intermediária, aumentando o desgaste da equipe na busca por ganho territorial e gerando mais erros, e as equipes foram para o intervalo com o placar inalterado.

No segundo tempo, a dinâmica da partida se manteve, e depois de algumas tentativas no início, o Templários voltou à passividade em seu setor ofensivo facilitando o trabalho da defesa SPACiana que conseguiu reverter importantes posses de bola e não tardou a ampliar, após Alemão recuperar um knockon do adversário e correr mais de 50 metros até ser parado a um metro do ingoal por Pelé, mas o pilar Du Lima chegou bem no apoio para ampliar. O veterano Cabelo anotou o seu primeiro try na temporada após grande jogada de Leco na saída do scrum, avançando em velocidade pela ponta direita e dando um chute para o centro quando a marcação apertou, deixando o companheiro do SPAC livre para marcar. Leco não desperdiçou a oportunidade seguinte, recebendo livre na linha, mas o try mais bonito do dia veio na sequência em jogada iniciada com Leco dando um chute por cima da linha do Templários para recepção de Boy que também encobriu o último homem antes de finalizar seu hat-trick. Leco mais uma vez deu números finais à vitória do SPAC.

O confronto mais esperado do dia ficou para mais tarde na Arena Paulista onde o Pasteur recebeu a Poli, os dois lados de olho na classificação e por isso mesmo, a Poli não hesitou em abrir o placar com dois penais certeiros de Zé nos primeiros minutos da partida. O equilíbrio na partida era grande e os Galos se lançaram ao ataque em busca da igualdade mas pararam na defesa adversária nos momentos cruciais, mostrnado mais uma vez o grande trabalho desenvolvido nesse setor. A Poli foi mais objetiva em suas ações, ampliando com Sininho aos 15′ mas a tranquilidade dos Ratos foi por água abaixo na reta final da etapa, com cartão amarelo excluindo Gonzo e desfalcando a equipe por 10 minutos, e Maihara aproveitou para diminuiu a vantagem adversária, mas Gean restabeleceu a margem de 13 pontos no apagar das luzes do primeiro tempo.

- Continua depois da publicidade -

No segundo tempo, a Poli ampliou seu domínio e foi a vez da linha brilhar com Ariel chegando ao seu 9º try na temporada aos 7′ e Maranhão garantiu o ponto extra aos 14′, tornando difícil a reação francesa. O Pasteur não desanimou em momento algum e seguiu forte, mas a partida acabou mais truncada e as chances reais de pontuar diminuíram na etapa. Nem mesmo a exclusão de Gelado aos 26′ favoreceu o time da casa que ainda viu Zé ampliar com um novo penal e praticamente selar a vitória da Poli, que manteve o controle da partida, diminuiu o ritmo na reta final e celebrou a classificação adiantada para a fase final, de olho no tricampeonato.

Na próxima semana, o Tornados recebe o Band Saracens em confronto crucial para ambos, que podem se salvar de vez da ameaça de rebaixamento em caso de vitória, e em São José dos Campos, acontece mais uma edição do grande Clássico Caipira entre São José e Jacareí, no Estádio Martins Pereira, com transmissão ao vivo

Campeonato Paulista A – semana 7
Dia 04/05/2019 às 12h – SPAC 50 X 00 Templários – ASSISTA AQUI
Árbitro: Murilo Bragotto
Auxiliares de linha: Guilherme Queiroz e Luciano Sampaio
4º árbitro: Alberto Nepomuceno
Local: SPAC – São Paulo, SP

Dia 04/05/2019 às 15h45 – Pasteur 07 X 37 Poli
Árbitro: Henrique Platais
Auxiliares de linha: Lucas Saccomanno e Marcos Saccomanno
4º árbitro: Genival Souza
Local: Arena Paulista – São Paulo, SP

Classificação

 ClubeCidadePJVED4+7-PPPCSP
São JoséSão José dos Campos3377005046070390
PoliSão Paulo3176016142740387
PasteurSão Paulo2675025136898270
JacareíJacareí21740341280103177
Band SaracensSão Paulo11720521114471-357
SPACSão Paulo1072052095304-209
TornadosIndaiatuba10720520163283-120
TempláriosSão Bernardo do Campo070070035570-535
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por 7 pontos ou menos de diferença = 1 pontos extra;

- 1º ao 4º colocado = Classificação às Semifinais;
- 7º colocado = Repescagem de Rebaixamento/Promoção contra o vice campeão do Paulista B;
- 8º colocado = Rebaixamento