O Circuito Paulista Feminino dá sua largada já neste final de semana, 17 e 18 de março. Todos os jogos acontecerão no SPAC, a categoria adulta em dois dias de partidas, M19 no sábado e M16 no domingo.

Em 2018, o Circuito chega com um aspecto um pouco diferente do que foi visto nos dois últimos anos. As Minas do Sanja levam, até o SPAC, duas equipes, A e B – incorporando nesta última, suas atletas até 19 anos, ficando de fora do circuito direcionado à categoria. A presença do Curitiba também é inédita e elas ainda podem viajar com troféu pra casa! O Rio Branco, depois de um 2017 brilhante, vai atrás de um campeonato mais acirrado e ainda leva sua categoria de base até 16 anos. Sente-se falta, das Leoas, que estarão somente no M19.

São 12 equipes adultas dispostas em 3 grupos, conforme a prévia a seguir:

No Grupo A, São José A, Pasteur, Guarulhos e Curitiba fazem um grupo equilibrado entre seu miolo e seu extremo. Na última vez que se encontraram oficialmente, na terceira etapa da Copa SP, o Guarulhos se impôs diante do Pasteur, em 12 x 05 e agora pretende repetir a dose. Um último encontro amistoso também confirmou as guarulhenses como favoritas nessa partida, 19 x 05. Entre São José e Curitiba o clima é de final de Super 7s, fixas no torneio nacional, de longe, são as grandes potências do campeonato.

- Continua depois da publicidade -

No Grupo B, Band Saracens, Piratas, Iguanas e São José B trazem duelos bem diversos e totalmente novos. As Bandetes são velhas de guerra na competição, experientes no Super Sevens e acabou de sair de uma série de amistosos contra o Melina, mas também se depara com um Piratas que vem de uma boa campanha em 2016 e 2017, duro na queda. O Iguanas cresce no cenário do interior e já faz parte do pelotão de desenvolvimento, deve travar uma boa briga com o Piratas, não é superior ao São José B, porém conhece muito bem como as conterrâneas atuam em campo. Se a vontade for de jogão na fase de grupos, é bom ficar de olho entre Band Saracens e São José B, o equilíbrio será nítido.

O Grupo C traz SPAC, USP, Taubaté e Rio Branco, e é um grupão de novidades. Cada um à sua forma, 3 desses clubes são veteranos e tradicionais no cenário paulista. Entre SPAC, USP e Rio Branco a briga está boa. As donas da casa vêm de um 2017 não muito fácil, se deparam com a categoria de base pelicana que cresce na equipe adulta e os novos incentivos técnicos da USP embolam a prévia das partidas. Nas palavras da spacgirl e capitã, Binha, “O SPAC está concentrado em fazer um bom torneio e focar mais no nosso jogo, queremos fazer o que estamos treinando, introduzir algumas novatas que entraram no time este ano e dar o nosso 100%“. As uspianas acabaram de ganhar um novo apoiador e também fecharam parceria com o Urutu, equipe masculina adulta da USP, “2018 pra nós já é tão especial, por todas essas novidades mas também pelo fato de comemorarmos nosso décimo aniversário“, felicita a capitã, Ju Simionato.

Nas categorias de base, o M16 é promissor. São 5 clubes que se dedicam demasiadamente para o eclodir das atletas, Jacareí, São José, Iguanas, Rio Branco em São Paulo, além do Curitiba. A competitividade é enorme, talvez a fragilidade esteja nas pelicanas, pela menor experiência em torneios grandes em relação às demais.

No M19, a coisa cresce. Jacareí, Curitiba e Leoas são forças inquestionáveis, aproveitando todo o potencial desenvolvido em anos, chegam com a agressividade e velocidade que as atletas dessa categoria, muito especificamente, apresentam.

 

Grupos

Grupo A: São José, Pasteur, Guarulhos e Curitiba
Grupo B: Band Saracens, Piratas, Iguanas e São José B
Grupo C: SPAC, USP, Taubaté e Rio Branco

M19: Curitiba, Leoas e Jacareí
M16: Rio Branco, Curitiba, Jacareí, São José e Iguanas

 

Jogos:

Sábado, 17 de março, a partir das 10h20

10h20 – Curitiba x Leoas – M19
10h40 – Pasteur x Guarulhos
11h00 – São José x Curitiba
11h20 – Piratas x Iguanas
11h40 – Band Saracens x São José B
12h00 – Leoas x Jacareí – M19
12h20 – USP x Taubaté
12h40 – SPAC x Rio Branco
13h00 – Pasteur x Curitiba
13h20 – São José x Guarulhos
13h40 – Curitiba x Jacareí – M19
14h00 – Piratas x São José B
14h20 – Band Saracens x Iguanas
14h40 – USP x Rio Branco
15h00 – SPAC x Taubaté
15h20 – Jacareí x Curitiba – M19
15h40 – São José x Pasteur
16h00 – Guarulhos x Curitiba
16h20 – Band Saracens x Piratas
16h40 – Iguanas x São José B
17h00 – USP x SPAC
17h20 – Taubaté x Rio Branco

Domingo, 18 de março, a partir das 8h20

08h20 – Rio Branco x Curitiba – M16
08h40 – Jacareí x São José – M16
09h00 – 3º x 6º – Quartas Ouro
09h20 – 2º x 7º – Quartas Ouro
09h40 – 4º x 5º – Quartas Ouro
10h00 – 1º x 8º – Quartas Ouro
10h20 – Curitiba x Iguanas – M16
10h40 – São José x Rio Branco – M16
11h00 – Semi Bronze
11h20 – Semi Bronze
11h40 – Semi Prata
12h00 – Semi Prata
12h20 – Iguanas x Jacareí – M16
12h40 – São José x Curitiba – M16
13h00 – Semi Ouro
13h20 – Semi Ouro
13h40 – Disputa de 11º
14h00 – São José x Iguanas – M16
14h20 – Jacareí x Rio Branco – M16
14h40 – Final Bronze
15h00 – Disputa de 7º
15h20 – Final Prata
15h40 – Curitiba x Jacareí – M16
16h00 – Rio Branco x Iguanas
16h20 – Disputa de 3º
16h40 – Final OURO