Foto: David Ramos - World Rugby via Getty Images

ARTIGO COM VÍDEO – Austrália e Uruguai se enfrentaram neste sábado em Oita, com os australianos estreando uniforme com arte aborígene. A partida era de amplo favoritismo da Austrália, que rodou o elenco e ainda assim confirmou a superioridade vencendo por 45 x 10. Porém, o Uruguai mostrou força no scrum e se defendeu bem, reduzindo a diferença para a Austrália, pois em 2015 os dois países também duelaram no Mundial e o placar havia sido 65 x 03 para os Wallabies.

O jogo começou com a Austrália superior e manejando bem a bola na linha, com Haylett-Petty correndo para o primeiro try aos 5′. Os Teros reduziram com penal de Berchesi, após terem uma sequência de penais a favor, tentando primeiro o try. Porém, com a bola aberta, a vantagem aussie se provou de novo aos 23′, com o debutante Petaia, de apenas 18 anos, rompendo para try após belo passe para dentro de Kurtley Beale. E o próprio Petaia fez grande ação aos 30′, driblando a defesa uruguaia para servir Kuridrani, que marcou o terceiro.

O Uruguai ainda marcou um try com Inciarte antes do intervalo, mas que foi anulado por impedimento de Diana no ruck antes de servir Inciarte. 19 x 03 na pausa.

No segundo tempo, a defesa uruguaia foi cansando e os erros de tackle se somando. Kuridrani disparou após lateral para o try do bônus logo após a pausa e Will Genia ainda fez mais um pouco depois, recebendo de Dempsey, que quebrara a defesa uruguaia.

- Continua depois da publicidade -

Já aos 60′ os Wallabies festejaram um grande momento: o pilar James Slipper fez seu primeiro try com a camisa da Austrália – mas o try saiu apenas em seu 94º jogo pela seleção, 9 anos após seu debut. Nada mal.

Por fim, Haylett-Petty ainda marcou um último try para a Austrália, aos 67′, e o Uruguai foi o dono dos momentos derradeiros, pressionando com seu pack para, aos 78′, Manuel Diana romper no contato para o try de honra dos Teros, muito celebrado. 45 x 10, números finais.

A Austrália enfrentará a Geórgia no dia 9 e o Uruguai pegará Gales no dia 13, despedindo-se do Mundial.

45versus copiar10

Austrália 45 x 10 Uruguai, em Oita

Árbitro: Mathieu Raynal (França)

Assistentes: Jérôme Garcès (França) e Karl Dickson (Inglaterra) / TMO: Ben Skeen (Nova Zelândia)

Austrália

Tries: Haylett-Petty (2), Petaia, Kuridrani, Genia e Slipper

Conversões: Lealiifano (5)

15 Kurtley Beale, 14 Dane Haylett-Petty, 13 Tevita Kuridrani, 12 Matt Toomua, 11 Jordan Petaia, 10 Christian Lealiifano, 9 Nic White, 8 Jack Dempsey, 7 Michael Hooper (c), 6 Lukhan Salakaia-Loto, 5 Adam Coleman, 4 Rob Simmons, 3 Allan Alaalatoa, 2 Folau Fainga’a, 1 James Slipper;

Suplentes: 16 Jordan Uelese, 17 Sekope Kepu, 18 Taniela Tupou, 19 Rory Arnold, 20 David Pocock, 21 Will Genia, 22 James O’Connor, 23 Adam Ashley-Cooper;

Uruguai

Try: Diana

Conversão: Berchesi (1)

Penal: Berchesi (1)

15 Rodrigo Silva, 14 Federico Favaro, 13 Tomas Inciarte, 12 Andres Vilaseca (c), 11 Nicolas Freitas, 10 Felipe Berchesi, 9 Agustin Ormaechea, 8 Manuel Diana, 7 Juan Diego Ormaechea, 6 Manuel Ardao, 5 Manuel Leindekar, 4 Franco Lamanna, 3 Diego Arbelo, 2 German Kessler, 1 Juan Echeverria;

Suplentes: 16 Guillermo Pujadas, 17 Joaquin Jaunsolo, 18 Juan Pedro Rombys, 19 Ignacio Dotti, 20 Juan Manuel Gaminara, 21 Santiago Arata, 22 Felipe Etcheverry, 23 Agustin Della Corte;

 

 PaísApelido/SímboloJogosPontos
Grupo A
JapãoBrave Blossoms419
IrlandaShamrock (Trevo)416
EscóciaThistle (Cardo)411
SamoaManu Samoa45
RússiaMedvedi (Ursos)40
Grupo B
Nova ZelândiaAll Blacks416
África do SulSpringboks415
ItáliaGli Azzurri412
NamíbiaWelwitschias42
CanadáCanucks42
Grupo C
InglaterraRed Rose (Rosa)417
FrançaLes Bleus415
ArgentinaLos Pumas411
Tonga'Ikale Tahi46
Estados UnidosEagles40
Grupo D
GalesDragons (Dragões)419
AustráliaWallabies416
FijiFlying Fijians47
GeórgiaLelos45
UruguaiLos Teros44