É oficial: o Saracens está rebaixado na Premiership, o Campeonato Inglês. A informação foi confirmada pela liga, que condenou o poderoso clube de Londres à segunda divisão por conta de ter quebrado as regras do teto salarial nas últimas três temporadas.

A Premiership conta com um sistema de teto salarial (salary cap), isto é, um orçamento máximo que cada clube pode usar anualmente para pagar salários de jogadores. O limite atual é de 7 milhões de libras (cerca de 37 milhões de reais), com mais 800 mil libras extras para pagamento de atletas formados no próprio clube.

O Saracens já havia sido punido com a perda de 35 pontos na classificação na atual temporada pela quebra do teto salarial da temporada anterior e a liga constatou que o clube não foi capaz de se adequar na atual temporada. Com isso, o Saracens jogará a segunda divisão de 2020-21, o que significa também que o clube não deverá poder jogar a próxima Heineken Champions Cup (a confirmar).

Potência dominante na Inglaterra nos últimos anos, o Saracens conquistou 5 títulos da Premiership, em 2011, 2015, 2016, 2018 e 2019, e outros 3 títulos da Heineken Champions Cup, a Copa Europeia, em 2016, 2017 e 2019, sendo o atual campeão das duas competições e base da seleção inglesa. O clube ainda conquistou no ano passado a Premiership Cup, a Copa da Inglaterra.

- Continua depois da publicidade -