Foto:Lais Girotto

Dia 12 de Outubro, o dia das finais dos Campeonatos Paulistas B, C e D, já tem confirmada quem serão as equipes que buscarão o título pelo Paulista B e a vaga para a elite, com Engenharia Mackenzie e Tucanos duelando para conquistar o título.

O Engenharia Mackenzie, líder invicto da fase regular, não encontrou dificuldades para passar pelo Rio Branco em jogo realizado na Arena Paulista. Os engenheiros encontraram um jogo pegado no começo, com ambas as equipes empenhadas em entregar tudo na semifinal, mas que contou com os forwards para dar início ao domínio que seria apresentado ao final, começando com dois tries do capitão Emir Peralta, aos 13′ e aos 22′, aproveitando a vantagem de ter um jogador a mais em campo por cartão amarelo, 12×00 para o Engenharia. Após a batalha dos forwards, os backs comandados por Josué Benatti começou a encontrar mais oportunidades ao manter o jogo intenso e fez um final de primeiro tempo fulminante com tries de André Gardesani, aos 28′, Guillermo Higutsi, aos 37′, e fechando com Gabriel Magalhães, aos 39′, deixando uma larga vantagem de 31×00 para o Engenharia.

O Rio Branco reagiu no começo do segundo tempo com o try de André Alvares, aos 9′, mas que seria insuficiente para barrar as investidas da equipe imbatível até o momento pelo Paulista B: com tries de Luis Presti, aos 15′, Gabriel Magalhães, aos 35′, e finalizando com Bruno Gardesani, no último lance, para fechar o jogo em 50×05. E Engenharia passa para a final em busca da inédita vaga para o Paulista A, comprovando ser uma das equipes em ascensão nos Paulistas, após vencer o Paulista C em 2017.

Em São Carlos, os rinocerontes amarelos e vermelhos também chegavam à semi na condição de invictos, tal qual o Engenharia Mackenzie, mas que o dia que foi armado para a equipe da casa não contava com um Tucanos em dia inspirado, surpreendendo os presentes no Estádio do Luisão.

- Continua depois da publicidade -

O jogo começou como esperado, com os forwards medindo força, e o São Carlos tentando embalar a velocidade de jogo característica durante a temporada, além das investidas do artilheiro Luis Cameirão. E foi com ele, aos 9′, que o placar foi inaugurado, após vencer o opositor para corrida para o ingoal. A surpresa foi que segundo centro do Tucanos, Rodrigo Hoffmann, seria o adversário direto de Cameirão, em duelo que marcaria o primeiro tempo. Foi dele que saíram os dois tries, aos 25′ e aos 32′, para virar o jogo em 07×12, para o Tucanos. Ao fim, Luis Cameirão iguala os tries igual ao seu opositor da camisa 13 e crava o seu segundo no último lance para empatar a partida em 12×12.

Na segunda etapa, o nervosismo dos rinocerontes começa a transparecer, notado na dificuldade de encaixar os scrums contra o poderoso pack dos Tucanos, que ficou famoso durante a temporada pela força e conjunto. Aproveitando o momento com mais posse de bola, o Tucanos domina a primeira metade da etapa e aos 13′, Abner Iranzo deixa o seu para colocar o Tucanos a frente por 19×12. Em momento que os forwards conseguiram um brilho momentâneo, Wiliam dos Santos, do São Carlos, deixa sua marca aos 24′, sem conversão, deixando tudo em 17×19. O contra golpe do Tucanos veio em seguida, aos 29′ com o try de Rafael Vallim, convertido, 17×26. No final do jogo, o São Carlos consegue um try suado, aos 37′, com Alexandre Bertuga, mas que assim como o try anterior, sem conversão, que acabou dando a vantagem necessária para o Tucanos conquistar a vitória por 22×26 em grande jogo em São Carlos.

Engenharia Mackenzie e Tucanos se enfrentarão no dia 12 de outubro, o SPAC, para definir o campeão do Paulista B de 2019.

Campeonato Paulista Série B – Semifinais

Dia 28/09/2019 às 15h30 – Engenharia Mackenzie 50 x 05 Rio Branco
Árbitro: Murilo Bragotto
Auxiliares: Fernando Zemann, Gabriel Leal; Barbara Boadas
Local: Arena Paulista – São Paulo, SP

 

Dia 28/09/2019 às 15h00 – São Carlos 22 x 26 Tucanos
Árbitro: Victor Hugo Barboza
Auxiliares: Everton Diniz, Barbara Martins; Aline Bianca
Local: São Carlos, SP