Estados Unidos: a nova fronteira

O rugby dos Estados Unidos vive um momento de expansão único. No ano passado, Chicago parou para assistir aos All Blacks e, há poucas semanas, a notícia da criação de um Seis Nações das Américas colocaram as expectativas sobre o esporte no país em outro patamar.

 

Porém, outros três grandes eventos já foram confirmados ou estão próximos de se tornarem realidade.

 

Wallabies em Chicago

A USA Rugby (federação de rugby dos Estados Unidos) já tem praticamente como certa mais uma ilustre visita neste ano. A entidade ofereceu nada menos que 1 milhão de dólares para a União Australiana de Rugby realizar seu último amistoso preparatório para a Copa do Mundo nos Estados Unidos. Nos dias 5 ou 6 de setembro, a determinar, os Wallabies desfilarão no mesmo palco onde ano passado estiveram os All Blacks, o Soldier Field, em Chicago. O oponente será também a seleção dos Estados Unidos, em ritmo final de preparação para a Copa do Mundo.

 

Harlequins vão à Filadélfia

Confirmadíssimo está outro amistoso preparatório para a Copa do Mundo. No dia 30 de agosto, a seleção dos EUA receberá o clube inglês Harlequins, na Filadélfia. Os Quins também estarão em fase final de preparação para a Premiership e deixam claro que estão de olho no ascendente mercado americano. O jogo será no PPL Park, casa do time de futebol da MLS Philadelphia Union, com capacidade para 18.500 torcedores.

 

NRFL começa a vender ingressos para a Independence Cup

Antes, no dia 3 de agosto, a Filadélfia ainda terá outro grande jogo, tornando-se quase a capital do rugby estadunidense neste ano. Mas, o palco será ainda maior: o Lincoln Field, casa do Philadelphia Eagles da NFL, com 69.000 lugares. O espetáculo, no entanto, será um marco: a Independence Cup, um duelo entre o Leicester Tigers, da Inglaterra, também de olho no mercado americano, e o novo NRFL Rough Riders. Quem?

 

A NRFL (National Rugby Football League) é uma entidade privada criada em 2014 com o intuito de formar uma liga profissional de rugby nos Estados Unidos em 2016. Em sua estratégia, a NRFL busca converter para o rugby atletas de elite de outros esportes, sobretudo os jogadores de futebol americano que não se fixaram na NFL, bem como jogadores de rugby de outros países e do próprio EUA e atletas de basquete, hóquei no gelo e atletismo. Seu projeto ganhou o apoio a NFL Network, braço de mídia da liga nacional de futebol americano, e a primeira grande ação do grupo será a Independence Cup. Para o evento, a NRFL colocará em campo os Rough Riders, primeira equipe formada pela liga, selecionada a partir dos 60 jogadores que foram escolhidos no primeiro camp realizado pela NRFL em abril do ano passado.

 

E você tem dúvida que a Independence Cup irá adiante? A NRFL já divulgou a lista dos atletas que estão treinando pelos Rough Riders (clique aqui para conferi-la) em sucessivos camps em Los Angeles e iniciou a venda dos ingressos para a partida com os Tigers, que confirmaram oficialmente sua participação na partida.

 

Sobre o lançamento da liga em 2016, a NRFL estipula a criação de seis a doza franquias, que em breve poderão ser anunciadas.

Comentários