A Federação Mineira de Rugby tem gestão nova. O novo presidente eleito é Daflas Cruz, do Nova Lima Rugby Clube, que assumiu o cargo para o período 2017-2021.

A proposta da nova diretoria é de reformular o sistema de competições do rugby mineiro, trabalhar o desenvolvimento e buscar parcerias e patrocinadores. “Estamos buscando encontrar um modelo de desenvolvimento para Minas Gerais, pensando no tamanho do estado”, pontuou Daflas. “Vamos visitar os três polos de desenvolvimento, que são o Sul, Triângulo e Região Metropolitana de BH, além de darmos também atenção às regiões do Norte, do Vale do Aço e a equipes que deixaram nossas competição, como é o caso do Juiz de Fora. Precisamos viajar para conhecer a realidade de cada clube do estado, pois queremos propiciar a volta dos clubes para as competições mineiras. E vamos também apoiar o BH na primeira divisão nacional, pois é a vitrine atual do rugby mineiro”, analisou Daflas.

A federação também pretende fazer uma reforma em seu estatuto e deverá em breve reformular seu site e evoluir nas redes sociais.

Além do campeonato de XV de 2018, que está sendo repensado, a FMR pretende evoluir o Circuito Mineiro de Sevens, tradicionalmente realizado no fim de ano, almejando a realizando de ao menos três etapas.

- Continua depois da publicidade -

A nova gestão da Federação Mineira lançou uma pesquisa para saber a situação dos clubes do estado. Clique aqui para contribuir.

 

Nova diretoria do FMR 2017/2021:

Presidente – Daflas Cruz (Nova Lima)

Vice – Miguel Balbino (Lavras)

Secretário – Filipe Gibran (BHR)

Diretor Desenvolvimento – Alfio Conti (BH)

Direto de competições – Jorge Imparato (BH)

Tesoureiro – José Augusto Queiroz (BH)