A CVC, fundo de investimento que já controlou a Fórmula 1 e agora vem entrando no rugby, comprou 28% da Celtic Rugby Ltd, a entidade que organiza o PRO14, a liga que reúne franquias de Irlanda, Gales, Escócia, Itália e África do Sul. Os outros 72% da entidade seguem controlados pelas federações de Irlanda, Gales, Escócia e, a partir de agora, Itália, à qual foi finalmente concedida participação na condição de sócia. Os sul-africanos seguem como convidados.

A primeira incursão da CVC no rugby foi a compra de 27% da Premiership Rugby Ltd, a liga inglesa, no fim de 2018. A CVC ainda negocia compra de 14% do Six Nations, mas a negociação está congelada no momento.

O PRO14 nasceu como Liga Celta (Celtic League), em 2001, envolvendo franquias regionais escoceses e irlandesas e clubes galeses. Gales substituiu clubes por franquias regionais em 2003 e, em 2009, times italianos se somaram à liga, que mudou de nome na sequência para PRO12. A expansão para PRO14, incluindo sul-africanos, ocorreu em 2017.