Foto: Getty Images/6 Nations

ARTIGO COM VÍDEO – O Six Nations – o campeonato europeu de 2019 – começou com um jogaço – e foi dos mais imprevisíveis. Em Paris, a França recebeu Gales, fez um primeiro tempo dominante, abriu frente de 16 x 00 antes do intervalo, mas levou a virada no segundo tempo. Ainda assim, os Bleus reagiram no fim, passaram a frente no placar, mas Gales assegurou o 24 x 19 de maneira dramática no apagar das luzes, abrindo o torneio com uma vitória crucial às suas pretensões de título – para a alegria do técnico Warren Gatland, que falou em janeiro que esse seria o jogo mais duro na luta pelo título para Gales.

A França foi dominante no primeiro tempo e poderia ter saído com um placar até maior do que o obtido. Os franceses começaram implacáveis, com vantagem no jogo de contato e try de Picamoles logo aos 5′, rompendo a defesa vermelha após bela troca de passes entre os avançados.

O problema do lado francês no início foram os chutes perdidos, com a conversão sendo desperdiçada, assim como um penal chutado para fora por Morgan Parra aos 11′. Os galeses por muito pouco não deram o troco aos 17′, quando Navidi efetuou linda roubada de bola e Liam Williams mergulhou no in-goal francês – porém, o fullback perdeu o contato com a bola a centímetros do apoio.

Os galeses ainda tiveram um penal desperdiçado e a máxima do quem não faz, leva, falou mais alto. Aos 22′, a França mostrou qualidade no jogo de mãos e Houget recebeu na ponta para marcar o segundo try azul.

- Continua depois da publicidade -

Gales perdeu mais um penal com Anscombe, enquanto a França teve grande chance de marcar try decisivo quando o jovem Penaud chutou para o in-goal e colocou Liam Williams sob pressão. A França acumulou nada menos que 70% de domínio territorial na primeira tempo e foi ao intervalo celebrando um perfeito drop goal de Camille Lopez, que colocou os tricolores com 16 x 00 de vantagem.

No entanto, o segundo tempo começou desesperador para o torcedor presente no Stade de France. Gales reduziu logo após o reinício em try de Tomos Williams, após bela ação de Josh Adams. E logo na sequência toda a vantagem construída pelos donos da casa foi pulverizada quando Huget cometeu erro fatal na recepção de bola a 5 metros do in-goal, com George North não perdoando e fazendo o segundo try dos Dragões.

Gales cresceu e aos 62′ Dan Biggar virou o placar para os visitantes com penal certeiro. A França não parecia se encontrar e Lopez ainda tentou responder com um drop goal bloqueado aos 68′. Mas logo na sequência Gales cedeu o penal e Lopez devolveu a frente aos Bleus com penal certeiro.

A França parecia voltar de vez ao jogo e controlava a posse de bola e o território. Até que outro erro individual custou a vitória aos Bleus. Vahaamahina telegrafou passe longo, que foi interceptado por North, o carrasco da noite. Try de Gales e 24 x 19 no placar. No fim, os Bleus ainda tiveram uma última posse de bola, mas a defesa vermelha falou mais alto e os Dragões conquistaram a vitória.

No próximo fim de semana, a França visitará a Inglaterra e Gales visitará a França.

19versus copiar24

França 19 x 24 Gales, em Paris

Árbitro: Wayne Barnes (Inglaterra)

França

Tries: Picamoles e Huget

Penais: Lopez (2)

Drop goal: Lopez (2)

15 Maxime Médard, 14 Damian Penaud, 13 Wesley Fofana, 12 Romain Ntamack, 11 Yoann Huget, 10 Camille Lopez, 9 Morgan Parra, 8 Louis Picamoles, 7 Arthur Iturria, 6 Wenceslas Lauret, 5 Paul Willemse, 4 Sebastien Vahaamahina, 3 Uini Atonio, 2 Guilhem Guirado (c), 1 Jefferson Poirot;

Suplentes: 16 Julien Marchand, 17 Dany Priso, 18 Demba Bamba, 19 Félix Lambey, 20 Greg Alldritt, 21 Baptiste Serin, 22 Gael Fickou, 23 Geoffrey Doumayrou;

Gales

Tries: North (2) e T Williams

Conversões: Biggar (3)

Penais: Biggar (1)

15 Liam Williams, 14 George North, 13 Jonathan Davies, 12 Hadleigh Parkes, 11 Josh Adams, 10 Gareth Anscombe, 9 Tomos Williams, 8 Ross Moriarty, 7 Justin Tipuric, 6 Josh Navidi, 5 Alun Wyn Jones (c), 4 Adam Beard, 3 Tomas Francis, 2 Ken Owens, 1 Rob Evans;

Suplentes: 16 Elliot Dee, 17 Wyn Jones, 18 Samson Lee, 19 Cory Hill, 20 Aaron Wainwright, 21 Gareth Davies, 22 Dan Biggar, 23 Owen Watkin;

 

 SeleçãoJogosPontos
Gales523
Inglaterra518
Irlanda514
França510
Escócia59
Itália50
- Grand Slam = 3 pontos;
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por diferença de 7 pontos ou menos = 1 ponto extra;