31/08/2018 - Centro Paralímpico Brasileiro, São Paulo, SP - Copa Caixa de Rugby - Gigantes x Minas. Foto: Daniel Zappe/CPB/MPIX

O time dos Gigantes, de Campinas-SP, sagrou-se campeão da Copa Caixa de Rugby em Cadeira de Rodas, nesta sexta-feira, 31, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. A partida, que teve transmissão ao vivo do SporTV 2, terminou com o placar de 48 a 47 para a equipe paulista, após prorrogação. O evento começou nesta terça-feira, 28, e contou com a participação de nove equipes: cinco na primeira divisão e quatro na segunda.

Com o triunfo, a equipe dos Gigantes dá o troco nos mineiros. Há pouco mais de um mês, eles amargaram o vice-campeonato brasileiro, igualmente realizado no CT Paralímpico, para o Minas Quad Rugby. Para chegar ao título nesta sexta-feira, os Gigantes tiveram uma partida equilibrada e com prorrogação. O Minas fechou o primeiro período com 13 a 12. Nos segundo e terceiro tempos, os mineiros também finalizaram na frente, com 23 x 22 e 35 x 33. No quarto e último tempo regular, os Gigantes empataram o jogo com 39 pontos e seguiram a partida ponto a ponto. Nos últimos seis centésimos, Júlio (Minas) empatou o jogo (45 x 45).

Na prorrogação, Minas saiu na frente e nos últimos segundos a equipe de Campinas conquistou o campeonato com o placar de 48 a 47, com ponto anotado por Higino nos segundos finais. O troféu erguido no início da noite desta sexta-feira, na quadra de rugby em cadeira de rodas do CT Paralímpico, coroa uma campanha perfeita dos paulistas. Na primeira fase, eles obtiveram 100% de aproveitamento nos cinco confrontos – um dos quais, sobre os mineiros, ainda na estreia, por 49 a 48. Contra os Ronins, o placar foi de 55 a 32. Na quinta, o time de Campinas venceu o BSB por 47 a 31 e os Gladiadores por 48 a 39.

“É um altíssimo rendimento, as duas equipes, ganhou quem conseguiu manter o alto nível por mais tempo. Os dois times foram muito bem. É um defendendo o outro, é união, é trabalho em equipe”, comemorou a técnica dos Gigantes, Ana Ramkrapes.

- Continua depois da publicidade -

Os Gladiadores venceram os Ronins, por 44 x 37, e ficaram com a medalha de bronze na Copa Caixa de Rugby em Cadeira de Rodas. Pela segunda divisão, Locomotiva, de Campo Largo-PR venceu o Irefes, de Vitória-ES, e o terceiro lugar ficou com a equipe Bebedouro-SP.

O artilheiro do campeonato foi o atleta Júlio Braz, do Minas Quad Rugby, com 96 pontos. “Como o rugby é um esporte coletivo, esse prêmio eu dedico a todos meus companheiros, porque sozinho a gente não consegue nada”, disse o fluminense de Mesquita, de 27 anos.

A transmissão pelo SporTV faz parte do Selo Brasil Paralímpico, parceria entre o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e o Grupo Globo. O acordo prevê a transmissão de diferentes eventos esportivos de modalidades paraolímpicas até o final do ano. A temporada 2018 do rugby em cadeira de rodas do Brasil ainda reserva para o fim de setembro, de 23 a 28, a 3ª semana de treinamentos da seleção brasileira, na ANDEF, em Niterói-RJ.

Escrito por: ABRC