ARTIGO COM VÍDEOS – Depois de Austrália e Nova Zelândia duelarem na sexta-feira, o Rugby League (o rugby de 13 jogadores) voltou a viver um dia pleno de seleções nacionais, com três jogos seguidos rolando no Campbeltown Stadium, no Oeste de Sydney, na Austrália, envolvendo 6 seleções de peso da modalidade de olho na Copa do Mundo deste ano. Com 5 nações do Pacífico, muitas danças foram exibidas no início dos jogos, abrilhantando o evento.

 

A jornada tripla largou com as Ilhas Cook, que não estarão no Mundial, encarando a tradicional Papua Nova Guiné, única nação da Oceania, além da Austrália, onde o League goza de maior popularidade que o Union. Os Kumuls não tiver facilidade, mas se impuseram em 5 tries contra 4. Stargroth Amean (2 vezes), Adex Wera, Wartovo Puara Junior e Nixon Put marcaram para a Papua.

 

- Continua depois da publicidade -

Depois, Tonga e Fiji mediram forças no jogo que prometia ser o mais parelho, o que se confirmou. Tonga quebrou os prognósticos iniciais e conquistou grande vitória por 26 x 24, graças ao try de Leilani Latu no apagar das luzes.

 

Por fim, a Inglaterra viajou até a Austrália para encarar Samoa, de olho no fortalecimento de seu elenco para quebrar um jejum de títulos Mundiais britânicos que se estende desde 1972. E os ingleses não desapontaram, fazendo 30 x 10 para cima dos fortes samoanos, diante de 18.271 pessoas. Ryan Hall, Stefan Ratchford, Josh Hodgson, James Graham e Jermaine McGillvary marcaram os tries da Inglaterra.

 

Agora, é contagem regressiva para a Copa do Mundo de Rugby League, que largará será jogada na Oceania a partir do dia 27 de outubro. Clique aqui para saber mais.

 

cook rl22versus(14)32png rl

Ilhas Cook 22 x 32 Papua Nova Guiné

 

tonga rl26versus(14)24fiji rl

Tonga 26 x 24 Fiji

 

inglaterra rl copy30versus(14)10samoa rl copy

Inglaterra 30 x 10 Samoa

 

Foto: NRL