ARTIGO COM VÍDEOS – Além da derrota brasileira contra os Estados Unidos, outros dois jogos movimentaram a penúltima rodada do Americas Rugby Championship. Uruguai e Argentina XV venceram e se mantiveram com chances de título ainda.

O Uruguai conseguiu sua maior vitória na história sobre o Chile, 67 x 15, em jogo apitado pelo brasileiro Henrique Platais, enquanto a Argentina XV venceu o Canadá por 40 x 15.

Na última rodada, o Uruguai receberá os EUA, em jogão decisivo, enquanto os argentinos visitarão o Brasil. Como o jogo entre uruguaios e estadunidenses será antes, os argentinos só terão chances de título caso os Teros saiam vitoriosos no jogo anterior.

 

- Continua depois da publicidade -

Uruguai triunfa com recorde sobre o Chile

O Uruguai foi implacável do começo ao fim em Santiago. Os Teros mostraram superioridade desde o primeiro tempo, abrindo 27 x 03, com direito a 3 tries, de Diana, Leivas e Favaro, somente respondidos no último lance do primeiro tempo, com Bursic. Os andinos esboçaram reação no começo da segunda etapa com Balbontín fazendo o segundo try logo nas volta dos vestiários, em interceptação, mas o mesmo Balbontín recebeu cartão vermelho aos 56′ e a situação chilena degringolou. Foram 6 tries para os Teros no segundo tempo, com o asa Diana correndo para um hat-trick.

Placar final de 67 x 15 históricos, na maior vitória dos Teros na história sobre os Cóndores.


15versus copiar67

Chile 15 x 67 Uruguai, em Santiago

Árbitro: Henrique Platais (Brasil)

Chile

Tries: Bursic e Balbontín

Conversões: Ianiszewski (1)

Penais: Ianiszewski (1)

15 Tomás Ianiszewski, 14 Matías Balbontín, 13 Javier Lavanderos, 12 Francisco de la Fuente, 11 Ítalo Zunino, 10 José Tomás Baraona, 9 Domingo Saavedra, 8 Benjamín Soto, 7 Anton Petrowitsch, 6 Javier Richard (c), 5 Mario Mayol, 4 Nikola Bursic, 3 Vittorio Lastra, 2 Tomás Dussaillant, 1 Sebastián Otero;

Suplentes: 16 Rodrigo Moya, 17 Basilio Díaz, 18 Claudio Iturra, 19 Nicolás Garafulic, 20 Alfonso Escobar, 21 Beltrán Vergara, 22 Benjamín Pizarro, 23 Diego Ramírez;

Uruguai

Tries: Diana (3), Favaro (2), Leivas, De León, Mieres e Blengio

Conversões: Albanell (4)

Penais: Albanell (2)

15 Rodrigo Silva, 14 Leandro Leivas, 13 Joaquín Prada, 12 Andrés Vilaseca (c), 11 Federico Favaro, 10 Germán Albanell, 9 Tomás Inciarte, 8 Juan Diego Ormaechea, 7 Manuel Diana, 6 Rodolfo Garese, 5 Diego Ayala, 4 Ignacio Dotti, 3 Juan Echevarría, 2 Germán Kessler, 1 Mateo Sanguinetti;

Suplentes: 16 Matías Benítez, 17 Carlos Arboleya, 18 Felipe Inciarte, 19 Juan Manuel Etcheverry, 20 Diego Magno, 21 Andrés De León, 22 Gastón Mieres, 23 Manuel Blengio;

 

Argentina XV segue no páreo pelo título

Jogando em Jujuy, perto da fronteira com a Bolívia, a Argentina XV manteve suas esperanças de título derrotando o Canadá – cansado da longa viagem – por 40 x 15, no encerramento da rodada.

Os argentinos estiveram sempre na frente no placar, com 3 tries saindo em menos de 30 minutos, com Mensa, Álvarez e Resino, com os donos da casa tendo profundidade nas jogadas e mostrando qualidade na linha. Barkwill, aos 31′, reduziu para os Canucks a partir de maul, mas o segundo tempo largou com mais 2 tries argentinos, com Resino e Montagner, liquidando a sorte do jogo, ambos na velocidade. Os Canucks ainda mostraram melhoras, com o scrum-half Phil Mack cravando o segundo try aos 56′. Mas, a palavra final foi argentina, com Arias, aos 76′, fechando o placar.

 

40versus copiar15

Argentina XV 40 x 15 Canadá, em Jujuy

Árbitro: Joaquín Montes (Uruguai)

Argentina XV

Tries: Resino (2), Mensa, Álvarez, Montagner e Arias

Conversões: Mallía (4) e González (1)

15 Juan Carlos Mallía, 14 Santiago Álvarez, 13 Santiago Resino, 12 Juan Cappiello, 11 Rodrigo Etchart, 10 Lucas Mensa, 9 Felipe Ezcurra, 8 Santiago Montagner, 7 Tomás De La Vega (c), 6 Mariano Romanini, 5 Ignacio Larrague, 4 Santiago Portillo, 3 Santiago Medrano, 2 Gaspar Baldunciel, 1 Franco Brarda;

Suplentes: 16 Diego Fortuny, 17 Francisco Ferronato, 18 Lucas Favre, 19 Jerónimo Ureta, 20 Nicolás Sbrocco, 21 Gregorio Del Prete, 22 Juan Cruz González, 23 Gastón Arias;

Canadá

Tries: Barkwill e Mack

Conversões: Staller (1)

Penais: Staller (1)

15 Patrick Parfrey, 14 Cole Davis, 13 Doug Fraser, 12 Nick Blevins, 11 Brock Staller, 10 Robbie Povey, 9 Phil Mack (c), 8 Dustin Dobravsky, 7 Lucas Rumball, 6 Kyle Baillie, 5 Conor Keys, 4 Josh Larsen, 3 Jake Ilnicki, 2 Ray Barkwill, 1 Djustice Sears-Duru;

Suplentes: 16 Martial Lagain, 17 Anthony Luca, 18 Ryan Kotlewski, 19 Noah Barker, 20 Cameron Polson, 21 Andrew Ferguson, 22 Giuseppe Du Toit, 23 Kainoa Lloyd;

 

EquipeApelidoPJVED4+-7PPPCSP
Estados UnidosEagles2455004019768129
ArgentinaArgentina XV2154014116969100
UruguaiTeros1453022016815711
CanadáCanucks115202301321293
BrasilTupis451030063159-96
ChileCóndores150050171218-147
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por 7 pontos ou menos de diferença = 1 pontos extra;

Foto: URU