ARTIGO COM VÍDEO – Nessa sexta-feira, em Colônia do Sacramento, o Uruguai recebeu a seleção de desenvolvimento da Argentina, a Argentina XV, no jogo final da Copa Sul-Americana, a Sudamérica Rugby Cup, a máxima competição da América do Sul. O jogo prometia e entregou, com os argentinos se sagrando mais uma vez campeões, mas em um jogo eletrizante que quase teve os Teros conseguindo um feito histórico. 38 x 33 no marcador.

O primeiro tempo foi lá e cá, com 21 x 14 para os argentinos. Schulz fez o primeiro try para os visitantes, respondido prontamente com try de Diana para os uruguaios. A Argentina parecia ganhar frente com 2 tries seguidos, de Montagner e a Baldunciel, mas o ótimo scrum-half uruguaio Arata guardou o seu antes do intervalo, deixando a diferença em um try.

A virada uruguaia veio no segundo tempo com estilo, com Cat guardando 3 penais e Vilaseca cravando o terceiro try dos Teros, que se puseram na frente em 30 x 21. A reação argentina só veio na reta final, com Felipe Ezcurra fazendo try aos 68′, para reduzir a diferença. Aos 71′, no entanto, Cat chutou novo penal e os Teros se aproximaram de um histórico título como nunca. Porém, o gás final argentino foi cruel e a virada saiu com tries salvadores de Portillo, aos 77′, e de Cuaranta, na última bola, fazendo 38 x 33 para os visitantes.

Título argentino mais sofrido da história do Sul-Americano.

- Continua depois da publicidade -

 

33versus copiar38

Uruguai 33 x 38 Argentina XV, em Colônia de Sacramento

Árbitro: Henrique Platais (Brasil)

Uruguai

Tries: Diana, Arata e Vilaseca

Conversões: Cat (3)

Penais: Cat (4)

1 Mateo Sanguinetti, 2 Germán Kessler, 3 Mario Sagario; 4 Ignacio Dotti, 5 Diego Ayala; 6 Juan Manuel Gaminara (c), 7 Manuel Diana, 8 Alejandro Nieto; 9 Santiago Arata, 10 Rodrigo Silva; 11 Gastón Gibernau, 12 Andrés Vilaseca, 13 Juan Manuel Cat, 14 Leandro Leivas, 15 Gastón Mieres;

Suplentes: 16 Carlos Pombo, 17 Matías Benitez, 18 Juan Echeverria, 19 Diego Magno, 20 Rodolfo Garese, 21 Guillermo Lijtenstein, 22 Agustín Della Corte, 23 Rodrigo Bocking;

Argentina XV

Tries: Schulz, Montagner, Baldunciel, F Ezcurra, Portillo e Cuaranta

Conversões: Elias (3) e Delguy (1)

1 Francisco Ferronato, 2 Gaspar Baldunciel, 3 Benjamín Espinal; 4 Jerónimo Ureta, 5 Diego Galetto; 6 Rodrigo Bruni, 7 Lautaro Bavaro (c), 8 Santiago Montagner; 9 Felipe Ezcurra, 10 Martín Elías; 11 Germán Schulz, 12 Bautista Ezcurra, 13 Juan Cappiello, 14 Sebastián Cancelliere, 15 Bautista Delguy;

Suplentes: 16 Axel Zapata, 17 Franco Brarda, 18 Santiago Medrano, 19 Juan Cruz Guillemain, 20 Santiago Portillo, 21 Nicolás Cantarutti, 22 Juan Cruz Mallía, 23 Franco Cuaranta.


 

AnoSedeCampeãoVice campeão3º lugar4º lugar5º lugar
1951Buenos Aires (Argentina)ArgentinaUruguaiChileBrasil
1958Santiago e Viña del Mar (Chile)ArgentinaChileUruguaiPeru
1961Montevidéu (Uruguai)ArgentinaChileUruguaiBrasil
1964São Paulo (Brasil)ArgentinaBrasilUruguaiChile
1967Buenos Aires (Argentina)ArgentinaChileUruguai
1969Santiago (Chile)ArgentinaChileUruguai
1971Montevidéu (Uruguai)ArgentinaChileUruguaiBrasilParaguai
1973São Paulo (Brasil)ArgentinaUruguaiChileBrasilParaguai
1975Assunção (Paraguai)ArgentinaChileUruguaiBrasilParaguai
1977Tucumán (Argentina)ArgentinaUruguaiChileParaguaiBrasil
1979Santiago e Viña del Mar (Chile)ArgentinaUruguaiChileBrasilParaguai
1981*Montevidéu (Uruguai)UruguaiChileParaguaiBrasil
1983Buenos Aires (Argentina)ArgentinaUruguaiChileParaguai
1985Assunção (Paraguai)ArgentinaUruguaiChileParaguai
1987Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileParaguai
1989Montevidéu (Uruguai)ArgentinaUruguaiChileBrasilParaguai
1991Todos os paísesArgentinaUruguaiChileParaguaiBrasil
1993Todos os paísesArgentinaUruguaiParaguaiChileBrasil
1995Todos os paísesArgentinaUruguaiChileParaguai
1997Todos os paísesArgentinaUruguaiChileParaguai
1998Todos os paísesArgentinaUruguaiChileParaguai
2000Montevidéu (Uruguai)ArgentinaUruguaiChile
2001Todos os paísesArgentinaUruguaiChileParaguai
2002Mendoza (Argentina) e Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileParaguai
2003Montevidéu (Uruguai)ArgentinaUruguaiChileParaguai
2004Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileVenezuela
2005Buenos Aires (Argentina)ArgentinaUruguaiChile
2006Todos os paísesArgentinaUruguaiChile
2007Todos os paísesArgentinaUruguaiChile
2008Todos os paísesArgentinaUruguaiChile
2009Montevidéu (Uruguai) e Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileBrasilParaguai
2010Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileBrasilParaguai
2011Puerto Iguazu (Argentina)ArgentinaChileUruguaiBrasilParaguai
2012Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileBrasil
2013Montevidéu (Uruguai) e Temuco (Chile)ArgentinaUruguaiChileBrasil
2014Todos os paísesUruguaiParaguaiBrasilChile
2015Todos os paísesChileUruguaiParaguaiBrasil
2016Todos os paísesUruguaiChileBrasilParaguai
2017Todos os paísesUruguaiChileBrasilParaguai
2018Todos os países----
RankingTítulosVices3ºs lugares4ºs lugares5ºs lugares
Argentina340000
Uruguai427800
Chile1112520
Paraguai023138
Brasil013143
Venezuela00010
Peru00010
Copa Sul-Americana**
2014Montevidéu, Paysandu (Uruguai) e Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChile
2015Montevidéu (Uruguai) e Assunção (Paraguai)ArgentinaUruguaiParaguai
2016Colonia de Sacramento (Uruguai) e Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChile
2017Colonia de Sacramento (Uruguai) e Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChile
RankingTítulosVices3ºs lugares
Argentina300
Uruguai030
Chile002
Paraguai001
Sul-Americano "B"
AnoSedeCampeãoVice campeão3º lugar4º lugar5º lugar
2000São Paulo (Brasil)BrasilVenezuelaPeru
2001Todos os paísesBrasilVenezuelaPeruColômbia
2002Lima (Peru)BrasilPeruVenezuelaColômbia
2003Bogotá (Colômbia)VenezuelaBrasilColômbiaPeru
2004São Paulo (Brasil)ParaguaiBrasilPeruColômbia
2005Assunção (Paraguai)ParaguaiBrasilPeruColômbiaVenezuela
2006Caracas (Venezuela)BrasilColômbiaVenezuelaPeruCosta Rica
2007Lima (Peru)BrasilPeruColômbiaVenezuela
2008Luque (Paraguai)BrasilParaguaiVenezuelaColômbiaPeru
2009San José (Costa Rica)ColômbiaVenezuelaPeruCosta Rica
2010Medellín (Colômbia)PeruVenezuelaColômbiaCosta Rica
2011Lima (Peru)VenezuelaPeruColômbiaCosta Rica
2012Valencia (Venezuela)ParaguaiColômbiaVenezuelaPeru
2013Luque (Paraguai)ParaguaiColômbiaPeruVenezuela
2014Apartadó (Colômbia)ColômbiaVenezuelaPeruEquador
2015Lima (Peru)ColômbiaPeruVenezuelaEquador
2016Lima (Peru)ColômbiaVenezuelaPeruEquador
2017Lima (Peru) e Medellín (Colômbia)ColômbiaVenezuelaPeru-
Sul-Americano "C"
AnoSedeCampeãoVice campeão3º lugar4º lugar
2012Cidade da Guatemala (Guatemala)Costa RicaGuatemalaEquadorEl Salvador
2013San José (Costa Rica)EquadorCosta RicaGuatemalaEl Salvador
2014Balboa (Panamá)El SalvadorGuatemalaCosta RicaPanamá
2015San Salvador (El Salvador)GuatemalaCosta RicaEl SalvadorPanamá
2016Cidade da Guatemala (Guatemala)GuatemalaCosta RicaPanamáEl Salvador
2017San José (Costa Rica)Costa RicaGuatemalaNicaráguaPanamá
2018-----
* Argentina não participou em 1981;

**A partir de 2014, a Argentina não participa do Campeonato Sul-Americano de Rugby. Mas, os dois primeiros colocados da competição enfrentam no ano seguinte a Argentina na Copa Sul-Americana (Copa CONSUR em 2014 e 2015, Copa Sudamérica Rugby a partir de 2016), que passou a ser o título máximo do continente.

 

Foto: URU