Brasil tem lista de 28 nomes para encararem o Chile no Pacaembu

Na semana em que comemora 76 anos, o Pacaembu é o palco do clássico entre Brasil e Chile, pela segunda rodada do Campeonato Sul-Americano Masculino de Rugby XV. A partida acontecerá neste sábado (30), a partir das 16h15, no local. Os ingressos para o confronto são gratuitos, mediante a doação de 1 pacote/lata de leite ou 1kg de feijão. Os mantimentos serão doados para a Associação Cruz Verde.

 

Palco de grandes jogos, decisões e espetáculos, o Pacaembu celebra o seu aniversário nesta quarta-feira (27). Identificado com o futebol, o estádio está marcado na história do rugby. O recorde de público do esporte, no País, ocorreu em dezembro de 2015, quando 10.480 torcedores impulsionaram os Tupis diante da Alemanha, em test match realizado no local.

 

Nesta semana, os jogadores ficam na capital paulista para o período de treinamentos técnicos, táticos e físicos. Eles estão reunidos no Núcleo de Alto Rendimento (NAR). O técnico Rodolfo Ambrosio ajustará a equipe visando ao duelo contra o adversário sul-americano e anunciou uma lista preliminar de 28 nomes, 2 a menos do que a primeira lista para o jogo com o Uruguai. Não há nenhuma novidade, mas, desta vez, os Tupis não contarão com Estrela e Sábados.

 

Em fevereiro, as duas seleções se enfrentaram pelo Americas Rugby Championship, em Santiago, com derrota brasileira por 25 x 22. Após encarar o Chile, o Brasil fecha a sua participação no Sul-Americano diante do Paraguai, no dia 7, fora de casa.

 

Antes do jogo, o público poderá aproveitar as ações preparadas pelos patrocinadores da CBRu. A troca dos ingressos se iniciará a partir das 12h. Na sexta, também haverá atendimento aos amantes do esporte para adquirição das entradas.

 

Atletas: André Arruda (Desterro); Arthur Bergo (SPAC); Beukes Cremer (Poli); Caique Silva (*em transição); Cleber Dias (Wallys); Daniel Sancery (São José); Diego Lopez (Pasteur); Felipe Sancery (São José); Gabriel Paganini (Bandeirantes Saracens); Guilherme Coghetto (Desterro); João Luiz da Ros (Desterro); Jonatas Paulo (Bandeirantes Saracens); Laurent Bourda (Bandeirantes Saracens); Luan Almeida (Jacareí); Lucas Abud (SPAC); Lucas Duque (São José); Lucas Muller (Desterro); Lucas Piero de Moraes (Desterro); Mark Jackson (Desterro); Matheus Wolf (Joaca); Moisés Duque (São José); Nicholas Smith (SPAC); Philip Ramos (Desterro); Rafael Carnivale (SPAC); Robert Tenório (Pasteur); Stefano Giantorno (*em transição); Wilton Rebolo (São José) e Yan Rosetti (CUBA, Argentina).

 

Comentários