Chile sem treinador às vésperas do 6N, enquanto Uruguai tem novo comandante

Notícias pela América do Sul!

 

Esteban Meneses é o novo técnico do Uruguai

Nessa terça-feira, a União de Rugby do Uruguai (URU) deu as boas vindas a seu novo treinador: o argentino Esteban Meneses. A mudança no comando dos Teros se deu após a promoção de Pablo Lemoine, treinador da equipe na Copa do Mundo e ídolo do rugby uruguaio, à condição de diretor do novo centro de alto rendimento da URU no Estádio Charrua.

 

Meneses tem vasta experiência como treinador, tendo comandado dois dos mais fortes clubes de Buenos Aires, o CUBA e o La Plata, e a própria seleção de Buenos Aires. A recomendação veio de ninguém menos que o técnico da Argentina, Daniel Hourcade.

 

Chile perde treinador às vésperas do Campeonato das Américas

No Chile, o caminho é o oposto. Com menos de dois meses para o início do Campeonato das Américas, os Cóndores não têm treinador. O australiano Paul Healy pediu demissão na semana passada, insatisfeito com os rumos que vem tomando a seleção do país. A própria Federação Chilena já havia recebido críticas públicas do abertura dos Cóndores, Francisco Moller, que declarou ao Americas Rugby News que a administração do rugby do país está no caminho errado.

 

Healy deixou o comando do Chile com fortes declarações, criticando que o ambiente interno das seleções, o projeto de alto rendimento e os rumos da gestão do rugby no país. Seu substituto ainda não foi definindo.

 

Nicolás Sánchez recebe prêmio de jornalistas

Na Argentina, a notícia da semana foi o prêmio dado ao abertura dos Pumas Nicolás Sánchez. O jogador recebeu o prestigiado Olimpia de Prata, prêmio dado pela Associação de Jornalistas Esportivos da Argentina aos atletas de destaque do ano. “Nico” ficou atrás apenas da judoca Paula Pareto, campeã mundial em 2015.

 

 

 

 

Comentários