Austrália elimina a Inglaterra em Twickenham

ARTIGO COM VÍDEO – A Austrália jogou muito bem hoje em Twickenham e calou o templo do rugby na Inglaterra. A equipe da Oceania dominou o jogo contra uma Inglaterra pressionada e, em alguns momentos, apática do início ao fim. E o resultado não poderia ter sido outro: vitória dos Wallabies por 33 a 13. Stuart Lancaster colheu o fruto de suas escolhas de jogadores. Um time pouco criativo com poucas variações de jogadas. Um time forte, mas previsível.

 

O jogo começou intenso e veloz, com Austrália já querendo pontuar em jogada incisiva de Israel Folau, mas Mike Brown salvou com um belo tackle a jogada que começou com um erro do próprio Mike Brown. Pouco tempo depois, em momento de pressão da Austrália, Owen Farrell colocou-se em impedimento em ruck e Bernard Foley chutou para os paus para converter. Os Wallabies sairiam na frente: 3 x 0.

 

Três minutos depois a resposta da Inglaterra. A força da equipe da Rosa no scrum era evidente e aos 10 minutos, o scrum australiano colapsou e Farrell chutou para a conversão do penal marcado. Então, tínhamos um empate em 3. Aos 18 minutos, em um ataque bem trabalhado pela linha australiana, Foley encontrou falha na marcação dos ingleses e por ela entrou para anotar o primeiro try da partida. Ele mesmo chutou e converteu. Wallabies na frente novamente, 10 x 3.

 

O jogo seguia equilibrado, mas o domínio das ações eram australianas, apesar do domínio inglês no scrum. Prova disso é que a Inglaterra vencia os scrums, mas a Austrália recuperava não muito depois com as grandes atuações de Michael Hooper e de David Pocock que recuperavam a bola na maioria dos rucks do time de branco. E aos 33 minutos, em um contra-ataque australiano, excelente troca de passes entre Foley e Kurtley Beale levou a Austrália ao seu segundo try. O segundo de Foley que também converteu dando os números do primeiro tempo: 17 x 3 para os Wallabies.

 

O segundo tempo começou como terminara a primeira etapa. Inglaterra dominando os scrums, mas o domínio do jogo era da Austrália que jogava confortavelmente sem ser ameaçada. E Pocock continuava a dominar os rucks em pescadas excelentes.

 

O pack da Austrália começou a equilibrar as disputas e aos 7 minutos, os Wallabies empurraram a Inglaterra até provocar penal inglês. Foley chutou aos postes e converteu. Neste momento a vantagem se ampliou para 20 x 3.

 

Aos 15 minutos, a Inglaterra deu indícios de uma reação. Em uma boa jogada da linha da Inglaterra, que voltou alterada do intervalo com George Ford e Farrell, Anthony Watson entrou no ingoal da Austrália e anotou o primeiro try da Inglaterra. Farrell chutou e executou a conversão do try. A equipe da Rainha, diminuíra a diferença para 20 x 10. Pouco tempo depois, a Inglaterra diminuiria com outro penal cobrado por Farrell, deixando então 20 x 13.

 

Aos 30 minutos, o que já estava difícil, piorou. Farrell executou um tackle alto e sem bola em Matt Giteu e foi penalizado com o cartão amarelo. Na cobrança da penalidade, Foley converteu e ampliou a diferença novamente, agora para 23 x 13. Jogando com um a menos, a força e persistência do time de branco acabou. O scrum não vencia mais as disputas e passou a ser atropelado. Ao ser atropelado aos 34 minutos, o scrum australiano passou por cima do scrum inglês e mais um penal para Foley cobrar e converter. Wallabies 26 x 13.

 

E aos 39 minutos, o golpe de misericórdia foi desferido. Inglaterra pressionando para reverter a situação, mas a bola foi roubada e em um belo contra-ataque que terminou com o try de Matt Giteau que Foley converteu dando os números finais ao placar: Wallabies 33 x 13.

 

Com esta derrota, a Inglaterra não tem mais chances de ser uma dos dois primeiros times do grupo. Inglaterra tem 6 pontos ganhos, 7 a menos que Austrália e Gales. Pela primeira vez na história do torneio, a Inglaterra é eliminada na primeira fase. E para infelicidade, em casa. Agora o palco da Copa do Mundo está privado de ver a exibição de mais jogos de sua equipe, na qual se acreditava muito. Mas, no grupo em que está, a Inglaterra não poderia ter perdido para as duas equipes mais fortes da chave, se quisesse seguir adiante. Isso expõe Stuart Lancaster ao que se dizia anteriormente ao torneio por ele montar um grupo que não tinha todos os melhores jogadores ingleses no momento da convocação.

 

Os Wallabies definem contra Gales no próximo sábado quem será o primeiro do grupo e que enfrentará o segundo colocado do Grupo B, de África do Sul, Escócia e Japão.

 

 

inglaterra novo  13   versus copiar  33  australia%281%29

 

Inglaterra 13 x 33 Austrália, em Twickenham, Londres

Árbitro: Romain Poite (França)

 

Inglaterra

 

Try: Watson
Conversão: Farrell
Penais: Farrell (2)

 

15 Mike Brown, 14 Anthony Watson, 13 Jonathan Joseph, 12 Brad Barritt, 11 Jonny May, 10 Owen Farrell, 9 Ben Youngs, 8 Ben Morgan, 7 Chris Robshaw (c), 6 Tom Wood, 5 Geoff Parling, 4 Joe Launchbury, 3 Dan Cole, 2 Tom Youngs, 1 Joe Marler.

Suplentes: 16 Rob Webber, 17 Mako Vunipola, 18 Kieran Brookes, 19 George Kruis, 20 Nick Easter, 21 Richard Wigglesworth, 22 George Ford, 23 Sam Burgess

 

 

 

 

Austrália

 

Tries: Foley (2), Giteau
Conversões: Foley (3)
Penais: Foley (4)

 

15 Israel Folau, 14 Adam Ashley-Cooper, 13 Tevita Kuridrani, 12 Matt Giteau, 11 Rob Horne, 10 Bernard Foley, 9 Will Genia, 8 David Pocock, 7 Michael Hooper, 6 Scott Fardy, 5 Rob Simmons, 4 Kane Douglas, 3 Sekope Kepu, 2 Stephen Moore (c), 1 Scott Sio.

Suplentes: 16 Tatafu Polota-Nau, 17 James Slipper, 18 Greg Holmes, 19 Dean Mumm, 20 Ben McCalman, 21 Nick Phipps, 22 Matt Toomua, 23 Kurtley Beale

 

 

Histórico: 44 jogos, 25 vitórias da Austrália, 18 vitórias da Inglaterra e 1 empate.

 

 

 

 

ClubePJVED4+-7PPPCSP
Grupo A
Austrália1744001014135106
Gales134301101116744
Inglaterra114202211337558
Fiji541031084101-17
Uruguai040040030226-196
Grupo B
África do Sul1643013117656120
Escócia144301201421393
Japão1243010098100-2
Samoa641031169124-55
Estados Unidos040040050156-106
Grupo C
Nova Zelândia1944003017449125
Argentina1543013017970109
Geórgia842020053122-69
Tonga641031170130-60
Namíbia140040170174-104
Grupo D
Irlanda1844002013535100
França144301201176453
Itália104202117488-14
Romênia441030060126-66
Canadá240040258141-83

Comentários