Escócia afasta zebra e derrota Japão

ARTIGO COM VÍDEO – O mundo do rugby parou nesta quarta-feira para ver a sensação Japão enfrentar a Escócia pelo Grupo B da Copa do Mundo, em Gloucester. Já ciente do potencial do Japão, a Escócia tinha grande vantagem para a partida, pois fazia sua estreia no Mundial, enquanto os japoneses tiveram insuficientes três dias de intervalo entre sua estreia triunfante contra os Springboks e o duelo com os escoceses. O jogo contra os sul-africanos foi particularmente complicado e muito físico, impondo grande desgaste ao time de Eddie Jones. O resultado foi um jogo duro e parelho no qual o Japão aguentou até onde deu, mas a Escócia atropelou no fim e garantiu um precioso bônus que a colocou na liderança do grupo.

 

O início da partida provou a dificuldade que a Escócia teria, com o Japão exercendo pressão no pack e tendo bons momentos. Porém, ao contrário do que fizeram contra os Boks, os Brave Blossoms perderam a mão da disciplina e exageraram nos penais, permitindo que Laidlaw fosse abrindo frente para o Cardo, com penais aos 2′ e aos 11′. O Japão não se assustou e, após lateral, emplacou um maul devastador que resultou no primeiro try da partida, com Mafi finalizando.

 

O troco veio aos 17′ com Laidlaw colocando mais três pontos no placar, repetindo a dose aos 19′. Aos 22′, Matsushima recebeu amarelo e a Escócia teve tudo para deslanchar, mas o Japão cresceu, dominou o jogo de contato e se Goromaru não tivesse jogado penal para fora poderia ter encostado de vez no marcador. Goromaru, contudo, salvou o Japão no fim com belo tackle de Seymour. 12 x 7.

 

O Japão voltou melhor dos vestiários e Goromaru adicionou penal aos 45′, que colocou os Brave Blossoms muito próximos da virada. Mas, a resposta britânica foi imediata e, aos 47′, John Hardie arrancou na ponta, manteve a bola viva com offload e apareceu para finalizar um belo try.

 

Os japoneses ainda se mantiveram bem no jogo, mas o físico começou a pesar, sobretudo já sem o motor Mafi. A dupla Laidlaw e Russell começou a funcionar e a ligação para a linha apareceu. Aos 55′, veio o golpe fatal, com Hogg achando o espaço para penetrar e, no apoio, Mark Bennett cravou o try. A porta se abriu e, aos 63′, após boa ação de maul do Japão, a Escócia liquidou com Tommy Seymour interceptando passe e correndo meio campo para o try. Aos 68′, Bennett cruzou novamente o in-goal, depois de pressão nas 22, garantindo o bônus. E, aos 73′, Finn Russell deu números finais com o quinto try. 45 x 10.

 

A Escócia joga daqui quatro dias – provando da mesma situação que o Japão – contra os Estados Unidos, enquanto o Japão, enfim, descansa e joga apenas dia 3 contra Samoa.

 

escocia logo45versus copiar10japão logo novo copiar

Escócia 45 x 10 Japão, em Gloucester

Árbitro: John Lacey (Irlanda)

Assistentes: George Clancy (Irlanda) e Marius Mitrea (Romênia) / TMO: Shaun Veldsman (África do Sul)

 

Escócia

Tries: Bennett (2), Hardie, Seymour e Russell

Conversões: Laidlaw (4)

Penais: Laidlaw (4)

15 Stuart Hogg, 14 Tommy Seymour, 13 Mark Bennett, 12 Matt Scott, 11 Sean Lamont, 10 Finn Russell, 9 Greig Laidlaw, 8 David Denton, 7 John Hardie, 6 Ryan Wilson, 5 Jonny Gray, 4 Grant Gilchrist, 3 WP Nel, 2 Ross Ford, 1 Alasdair Dickinson.

Suplentes: 16 Fraser Brown, 17 Ryan Grant, 18 Jon Welsh, 19 Richie Gray, 20 Josh Strauss, 21 Henry Pyrgos, 22 Peter Horne, 23 Sean Maitland.

 

Japão

Tries: Mafi

Conversões: Goromaru (1)

Penais: Goromaru (1)

15 Ayumu Goromaru, 14 Kotaro Matsushima, 13 Male Sa’u, 12 Yu Tamura, 11 Kenki Fukuoka, 10 Harumichi Tatekawa, 9 Fumiaki Tanaka, 8 Amanaki Mafi, 7 Michael Broadhurst, 6 Michael Leitch (c), 5 Justin Ives, 4 Luke Thompson, 3 Hiroshi Yamashita, 2 Shota Horie, 1 Keita Inagaki.

Suplentes: 16 Takeshi Kizu, 17 Masataka Mikami, 18 Kensuke Hatakeyama, 19 Shinya Makabe, 20 Shoji Ito, 21 Hendrik Tui, 22 Atsushi Hiwasa, 23 Karne Hesketh.

 

 

Clube P J V E D 4+ -7 PP PC SP
Grupo A
Austrália 17 4 4 0 0 1 0 141 35 106
Gales 13 4 3 0 1 1 0 111 67 44
Inglaterra 11 4 2 0 2 2 1 133 75 58
Fiji 5 4 1 0 3 1 0 84 101 -17
Uruguai 0 4 0 0 4 0 0 30 226 -196
Grupo B
África do Sul 16 4 3 0 1 3 1 176 56 120
Escócia 14 4 3 0 1 2 0 142 139 3
Japão 12 4 3 0 1 0 0 98 100 -2
Samoa 6 4 1 0 3 1 1 69 124 -55
Estados Unidos 0 4 0 0 4 0 0 50 156 -106
Grupo C
Nova Zelândia 19 4 4 0 0 3 0 174 49 125
Argentina 15 4 3 0 1 3 0 179 70 109
Geórgia 8 4 2 0 2 0 0 53 122 -69
Tonga 6 4 1 0 3 1 1 70 130 -60
Namíbia 1 4 0 0 4 0 1 70 174 -104
Grupo D
Irlanda 18 4 4 0 0 2 0 135 35 100
França 14 4 3 0 1 2 0 117 64 53
Itália 10 4 2 0 2 1 1 74 88 -14
Romênia 4 4 1 0 3 0 0 60 126 -66
Canadá 2 4 0 0 4 0 2 58 141 -83

Comentários