Irlanda passeia na estreia contra o Canadá

ARTIGO COM VÍDEO – A Irlanda começou com o pé direito a sua campanha no Mundial 2015 em uma vitória tranquila, de sete tries diante do Canadá. O favoritismo era amplo para os esmeraldas, mas mostrou que ainda existe muito espaço para melhorar, com erros nos passes e muitas chances desperdiçadas de pontuar.

 

Os irlandeses impuseram um ritmo forte desde o princípio, levando o jogo para o campo de ataque, mas a defesa adversária não facilitou, e tentou jogar, com boas participações de Nathan Hirayama, também da seleção de Sevens dos Canucks. E foram os vermelhos que tiveram a primeira chance de abrir o placar, em um penal desperdiçado de McRorie. Cinco minutos depois, Sexton mostrou como se faz e anotou três pontos para a Irlanda.

 

Com a  exclusão do capitão Cudmore, abriram-se mais espaços e os irlandeses anotaram mais dois tries com superioridade numérica, com Sean O’Brien e Iain Henderson, e antes do fim do primeiro tempo, os esmeraldas chegaram ao seu objetivo principal, conquistando o ponto de bonificação ofensivo, com tries de Sexton e Kearney, fechando o primeiro tempo em 29 a 0, evidenciando sua superioridade técnica e física sobre o adversário

 

O segundo tempo começou com o mesmo domínio verificado ao longo da primeira etapa, apesar do Canadá levar o jogo para o seu campo de ataque nos minutos iniciais. O técnico Joe Schmidt optou por utilizar o banco de reservas no segundo tempo e seus comandados não diminuiram o ritmo. Os Canucks tiveram seu melhor momento nos dez primeiros minutos, com a exclusão de Paul O’Connell ao tentar uma interceptação em offside, mas saiu de sua campanha sem pontuar. A Irlanda demorou para engrenar, e somente aos doze minutos voltou a pressionar, justamente no retorno de O’Connell, mas vítima de seus próprios erros, não ampliou.

 

O Canadá voltou ao ataque e chegou ao ingoal, porém teve o try corretamente anulado, pois recebeu o chute em posição de impedimento. A Irlanda retomou as ações do jogo e depois de um bom avanço no maul e fases, apoiou com Sean Cronin, aos 24 minutos. O Canadá descontou no minuto seguinte com DTH Van der Merwe em uma boa interceptação de chute de Payne, correndo metade do campo para apoiar no ingoal.

 

Mas a reação canadense acabou ali, o desgaste físico se fez evidente e a Irlanda anotou novamente depois de uma grande corrida de Keith Earls, servindo Rob Kearney sem marcação para apoiar debaixo dos postes. Madigan, em lance similar, rompeu a defesa pelo centro e serviu Jared Payne minutos depois.

Nos últimos minutos minutos, a Irlanda quase fechou a partida com uma importante margem de 50 pontos, mas falhou por duas vezes na finalização, fechando a vitória confortável em 50 a 7 para os europeus.

 

 

irlanda copy50 versus(14)07 canada copy copy
10h30 – Irlanda x Canadá, em Cardiff
Árbitro: Glen Jackson (Nova Zelândia)
Assistentes: Pascal Gaüzère (França) e Mike Fraser (Nova Zelândia) / TMO: Ben Skeen (Nova Zelândia)

Irlanda

Tries: Sean O’Brien, Henderson, Sexton, Kearney, Cronin, Keith Earls e Payne

Conversões: Sexton (4), Madigan (2)

Penais: Sexton

 

Titulares: 15 Rob Kearney, 14 Dave Kearney, 13 Jared Payne, 12 Luke Fitzgerald, 11 Keith Earls, 10 Jonathan Sexton, 9 Conor Murray, 8 Jamie Heaslip, 7 Sean O’Brien, 6 Peter O’Mahony, 5 Paul O’Connell (c), 4 Iain Henderson, 3 Mike Ross, 2 Rory Best, 1 Jack McGrath.
Suplentes: 16 Sean Cronin, 17 Cian Healy, 18 Nathan White, 19 Donnacha Ryan, 20 Chris Henry, 21 Eoin Reddan, 22 Ian Madigan, 23 Simon Zebo.

 

 

 

Canadá:

Try: DTH Van der Merwe

Conversão: Nathan Hirayama

 

Titulares: 15 Matt Evans, 14 Jeff Hassler, 13 Ciaran Hearn, 12 Nick Blevins, 11 DTH Van der Merwe, 10 Nathan Hirayama, 9 Gordon McRorie, 8 Aaron Carpenter, 7 John Moonlight, 6 Kyle Gilmour, 5 Jamie Cudmore (c), 4 Brett Beukeboom, 3 Doug Wooldridge, 2 Ray Barkwill, 1 Hubert Buydens.
Suplentes: 16 Benoit Piffero, 17 Djustice Sears-Duru, 18 Andrew Tiedemann, 19 Jebb Sinclair, 20 Richard Thorpe, 21 Phil Mack, 22 Liam Underwood, 23 Conor Trainor.

 

 

Clube P J V E D 4+ -7 PP PC SP
Grupo A
Austrália 17 4 4 0 0 1 0 141 35 106
Gales 13 4 3 0 1 1 0 111 67 44
Inglaterra 11 4 2 0 2 2 1 133 75 58
Fiji 5 4 1 0 3 1 0 84 101 -17
Uruguai 0 4 0 0 4 0 0 30 226 -196
Grupo B
África do Sul 16 4 3 0 1 3 1 176 56 120
Escócia 14 4 3 0 1 2 0 142 139 3
Japão 12 4 3 0 1 0 0 98 100 -2
Samoa 6 4 1 0 3 1 1 69 124 -55
Estados Unidos 0 4 0 0 4 0 0 50 156 -106
Grupo C
Nova Zelândia 19 4 4 0 0 3 0 174 49 125
Argentina 15 4 3 0 1 3 0 179 70 109
Geórgia 8 4 2 0 2 0 0 53 122 -69
Tonga 6 4 1 0 3 1 1 70 130 -60
Namíbia 1 4 0 0 4 0 1 70 174 -104
Grupo D
Irlanda 18 4 4 0 0 2 0 135 35 100
França 14 4 3 0 1 2 0 117 64 53
Itália 10 4 2 0 2 1 1 74 88 -14
Romênia 4 4 1 0 3 0 0 60 126 -66
Canadá 2 4 0 0 4 0 2 58 141 -83

Comentários