Inglaterra profissionaliza Seleção Feminina de XV, enquanto Ali Williams e Quade Cooper viram manchetes

Uma notícia alvissareira para o rugby XV feminino no mundo! Hoje, a RFU (a federação inglesa) anunciou contratos profissionais para 48 jogadoras, das quais 16 serão profissionais em tempo integral para se dedicarem ao XV, ao passo que outras 16 jogadoras terão contratos de tempo integral para sevens, por exemplo durante o Six Nations e a Copa do Mundo. As demais receberão salários menores, mas que já auxiliarão no crescimento da modalidade.

 

A notícia foi dada cerca de um ano antes do pontapé inicial para a Copa do Mundo Feminina de 2017, que acontecerá na Irlanda. Em novembro de 2016, a Inglaterra fará em casa três amistosos de XV feminino, contra França, no dia 9, Nova Zelândia, no dia 19, e Canadá, no dia 26, todos em Londres, sendo os dois primeiros no The Stoop, estádio do Harlequins, e o último em Twickenham, antes do duelo masculino entre Inglaterra e Argentina. As 16 atletas de tempo integral serão anunciadas após o Rio 2016.

 

Quade Cooper acerta volta à Austrália

Depois de temporada sem grande brilho no Toulon, da França, e tentativa fracassada de jogar sevens, o abertura australiano Quade Cooper acertou com a União Australiana de Rugby sua volta aos Wallabies e ao Super Rugby, firmando contrato central com a entidade. Cooper ainda não teve seu destino confirmado, mas será o Queensland Reds ou o Melbourne Rebels.

 

Joe Tomane deixará os Brumbies

Os Brumbies, por sua vez, já sabem que estão perto de dar adeus ao ponta Joe Tomane, de 26 anos. O atleta confirmou que deixará o Super Rugby ao final da atual temporada para jogar o Top 14 francês pelo Montpellier. Tomane tem 17 jogos pelos Wallabies.

 

Ali Williams voltou!

O segunda linha Ali Williams, de 35 anos, campeão do mundo em 2011 com os All Blacks, havia anunciado sua aposentadoria dos gramados no ano passado, dando seu adeus com a camisa do Toulon e dos Barbarians. Entretanto, Williams causou espanto nesta semana e confirmou seu retorno, fechando contrato com o campeão francês e vice campeão europeu Racing 92. Seu contrato começará em agosto e terá duração de um ano. Ele não aguentou ficar longe da ovalada!

 

Gonzalo Tiesi se aposenta

Já o argentino Gonzalo Tiesi, de 31 anos, confirmou sua aposentadoria do rugby. O centro de 38 jogos pelos Pumas teve uma carreira de lesões e o último clube que defendeu foi o Newcastle Falcons, da Inglaterra. Tiesi jogou duas Copas do Mundo pela Argentina e no total marcou 30 pontos por sua seleção.

 

Newcastle Falcons contrata tonganês

Para a próxima temporada da Premiership inglesa, o Newcastle Falcons acertou a contratação do ponta Viliami Fihaki, de 29 anos, da seleção de Tonga. O atleta estava no Edinburgh, da Escócia.

 

Louis Picamoles já está na Inglaterra

O oitavo francês Louis Picamoles já se apresentou a seu novo clube: o Northampton Saints. O terceira linha da seleção fez o caminho menos usual, deixando o Top 14 – e o Toulouse – para tentar sua sorte na Premiership. E ele já avisou: quer títulos.

 

Garcia vai para a quarta divisão francesa

A carreira está no fim para Gonzalo Garcia, centro da Itália, de 32 anos. Considerado o melhor jogador dos Azzurri no último Six Nations, Garcia anunciou que jogará a próxima temporada pelo Cahors, da quarta divisão da França. O jogador estava no Zebre, do PRO12, e deixará a Itália com o anúncio.

 

Paul O’Connell vira treinador da Academia do Munster

Aposentado em 2015, após a Copa do Mundo, o irlandês Paul O’Connell está de volta ao time onde fez tanta história: o Munster. O ex segunda linha da Irlanda e do Munster assumirá o comando da Academia da equipe vermelha, o equivalente ao time B.

 

Comentários