Panasonic Wild Knights conquista primeira vitória na Top League

ARTIGO COM VÍDEOS – A Top League japonesa alcançou nesse fim de semana sua segunda rodada com Verblitz, Sungoliath, Jubilo e Brave Lupus alcançando suas segundas vitórias. Já o atual campeão Panasonic Wild Knights comemorou seu primeiro triunfo.

 

Panasonic vence a primeira

O Kobelco Steelers abriu o placar após cobrança de penal por Codei Rei. A equipe azul respondeu aos 26 minutos com try do pilar Asaeli Ai, após várias fases abertas, Barnes converteu. uma disputa de chutes foi travada e o australiano dos WIld Knights levou a melhor.

 

Na segunda etapa, Tanaka foi oportunista no scrum e correu livre de marcação na esquerda para o segundo try, aos 19 minutos. Barnes é realmente um jogador diferenciado, depois de marcar três pontos em um chute de cerca de 40 metros, driblou a defesa vermelha e fez o try final do jogo (olho nele Michael Cheika!). A linda jogada individual do centro australiano fechou o placar: Panasonic Wild Knights 30, Kobelco Steelers 6.

Blues tem bom início de temporada enquanto Spears e Sparks decepcionam

A vitória apertada por 41 a 38 contra o Toyota Shuttles manteve o Sanix Blues embolado na parte de cima da tabela. Os azuis de Munakata jogaram bem, Andrew Everingham com três tries se destacou.

 

A equipe de Tatekawa não terá vida fácil nesta temporada, perdeu sua segunda partida, desta vez para o Toyota Verblitz, que bem diferente do seu conterrâneo Shuttles, continua brigando na ponta. A equipe da casa se segurou no primeiro tempo quando vencia por 10 a 8, mas no acréscimo tomou a virada e não pontuou mais. O ingoal enorme do campo em Sapporo foi explorado por Monji que em um dos tries cruzou para Taumoepeau que dominou a oval com folga para mergulhar. A vitória foi imponente, 27 a 10.

 

O Coca-Cola segue sua peregrinação em mais uma temporada de poucas esperanças. Um jogo que teve maior parte do tempo a bola mantida no meio do campo e uma posse bastante parelha, mas que tinha com o Kintetsu Liners a liderança no marcador desde os primeiros instantes, terminou em 26 a 19.


Príncipe Chichibu: Sungoliath detona antes do dérbi de Tóquio

Sete tries, seis conversões e um penal, assim os amarelos da capital venceram o Honda Heat que sequer marcou gol. Tradição não se consegue da noite para o dia, a camisa pesou e impôs. O retrospecto no Pricipe Chichibu é extremamente positivo e com 89% de posse de bola e 83% do primeiro tempo sendo jogado no campo do adversário fez com que a equipe de George Smith, autor de um try, terminasse o primeiro tempo vencendo por 17 a 0. A apática defesa do Heat ajudou, os tries da segunda etapa saíram facilmente. A posse de bola amarela foi de 76% ao fim do embate que terminou com o placar de 50 a 0.

 

No segundo jogo, o clássico da rodada foi Shinning Arcs versus Ricoh Black Rams. O primeiro tempo teve um placar pouco movimentado, apenas um try para o Arcs e dois penais para os pretos. O scrumhalf Hiraku Tomoigawa converteu os quatro tries de sua equipe e ainda foi o autor do ultimo deles. Ainda teve tempo para Pohiva Yamato Lotoahea descontar no apagar das luzes, mas a vitória amarela já estava sacramentada. NTT Shinning Arcs 28, Black Rams 13.

Demais resultados: Yamaha e Toshiba demonstram superioridade

O Yamaha Júbilo segue bem, venceu o Canon Eagles por 35 a 16. Os azuis de Iwata dominaram os Eagles e ficaram na dianteira durante todo o jogo.  Gerhard van den Heever está disposto a fazer o torcedor celeste esquecer Goromaru, com 15 pontos oriundos de chutes o sul-africano foi o grande pontuador da partida.

 

Michael Leitch e sua turma não tomaram conhecimento do NEC Green Rockets e conquistaram uma vitória segura contra um adversário “chato”. Hitoshi Ono jogou sua partida de número 150 pelo Toshiba Brave Lupus, sendo substituído aos 11 minutos da segunda etapa. Os Rockets chegaram a pontuar nos minutos finais, mas tudo já estava definido, vitória tranquila por  25 a 8.

 

Top League copy copy

Top League – Campeonato Japonês

Eagles 16 x 35 Jubilo

Steelers 06 x 30 Wild Knights

Brave Lupus 25 x 08 Green Rockets

Sungoliath 50 x 00 Heat

Blues 41 x 38 Shuttles

Shining Arcs 28 x 13 Black Rams

Red Sparks 19 x 26 Liners

Spears 10 x 27 Verblitz

 

ClubePrefeituraJogosPontos
Yamaha JubiloShizuoka943
Suntory SungoliathTóquio942
Panasonic Wild KnightsGunma934
Kobelco SteelersKobe933
Toyota VerblitzToyota929
NTT Shining ArcsChiba926
Toshiba Brave LupusTóquio921
Munakata Sanix BluesMunakata921
Ricoh Black RamsTóquio919
Canon EaglesTóquio915
NEC Green RocketsChiba915
Kubota SpearsChiba915
Kintetsu LinersOsaka912
Coca-Cola West Red SparksFukuoka908
Honda HeatSuzuka906
Toyota Industries ShuttlesNagoya906

– Vitória = 4 pontos;
– Empate = 2 pontos;
– Derrota = 0 pontos;
– Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
– Perder por 7 pontos ou menos de diferença = 1 pontos extra;

– 1º ao 3º lugares = classificação ao All-Japan Rugby Championship 2017 (Copa do Japão);
– 13º ao 15º lugares = repescagem contra o rebaixamento contra 3 equipes do Top Challenge 1 (2ª divisão);
– 16º lugar = rebaixamento

 

Escrito por: Leandro Vieira

Comentários