Premiership conhece suas semifinais e não terá campeão inédito nesta temporada

ARTIGO COM VÍDEOS – Nesse sábado foi encerrada a temporada regular da Premiership, o Campeonato Inglês! Os duelos de semifinais foram conhecidos, com os favoritos prevalecendo. Quem mais sofreu para se classificar foi o Saracens, que venceu o rebaixado London Welsh e tirou a vaga do Exeter Chiefs no saldo de pontos. Na semifinal, o Saracens pegará fora de casa o Northampton Saints, que terminou em primeiro lugar, apesar da derrota no clássico das East Midlands na rodada final contra o Leicester Tigers que, por sua vez, carimbou sua vaga como terceiro colocado e enfrentará fora de casa o Bath.

 

Na briga pelas vagas na Champions Cup, além de Northampton, Bath, Leicester e Saracens, estão classificados Exeter e Wasps diretamente à fase de grupos, e o Gloucester, pelo título da Challenge Cup, no playoff qualificatório para a máxima competição europeia. O Gloucester terá que enfrentar o Connacht, da Irlanda (e do PRO12), em jogo em solo inglês no dia 23 de maio, sendo que o vencedor decidirá a última vaga na Champions Cup recebendo o sétimo colocado do Top 14 francês, que ainda não foi conhecido.

 

Leicester e Bath vencem clássicos ingleses

Dois dos grandes clássicos ingleses encerraram a temporada regular da Premiership. Jogando em casa, o Leicester Tigers recebeu com casa cheia seu arquirrival das East Midlands, o líder e classificado Northampton Saints.  Precisando de qualquer jeito da vitória, Leicester exerceu grande pressão com seu pack para sair vitorioso. O primeiro try saiu logo aos 12′, após Burns e Wilson trocarem penais. Jordan Crane provou sua qualidade no lateral, cravando o try na sequência do maul. James Wilson seguiu em boa forma nos chutes a gol e os Saints viraram a partida para 9 x 8 antes do intervalo, já equilibrando as ações e levando os Tigers aos erros.

 

A diferença mínima não se sustentou e os Tigers se puseram na frente logo após o reinício com penal bem batido por Burns. O mesmo Burns viria a ampliar a diferença aos 53′ na mesma moeda, em momento que a pressão do Leicester era total – e logo após Ben Youngs ter um try anulado. A vantagem para os anfitriões foi sentida pelos Saints, que, pouco depois, tiveram seu lateral roubado por Brad Thorn, em lance convertido em try do fullback Niall Morris. Um duro dolpe sobre Northampton, que ainda veria Bell chutar mais um penal para os Tigers, acabando com as esperanças de virada. No fim, o centro Stephenson ainda fez o try de honra dos visitantes, mas era tarde. Leicester 22 x 14.


 

O Bath, por sua vez, mediu forças com seu arquirrival Gloucester, no clássico do West Country. E, mesmo classificado, o Bath deu seu máximo em campo e saiu com uma brilhante vitória em jogo épico, encerrado em 50 x 30. Um “placar de Super Rugby” com sete tries de Bath e quatro de Gloucester. A linha azul mostrou que está na melhor das formas, com Eastmond, Wilson, Rokoduguni, Agulla e Ford deixando um try cada, enquanto Sam Burgess foi o único dos forwards a cruzar o in-goal.

Saracens abocanha última vaga no mata-mata, enquanto Exeter lamenta infortúnio

Precisando somar o máximo possível de pontos, o Saracens visitou o saco de pancadas e já rebaixado London Welsh e impôs a 22ª derrota em 22 jogos aos rivais, que se despediram da Premiership com a pior campanha da história da liga. 68 x 17 foi o placar milagroso, que garantiu os Sarries nas finais. Chris Ashton foi o nome do jogo com nada menos que quatro tries anotados, de um total de dez tries feitos pelos rubronegros.

 

O resultado foi mais do que o suficiente, pois o Exeter Chiefs, que até então tinha saldo superior ao dos Sarries, fez 23 pontos de saldo a menos que os londrinos, vendo sua vantagem mirrada de 3 pontos a mais de saldo ao final da penúltima rodada implodir. Os Chiefs bem que fizeram o possível, mas a fragilidade do London Welsh no outro jogo os condenou à eliminação. O Exeter ao menos tentou fazer sua parte e massacrou o sétimo colocado Sale Sharks, que se despediu inclusive de suas chances de ir à Champions Cup. 44 x 16 no marcador, após suados 15 x 11 no intervalo, Os Sharks cederam à pressão no segundo tempo e os Chiefs passearam, fechando o marcador com insuficientes sete tries. A derrota pôs fim à carreira de Mark Cueto, maior marcador de tries da história da Premiership. Foram 300 jogos e mais de 500 pontos com a camisa dos Sharks.

 

Wasps se garantem na Champions Cup

A classificação direta com a sexta vaga inglesa para a Champions Cup ficou nas mãos do Wasps, que fez um jogo épico com seu rival London Irish, saindo de campo com um maluco empate em 40 x 40, mas que só não terminou em derrota dos Wasps por conta de uma conversão perdida pelos Exiles. Foi um jogão para se relembrar por muito tempo, com o London Irish largando na frente, 22 x 18 ao final do primeiro tempo, mas com o Wasps buscando o resultado na segunda etapa. A partida foi de tirar o fôlego na reta final. Aos 70′, Geraghty colocou com penal o London Irish em vantagem, mas os Wasps garantiram com Haskell, aos 74′, o try que parecia ser da vitória, convertido por Andy Goode.  A dois minutos do fim, o ponta James Short correu para o try que, se convertido, daria a vitória aos donos da casa. Mas, Geraghty jogou para fora a conversão, decretando o empate.

 

Por fim, no único jogo que não valia mais nada, o Newcastle Falcons impôs um fim de temporada melancólico aos Harlequins, atropelando os londrinos por 37 x 21. Foram 5 tries dos Falcons, que se despediram com estilo de Mike Blair, que se transferiu ao Glasgow Warriors para a próxima temporada.


 

AvivaPremiershipLogo

Aviva Premiership – Campeonato Inglês

Bath 50 x 30 Gloucester, em Bath

Exeter Chiefs 44  x 16 Sale Sharks, em Exeter

Leicester Tigers 22 x 14 Northampton Saints, em Leicester

London Irish 40 x 40 Wasps, em Reading

London Welsh 17 x 68 Saracens, em Oxford

Newcastle Falcons 37 x 21 Harlequins, em Newcastle

 

ClubeCidadeJogosPontos
Northampton SaintsNorthampton2276
BathBath2275
Leicester TigersLeicester2268
SaracensLondres2268
Exeter ChiefsExeter2268
WaspsCoventry2261
Sale SharksSalford2254
HarlequinsLondres2249
GloucesterGloucester2248
London IrishReading2240
Newcastle FalconsNewcastle2234
London WelshOxford2201

– Vitória = 4 pontos;
– Empate = 2 pontos;
– Derrota = 0 pontos;
– Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
– Perder por diferença de 7 pontos ou menos = 1 ponto extra;
– 1º a 4º lugares = classificação às Semifinais e à Champions Cup;
– 5º e 6º lugares = classificação à Champions Cup;
– 7º lugar = classificação à fase preliminar da Champions Cup;
– 12º lugar = rebaixamento

 

Semifinais

Dia 23 de maio – Northampton Saints x Saracens, em Northampton

Dia 23 de maio – Bath x Leicester Tigers, em Bath

Comentários