Foto: Rugby Australia

ARTIGO COM VÍDEO – Um dos jogos mais malucos vistoso no ano! Salta, na Argentina, foi o palco da última partida da edição 2018 do Rugby Championship e opôs Pumas e Wallabies na luta contra a colher de pau (último lugar). Foi jogo de dois tempos totalmente distintos e com um saldo alarmante para ambos os times. A Argentina atropelou a Austrália no primeiro tempo, com os Wallabies fazendo terríveis 40 minutos. Mas, a bronca de vestiário surtiu efeito e os australianos atropelaram os atônitos argentinos que sofreram uma dolorosa virada. Austrália 45 x 34 foi o placar final.

O jogo começou com try argentinos logo a 2 minutos, com Pablo Matera apanhando passe de Sánchez e rompendo a defesa australiana com facilidade. Depois, aos 4′, a Austrália sofreu turnover no campo de ataque e Boffelli disparou em contra ataque para o segundo try. Era um começo desastroso para os amarelos.

A reação australiana foi esboçada aos 14′ com Michael Hooper fazendo o primeiro try dos visitantes finalizando em meio ao desarranjo da defesa sul-americana. Mas o primeiro tempo era todo da Argentina e, aos 27′, Matias Orlando fez o terceiro try recebendo offload de Jeronimo de la Fuente, que quebrara os tackles com facilidade. Os Wallabies tinham uma defesa muito fragilizada, cometendo erros imperdoáveis. E o quarto try não tardou, saindo aos 31′ com Santiago Iglesias – que entrou no lugar do lesionado Nico Sánchez – correndo em buraco defensivo dos Wallabies. Iglesias ainda chutou penal antes do intervalo, colocando 31 x 07 no placar.

O técnico australiano Michael Cheika reordenou seu time com um discurso acalorado no intervalo e a reação ocorreu. Logo aos 44′, Israel Folau explorou um buraco na defesa argentina para marcar novbo Izack Rodda bloqueando chute de Bertranou e recebendo a bola de volta das mãos de Hooper. A defesa argentina parecia regredindo e deixou uma avenida pouco depois para Israel Folau disparar rumo ao terceiro try Wallaby. Em menos de 10 minutos a frente que os Pumas haviam construído estava apaticamente perdida.

- Continua depois da publicidade -

Aos 51′, a troca de passes simples da Austrália produziu um homem a mais na ponta com Haylett-Petty correndo para reduzir a diferença a 31 x 28. Iglesias tentou mexer com os ânimos argentino chutando penal preciso aos 61′, mas aos 64′ veio a virada com Pocock entregando para Genia, que deixou a bola cair, mas Pocock apanhou de novo e finalizou o try novamente com uma pouco combativa defesa argentina. E a vitória foi sacramentada aos 68′ com Bernard Foley chutando cruzado para Haylett-Petty, que tabelou ao estilo voleibol com Pocock e marcou seu segundo try. Foley ainda chutou um último penal, fechando o jogo em 45 x 34 para os Wallabies.

A Austrália ainda enfrentará no dia 27 deste mês a Nova Zelândia pela última vez no ano pelo terceiro jogo da Bledisloe Cup, em Tóquio, campo neutro. Já a Argentina pensa apenas na viagem à Europa para amistosos internacionais, precisando fazer muitas correções.

34versus copiar45

Argentina 34 x 45 Austrália, em Salta

Árbitro: Jaco Peyper (África do Sul)

Argentina

Tries: Matera, Boffelli, Orlando e Iglesias

Conversões: Sánchez (3) e Iglesias (1)

Penais: Iglesias (2)

15 Emiliano Boffelli, 14 Matias Moroni, 13 Matias Orlando, 12 Jeronimo de la Fuente, 11 Ramiro Moyano, 10 Nicolas Sanchez, 9 Gonzalo Bertranou, 8 Javier Ortega Desio, 7 Marcos Kremer, 6 Pablo Matera, 5 Tomas Lavanini, 4 Guido Petti, 3 Ramiro Herrera, 2 Agustin Creevy (c), 1 Nahuel Tetaz Chaparro;

Suplentes: 16 Julian Montoya, 17 Santiago Garcia Botta 18 Santiago Medrano, 19 Matias Alemanno, 20 Juan Manuel Leguizamón, 21 Tomas Cubelli, 22 Santiago González Iglesias, 23 Sebastian Cancelliere;

Austrália

Tries: Haylett-Petty (2), Hooper, Rodda, Folau e Pocock

Conversões: Foley (6)

Penais: Foley (1)

15 Dane Haylett-Petty, 14 Israel Folau, 13 Reece Hodge, 12 Kurtley Beale, 11 Marika Koroibete, 10 Bernard Foley, 9 Will Genia, 8 David Pocock, 7 Michael Hooper (c), 6 Ned Hanigan, 5 Adam Coleman, 4 Izack Rodda, 3 Taniela Tupou, 2 Folau Fainga’a, 1 Scott Sio;

Suplentes: 16 Tolu Latu, 17 Sekope Kepu, 18 Allan Alaalatoa, 19 Rob Simmons, 20 Rory Arnold, 21 Caleb Timu, 22 Nick Phipps, 23 Matt Toomua, 24 Tom Banks;

 

PaísApelidoJogosPontos
Nova ZelândiaAll Blacks525
África do SulSpringboks515
AustráliaWallabies59
ArgentinaLos Pumas58

Histórico:

PaísNúmero de títulosVices3ºs4ºs
Nova Zelândia15530
Austrália41360
África do Sul46121
Argentina0017
1996 - 2011 - Tri Nations Series (Nova Zelândia, Austrália e África do Sul);

2012 - hoje - The Rugby Championship (Nova Zelândia, Austrália, África do Sul e Argentina);