ARTIGO COM VÍDEO – A Nova Zelândia não precisou nem entrar em campo neste sábado para ser campeão do Rugby Championship pela quinta vez em seis anos da competição. Isso porque pela segunda partida seguida África do Sul e Austrália ficaram em um empate. Desta vez o jogo foi na África do Sul e a igualdade final em 27 x 27 foi certamente mais frustrante para o time da casa, que ainda tinha chances de ser campeão.

O jogo começou bom, com a Austrália tomando a frente aos 11′, mostrando um rugby aberto e envolvente. Bernard Foley achou o espaço para servir Israel Folau, que correu para o primeiro try. A resposta foi rápida, com Ross Cronje servindo Ruan Dreyer aos 18′ para o try do empate sul-africano.

Foley e Jantjies trocaram penais logo na sequência, mas eram os Boks ganhavam terreno e se impuseram em posse de bola e território. A pressão não resultou em pontos e quem não faz, leva, ou quase isso. Em contra-ataque, aos 31′, Folau mergulhou no in-goal para tentar apoiar a bola do segundo try, mas Skosan foi mais rápido e impediu o try Wallaby. A Austrália ainda foi recompensada antes do intervalo com penal que Foley chutou para deixar o placar em 13 x 10 a favor dos visitantes.

O segundo tempo começou verde, com Jan Serfontein fazendo um lindo try virando o placar, após grande jogada de Kolisi e passe final de Leyds. 15 x 13, que não duraram. Os Wallabies voltaram a cruzar o in-goal aos 47′, com Marika Koroibete, após ótima corrida de Foley.  O jogo seguiu eletrizante e no reinício a África do Sul deu o troco, com seu terceiro saindo saindo pelas mãos de Skosan, recebendo passe de Serfontein. Linhas em grande atuação dos dois lados e Boks na frente, 24 x 20.

- Continua depois da publicidade -

Atrás no marcador, a Austrália cresceu e os sul-africanos passaram a falhar no jogo de contato, com seu scrum colapsando aos 57′, dando posse de bola crucial para os Wallabies. Foley criou o espaço e Koroibete correu para seu segundo try no jogo, colocando os australianos na frente novamente, 27 x 24.

A África do Sul reagiu e passou a levar a Austrália aos erros, em jogo que foi ganhando tensão com o relógio passando. Aos 71′, os Springboks arrancaram o penal crucial, com Jantjies chutando o empate dos verdes. No fim, foi a África do Sul que teve as melhores chances para liquidar a partida. No minuto final, os Boks arrancaram o penal da vitória, mas Jantjies não foi feliz no arremate. 27 x 27 decretados, em um atípico segundo empate consecutivo entre sul-africanos e australianos.

No próximo sábado, os Springboks encerram a campanha recebendo os All Blacks, enquanto os Wallabies visitarão os Pumas.

 

27versus copiar27

África do Sul 27 x 27 Austrália, em Bloemfontein

Árbitro: Ben O’Keefe (Nova Zelândia)

 

África do Sul

Tries: Dreyer, Serfontein e Skosan

Conversões: Jantjies (3)

Penais: Jantjies (2)

15 Andries Coetzee, 14 Dillyn Leyds, 13 Jesse Kriel, 12 Jan Serfontein, 11 Courtnall Skosan, 10 Elton Jantjies, 9 Ross Cronje, 8 Uzair Cassiem, 7 Francois Louw, 6 Siya Kolisi, 5 Franco Mostert, 4 Eben Etzebeth (c), 3 Ruan Dreyer, 2 Malcolm Marx, 1 Tendai Mtawarira;

Suplentes: 16 Chiliboy Ralepelle, 17 Steven Kitshoff, 18 Trevor Nyakane, 19 Pieter-Steph du Toit, 20 Jean-Luc du Preez, 21 Rudy Paige, 22 Handré Pollard, 23 Damian de Allende;

Austrália

Tries: Koroibete (2) e Folau

Conversões: Foley (3)

Penais: Foley (2)

15 Israel Folau, 14 Marika Koroibete, 13 Tevita Kuridrani, 12 Kurtley Beale, 11 Reece Hodge, 10 Bernard Foley, 9 Will Genia, 8 Sean McMahon, 7 Michael Hooper (c), 6 Jack Dempsey, 5 Adam Coleman, 4 Izack Rodda, 3 Sekope Kepu, 2 Tatafu Polota-Nau, 1 Scott Sio;

Suplentes: 16 Stephen Moore, 17 Tom Robertson, 18 Allan Alaalatoa, 19 Rob Simmons, 20 Lukhan Tui, 21 Ned Hanigan, 22 Nick Phipps, 23 Samu Kerevi, 24 Henry Speight;

 

PaísApelidoJogosPontos
Nova ZelândiaAll Blacks628
AustráliaWallabies615
África do SulSpringboks614
ArgentinaLos Pumas60

 

Foto: Springboks/Divulgação