Foto: SARugby

ARTIGO COM VÍDEO – Paris recebeu nesse sábado um jogaço entre França e África do Sul, com os dois países de olho em voos maiores na próxima Copa do Mundo. Placar aberto até o fim, quando os sul-africanos arrancaram a vitória com um try no apagar das luzes. 29 x 26.

A França começou o jogo superior, com mais posse de bola e território, mas sem conseguir finalizar. O primeiro lance agudo veio logo aos 4′ com chute cruzado de Camille Lopez que Penaud não apanhou por pouco para fazer o try. Mas os Boks cederam penais e os Bleus converteram o domínio inicial em 6 x 0 pelos pés de Baptiste Serin.

Handré Pollard, no entanto, logo puniu a crescente indisciplina francesa e, aos 29′, os sul-africanos já estavam em vantagem de 9 x 6 pela precisão de seu abertura. A resposta francesa veio aos 34′, com Lopez aproveitando a pressão para chutar perfeiro drop goal e igualar tudo, ciente de que era preciso somar pontos enquanto a defesa sul-africana seguia impenetrável, apesar do grande número de turnovers concedidos.

O empate foi seguinte de um desconcerto na linha de pressão sul-africana, que viu Teddy Thomas disparar do campo de defesa rumo a um try que só não ocorreu por magnífico tackle salvador de Willie Le Roux. Mas a França seguiu na pressão e aos 37′ se pôs em vantagem com o capitão Guirado marcando o primeiro try do jogo, rompendo a defesa após maul.

- Continua depois da publicidade -

Os Boks sentiram o golpe e começaram o segundo tempo da pior maneira, sofrendo o segundo try com Bastareaud apanhando rebote de disputa aérea dentro das 22. Placar em 23 x 09 que dava confiança ao torcedor azul de que a vitória ocorreria.

Mas a resposta da África do Sul foi imediata. Os Bleus erraram no reinício da partida e Nkosi puniu a falha de recepção cravando o primeiro try dos Boks. O try foi duramente sentido, com a França perdendo terreno e Pollard chutando mais 2 penais que deixaram os visitantes de volta no páreo. 23 x 22.

Serin respondeu aos 67′ com penal certeiro para a França, que aliviava a pressão, mas logo na sequência os Bleus suaram frio, com Kolbe disparando para um try anulado no limite, com o sul-africano perdendo o contato com a bola na hora do apoio. Mas a África do Sul tinha o momento a seu favor no fim, manteve a bola viva no campo de ataque nos minutos finais e armou um maul já com o tempo esgotado com Mbonami caindo no in-goal para uma vitória muito festejada. 29 x 26 para desesperarem o torcedor francês, que já celebrava.

A França receberá no sábado que vem a Argentina, ao passo que a África do Sul visitará a Escócia.

26versus copiar29

França 26 x 29 África do Sul, em Paris

Árbitro: Nigel Owens (Gales)

França

Tries: Guirado e Bastareaud

Conversões; Serin (2)

Penais: Serin (3)

Drop goal: Lopez (1)

15 Maxime Medard, 14 Teddy Thomas, 13 Mathieu Bastareaud, 12 Geoffrey Doumayrou, 11 Damian Penaud, 10 Camille Lopez, 9 Baptiste Serin, 8 Louis Picamoles, 7 Arthur Iturria, 6 Wenceslas Lauret, 5 Yoann Maestri, 4 Sebastien Vahaamahina, 3 Cedate Gomes Sa, 2 Guilhem Guirado (c), 1 Jefferson Poirot;

Suplentes: 16 Camille Chat, 17 Dany Priso, 18 Rabah Slimani, 19 Paul Gabrillagues, 20 Mathieu Babillot, 21 Antoine Dupont, 22 Anthony Belleau, 23 Gael Fickou;

África do Sul

Tries: Nkosi e Mbonami

Conversões: Pollard (2)

Penais: Pollard (5)

15 Willie le Roux 14 S’bu Nkosi, 13 Jesse Kriel, 12 Damian de Allende, 11 Aphiwe Dyantyi, 10 Handré Pollard, 9 Faf de Klerk, 8 Warren Whiteley, 7 Duane Vermeulen, 6 Siya Kolisi (c), 5 Franco Mostert, 4 Pieter-Steph du Toit, 3 Frans Malherbe, 2 Malcolm Marx, 1 Steven Kitshoff;

Suplentes: 16 Bongi Mbonambi, 17 Thomas du Toit, 18 Vincent Koch, 19 RG Snyman, 20 Francois Louw, 21 Embrose Papier, 22 Elton Jantjies, 23 Cheslin Kolbe;

 

Feminino em ação também

A África do Sul ainda enviou sua seleção feminina de XV à Europa, dando apoio à modalidade. Mas, jogando em Cardiff, as Springboks foram superadas por 19 x 05 por Gales. asmine Joyce, Sioned Harries e Carys Phillips marcaram os tries galeses, ao passo que Lusanda Dumke marcou o try sul-africano. Já no domingo de manhã a Espanha recebeu Hong Kong e venceu por 60 x 05.

Na próxima sexta, Gales receberá Hong Kong e a África do Sul visitará a Espanha no sábado.

 

19versus copiar05

Gales 19 x 05 África do Sul, em Cardiff

60versus copiar05hong kong rfu logo

Espanha 60 x 05 Hong Kong, em Villajoyosa