Strettle troca Copa do Mundo por Top 14 e Quade Cooper perto do Rio 2016

Notícias do rugby internacional desta semana!

 

David Strettle abdica de jogar o Mundial pela Inglaterra

O ponta inglês David Strettle, de 31 anos, abriu mão de jogar a Copa do Mundo pela Inglaterra para assinar contrato com o Clermont, da França. O jogador que estava até então no Saracens fazia parte da lista preliminar de jogadores da Inglaterra para o Mundial e, ao assinar contrato com o clube do Top 14, não poderá mais jogar pela seleção, uma vez que atletas que atuam fora da Premiership não são convocados para defender a Inglaterra. De acordo com Strettle, questão familiares pesaram na decisão.

 

Para seu lugar foi chamado Semesa Rokoduguni, do Bath.

 

Quade Cooper recebe proposta para jogar os Jogos Olímpicos

As negociações para o abertura Quade Cooper permanecer no Queensland Reds estão cada vez mais complicadas e dificilmente o atleta permanecerá na equipe de Brisbane. Com proposta do Toulon, muito se especula que o destino do polêmico abertura deverá ser o Top 14 francês, mas a União Australiana de Rugby deu sua última cartada para manter o atleta no rugby do país. O atleta poderá no ano que vem jogar pela seleção de sevens da Austrália e disputar o Rio 2016.

 

Para 2017, existe também a possibilidade de Cooper atuar pelo Waratahs.

 

Tana Umaga acerta com o Blues

O ex-All Black Tana Umaga é o novo técnico do Blues. O time de Auckland foi o pior neozelandês no último Super Rugby, sob o comando da também lenda da seleção nacional Sir John Kirwan, que deixou ao cargo ao final da temporada.

 

No próximo semestre, Umaga dirigirá o Counties Manukau na ITM Cup e assumirá os Blues no primeiro semestre de 2016.

 

Toulon enfrentará Classic All Blacks em homenagem a Jerry Collins

O Toulon organizará um grande jogo em memória de Jerry Collins, ex-All Black tragicamente falecido neste mês em acidente de carro na França. No dia 7 de outubro, aproveitando a pausa da Copa do Mundo, o Toulon receberá em seu estádio o Classic All Blacks, seleção de veteranos da Nova Zelândia, que já prometem um haka inesquecível em tributo a Collins.

 

Estarão presentes no time uma constelação: Carl Hayman, Ali Williams, Chris Masoe, Rudi Wolfe, John Afoa, Corey Flynn, Andrew Hore, Brad Thorne, Adam Thompson, Daniel Braid, Joe Rococoko, Sitiveni Sivivatu, Anthony Tuitavake, Sam Tuitoupou, Nemia Tialata, Simone Taumoepeau, Nick Evans, Tom Donnolly, Jason Eaton, Mike Delaney, Luke McAlistair, Richard Kahui e Mils Muliaina.

 

Aix-en-Provence se torna Provence Rugby

Campeão da terceira divisão francesa e promovido à Pro D2, o Aix-en-Provence optou por trocar de nome. A equipe da região da Provença, sudeste da França, se localiza a somente 30km de Marselha e, por tal razão, o clube pretende estreitar seus laços com o torcedor da cidade vizinha. Com isso, o clube passará a se chamar Provence Rugby, adicionando em seu logo os nomes das duas cidades, “Aix Marseille”, que juntas formam a terceira maior região metropolitana do país.

Logo_Provence_rugby_2015

Comentários