Tonga faz grande jogo, mas não segura Fiji

ARTIGO COM VÍDEO – Começou a Copa das Nações do Pacífico! A partida de abertura da competição aconteceu em Suva, capital fijiana, com a seleção da casa recebendo a vizinha e rival Tonga. Os visitantes fizeram um grande jogo, mas Fiji se impôs no fim e emergiu vitorioso por 30 x 22.

 

O jogo começou todo a favor de Tonga, com o scrum-half Taniela Moa ditando o ritmo da disputa. Logo nos primeiros atos, Tonga teve um fácil penal a seu favor que Latiume Fosita, contudo, perdeu. Ainda assim, não tardou para os visitantes abrirem o placar e a condução de Moa levou os vermelhos para a frente, articulando com velocidade as fases. Aos 5′, já nas 22 do oponente, Nili Latu desferiu passe longo para a ponta, encontrando Vainikolo para cravar o primeiro try do jogo, não convertido. 5 x 0.

 

Os visitantes seguiam superiores e, mais uma vez, Fosita teve um penal para Tonga, mas perdeu seu terceiro chute no jogo. Fiji teve aos 20′ sua primeira chance de pontuar, mas Volavola tão jogou fora o chute. Após o início forte, Tonga passou a cometer muitos erros enquanto o jogo não saía do setor intermediário. E o preço foi pago. Aos 22′, Volavola teve novo penal e, dessa vez, chutou com precisão, reduzindo para 5 x 3 o marcador. E, pouco depois, o centro Lepani Botia, o nome do jogo do lado de Fiji, quebrou a forte defesa de Tonga, atropelou Hale T-Pole e desferiu belo offload, com a jogada sendo finalizada com try de Henry Seniloli, seu primeiro com a camisa fijiana. Virada no placar, 10 x 3, com a conversão. Mas, antes do intervalo, Tonga arrancou novo penal e, trocando de chutador, Vunga lilo converteu, levando a peleja aos vestiários em 10 x 8 para Fiji, que já chegava a 60% de domínio de bola.

 

O segundo tempo começou devastador para Tonga, com Fatafehi quebrando a defesa fijiana e abrindo para Takalua arrancar e servir Veaniu, que virou o placar com o segundo try dos ‘Ikale Tahi, com mais uma conversão perdida. Porém, o domínio de posse de bola ainda pendia a favor de Fiji e mais penal veio para Volavola reduzir a diferença, 15 x 13.

 

Tonga continuou cometendo muitos erros de manuseio e penais em demasia, permitindo, aos 56′, que Fiji virasse o placar, com Volavola se mostrando um confiável chutador para Fiji convertendo o arremate. 16 x 15. No minuto seguinte, Tonga conquistou seu penal frontal, mas, ao contrário de Fiji, sem um bom chutador, optou pelo lateral.

 

Apesar dos erros e de ter menos posse de bola, Tonga se mostrava mais efetiva quando no ataque. Superiores no pack, os visitantes trabalharam bem as fases, conduzidas com agilidade e potência, e, aos 61′, Takulua rompeu a defesa fijiana e mergulhou para o terceiro try tonganês na partida, virando o placar. 22 x 16. A resposta de Fiji veio com a entrada do brilhante Matawalu como scrum-half, inexplicavelmente antes na reserva. Em outro erro de Tonga, Matawalu chutou a bola para o in-goal, ganhou na corrida do marcador, mas cometeu knock-on na hora do apoio. Controlando a bola no ataque, foi questão de tempo para o try de Fiji, com a bola sendo passada em velocidade após turnover arrancada nas 22, encontra Nayacalevu para o segundo try dos donos da casa. O jovem Volavola lidou com a pressão, acertou a conversão e devolveu a frente a Fiji.

 

A resposta de Tonga seria imediata, com penal de longa distância aos 68′. Mas, Kurt Morath não foi feliz no arremate. E, aos 73′, os fijianos mataram o jogo com try de Peni Ravai, após arrancada e quebra de tackle de Soqeta. 30 x 22 para Fiji, placar final, negando a Tonga o que seria um merecido ponto-bônus defensivo. Ao final, apesar do inspirador jogo do capitão Nili Latu e seus comandados, os erros nos chutes e a indisciplina cobraram seu preço de Tonga.

 

fiji copy30versus(16)22tonga copy

Fiji 30 x 22 Tonga, em Suva

Árbitro: Chris Pollock (Nova Zelândia)

 

Fiji

Tries: Seniloli, Nayacalevu e Ravai

Conversões: Volavola (3)

Penais: Volavola (3)

15 Kini Murimurivalu, 14 Waisea Nayacalevu, 13 Vereniki Goneva (c), 12 Lepani Botia, 11 Asaeli Tikoirotuma, 10 Ben Volavola, 9 Henry Seniloli, 8 Masi Matadigo, 7 Malakai Ravulo, 6 Dominiko Waqaniburotu, 5 Leone Nakarawa, 4 Tevita Cavubati, 3 Manasa Saulo, 2 Sunia Koto, 1 Campese Ma’afu.

Suplentes: 16 Talemaitoga Tuapati, 17 Peni Ravai, 18 Taniela Koroi, 19 Nemia Soqeta, 20 Peceli Yato, 21 Nikola Matawalu, 22 Josh Matavesi, 23 Metuisela Talebula.

 

Tonga

Tries: Vainikolo, Veainu e Takulua

Conversões: Lilo (1)

Penais: Lilo (1)

15 Vunga Lilo, 14 Telusa Veainu, 13 Alipate Fatafehi, 12 Sione Piukala, 11 Fetu’u Vainikolo, 10 Latiume Fosita, 9 Taniela Moa, 8 Viliami Ma’afu, 7 Nili Latu (c), 6 Hale T Pole, 5 Tukulua Lokotui, 4 Steve Mafi, 3 Halani Aulika, 2 Elvis Taione, 1 Alisona Taumalolo.

Suplentes: 16 Sosefo Sakalia, 17 Tevita Mailau, 18 Sila Puafisi, 19 Joe Tu’ineau, 20 Viliami Fihaki, 21 Sonatane Takulua, 22 Kurt Morath, 23 Otulea Katoa.

 

Foto: Zimbio, Wellington Sevens

Comentários