Top 14: Castres e Bordeaux garantem últimas vagas na Champions Cup

ARTIGO COM VÍDEOS – O Top 14 completou sua penúltima rodada com quase tudo decidido.  O  Clermont (1º)  tem sua vaga nas semifinais garantida, mas foi batido fora de casa pelo Toulouse (5º), que mais uma vez está entre os finalistas. No duelo pela vice liderança, o Montpellier (2º) bateu em seus domínios o Toulon (3º), que terá de jogar as barrages (a repescagem para as semifinais), enquanto o Racing (4º) não teve dificuldades para superar o La Rochelle (9º) na costa atlântica.

 

Já na batalha pela última vaga no mata-mata nada está decido. O Castres (6º) bateu o rebaixado Oyonnax (13º) fora de casa e o Bordeaux (7º) superou o Brive em casa, deixando o quinto e o sexto colocados em igualdade de pontos para a rodada final. Entre as equipes que não lutam por mais nada, o Pau (11º) garantiu mais uma vitória em casa, dessa vez diante do Grenoble (10º) enquanto o Stade Français (12º) superou o Agen (14º) em Paris.

 

Com os resultados desta jornada do Top 14, a Champions Cup europeia já têm todos os seus participantes da temporada 2016-17 conhecidos.

 

Montpellier vence poderoso Toulon e se garante nas semis

No duelo de gigantes o Montpellier levou a melhor sobre o Toulon. Jogando em casa diante de um estádio lotado o time bateu os milionários da Provença por 36 a 21. Em uma batalha de dois packs poderosos os donos da casa levaram a melhor controlando as ações do jogo e as formações fixas, entrando no in-goal com o hooker Mickael Ivaldi e o ponta Timoci Nagusa (duas vezes). O Toulon, mesmo dominado anotou com o ponta Josua Tuisova e o pilar Xavier Chiocci. O Montpellier agora viaja para Paris enfrentar o Racing, enquanto o Toulon recebe o Bordeaux.

 

Toulouse se garante no playoff

Não vai ser dessa vez que os maiores campeões franceses vão ficar de fora das fases finais do Top 14. A vitória do Toulouse por 22 a 11 sobre o Clermont, jogando em casa, não só garantiu a equipe na próxima fase, mas mantém viva a chance de jogar as finais em casa. A partida foi tranquila com os donos da casa dominando a maior parte do jogo e anotando com o oitavo Louis Picamoles e o centro  Gaël Fickou, o Clermont deixou sua marca com o oitavo Camille Gerondeau. O Tolouse viaja para os Alpes enfrentar o Grenoble, torcendo por uma derrota do Racing para jogar a primeira fase das finais em casa. O Clermont tem sua vaga nas semifinais já garantida, mas ainda pode perder a liderança da competição enfrentando em casa o La Rochelle.

Castres se salva nos minutos finais

Pressionado pela vitória com ponto bônus do Bordeaux o Castres entrou em campo, fora de casa, contra o Oyonnax precisando de pelo menos uma vitória simples, e precisou trabalhar muito para criar o placar de 25 a 20, virando o jogo apenas nos minutos finais com o ponta David Smith, que anotou o único try do time. O Oyonnax, mesmo rebaixado fez uma excelente partida, lutando durante todo o jogo, entrando no in-goal duas vezes, com o asa Viliami Ma’afu e o fullback Regis Lespinas. O Oyonnax se despede da divisão de elite do rugby francês fora de casa, contra o também rebaixado Agen. O Castres recebe o combalido Stade Français, uma vitória com ponto bônus classifica a equipe para as finais, caso isso não acontece o time torce para o Bordeaux não conquistar uma vitória bonificada em Toulon.

Bordeaux garante vaga na Champions Cup e sonha com vaga nas finais

A vitória do Montpellier na segunda divisão europeia garantiu a abertura de mais uma vaga para a Champions Cup, conquistada pelo Bordeaux, que com a vitória em casa diante do Brive por 34 a 7, não perde mais a 7º posição. O jogo foi completamente dominado pelo time da terra dos vinhos, que com os quatro tries, do ponto  Metuisela Talebula, do asa Louis Maduale, do fullback Nans Ducuing e do oitavo Matthew Clarkin, garantiu o ponto bônus. O try de honra dos visitantes foi marcado pelo centro Sevanaia Galala. A vitória do Bordeaux leva a disputa pela última vaga nas finais para a próxima rodada, a vida do time porém não é fácil, precisando vencer fora de casa o Toulon e torcer por uma derrota do Castres. O Brive não joga por mais nada e recebe o também desinteressado Pau.

Racing conquista vitória chave

Os parisienses viajaram para a costa atlântica enfrentar o perigoso La Rochelle, vencendo por 30 a 14, sendo a segunda derrota dos donos da casa jogando no seu terreno em toda a competição. O dia pertenceu aos visitantes, que dominaram a partida entrando no in-goal com o ponta Juan Imhoff e o fullback Brice Dulin, o try de honra dos donos da casa foi marcado pelo hooker Hikairo Forbes. O La Rochelle termina sua participação no campeonato em Clermont. O Racing, que ainda não garantiu o direito de jogar em casa na final, volta para casa enfrentar o Montpellier.

Pau se despede de casa com mais uma grande vitória

Sem chances de ser rebaixado o Pau, encontrou sua torcida pela últimavez nesse campeonato se despedindo em grande estilo, com uma vitória por 29 a 12 diante do Grenoble. O time de pequena cidade de Pau, entrou na competição com um orçamento modesto e com o objetivo de não voltar a segunda divisão depois de apenas um ano, mostrou um bom rugby durante a competição, conquistando inclusive vitórias contra as equipes mais ricas do planeta. A partida desse fim de semana só não foi melhor devido a forte chuva que complicou o jogo, mesmo assim os donos da casa anotaram três vezes, duas com o abertura Colin Slade e uma com o centro reserva Charlie Malie. O Pau viaja para enfrentar o Brive enquanto o Grenoble se despede diante da sua torcida contra o Toulouse.

Final melancólico para o Stade Français

A temporada dos parisienses parece não ter fim, jogando em casa, diante do já rebaixado Agen, a equipe precisou de todas as suas forças para vencer por magros 28 a 26. A forte chuva que caia na cidade luz atrapalhou o espetáculo, mas não impediu os visitantes de dominarem o jogo, anotando quatro tries, com o oitavo Marc Rabarou, o ponta Tamaz Mchedlidze e os asas Antoine Miquel  e Marco Kotze. O SF por outro lado anotou apenas três vezes, com os pontas Jeremy Sinzelle e Dijibril Camara (duas vezes) contando com a precisão do abertura Julis Plisson para vencer a partida. O Stade Français deixa Paris para enfrentar o Castres, sabendo que precisa melhorar muito. O Agen volta para casa enfrentar o também rebaixado Oyonnax na despedia do Top 14.

Bayonne e Aurillac decidirão promoção ao Top 14

Na segunda divisão francesa, o fim de semana foi de semifinais do mata-mata de promoção ao Top 14, envolvendo as equipes classificadas de segundo a quinto lugares na temporada regular, uma vez que o primeiro colocado Lyon já garantiu seu título e promoção.

 

Os dois mandantes, donos das melhores campanhas, confirmaram seus favoritismos. No sábado, o Aurillac despachou o Mont de Marsan por 28 x 13, após primeiro tempo quente de 20 x 10 para o clube da Auvérnia, que liquidou o placar na segunda etapa com seu terceiro try.

 

No domingo, foi a vez dos bascos do Bayonne derrotarem o Colomiers por 28 x 16, em jogo muito pegado, que teve apenas um try para cada lado. O Bayonne prevaleceu capitalizando sobre os penais cedidos pelo Colomiers, com o argentino Martin Bustos Moyano chutando 7 penais precisos.


Biarritz, Narbonne e Bourgoin rebaixados

A Pro D2 ainda teve mais uma notícia impactante nesta semana. O DNACG, órgão que controla as finanças dos clubes profissionais da França, rebaixou mais três clubes da Pro D2 para a terceira divisão, a Fédérale 1, por apresentarem problemas financeiros. Narbonne, Bourgoin (campeão da Challenge Cup europeia em 1997) e o grande Biarritz (pentacampeão francês, com o último título em 2006, e vice campeão da Copa Europeia/Heineken Cup duas vezes, em 2006 e 2010). Os três clubes se somarão na terceira divisão ao Tarbes, que já havia sido rebaixado pelo mesmo motivo. Entretanto, as três agremiações ainda têm até o final da próxima semana para apelarem contra a decisão.

 

Com os rebaixados confirmados, o Provence, último colocado da Pro D2, não será mais rebaixado, permanecendo na segundona. As outras duas vagas, no entanto, são incertas, pois a liga francesa deverá decidir se oferecerá as vagas aos dois semifinalistas derrotadas da Fédérale 1 (Massy e Bourg-en-Bresse) ou se reduzirá a Pro D2 de 16 para 14 clubes.

 

Top 14 logo novo

Top 14 2015-16 – Campeonato Francês

La Rochelle 14 x 30 Racing

Bordeaux 34 x 07 Brive

Stade Français 28 x 26 Agen

Pau 29 x 12 Grenoble

Oyonnax 20 x 25 Castres

Toulouse 22 x 11 Clermont

Montpellier 36 x 21 Toulon

 

Clube Cidade Jogos Pontos
Clermont Clermont-Ferrand 26 88
Toulon Toulon 26 82
Montpellier Montpellier 26 81
Racing Paris 26 81
Toulouse Toulouse 26 79
Castres Castres 26 71
Union Bordeaux-Bègles Bordeaux 26 67
Brive Brive 26 62
La Rochelle La Rochelle 26 54
Grenoble Grenoble 26 47
Pau Pau 26 46
Stade Français Paris 26 41
Agen Agen 26 26
Oyonnax Oyonnax 26 24

– Vitória com 3 ou mais tries de diferença = 5 pontos;
– Vitória com menos de 3 tries de diferença = 4 pontos;
– Empate = 2 pontos;
– Derrota por 5 pontos ou menos pontos = 1 ponto;

– 1º e 2º lugares = classificação direta às Semifinais e à Champions Cup;
– 3º ao 6º lugares = classificação às Quartas de final e à Champions Cup;
– 13º e 14º lugares = Rebaixamento

 

Pro D2 novo 2012

Pro D2 – 2ª Divisão do Campeonato Francês

Mata-mata de promoção – Semifinais

Aurillac 28 x 13 Mont de Marsan, em Aurillac

Bayonne 28 x 16 Colomiers, em Bayonne

 

Final – dia 04 de junho

Bayonne x Aurillac, em Toulouse

 

Champions Cup 2016-17

França: Clermont, Montpellier, Toulon, Racing, Toulouse, Castres e Bordeaux

Inglaterra: Saracens, Exeter Chiefs, Wasps, Leicester Tigers, Northampton Saints e Sale Sharks

Irlanda: Connacht, Leinster, Ulster e Munster

Gales: Scarlets

Escócia: Glasgow Warriors

Itália: Zebre

 

 

Top 14 por: Diego Gutierrez

Pro D2 por: Victor Ramalho

Comentários