ARTIGO COM VÍDEOS – Um giro de rugby pela Ásia, com a Top League japonesa e o Asia Sevens!

 

Goromaru, o astro

O Yamaha Júbilo é o visitante que atrai mais torcedores jogando fora de casa. A média de mais de 16 mil torcedores por jogo supera com folga a única partida que os azuis hospedaram, aproximadamente 7 mil, contra os Black Rams. 18 mil torcedores receberam Goromaru e companhia no atropelamento por 69 a 21 contra os Eagles, o ataque mais efetivo em uma única partida até agora. Este jogo foi o segundo maior público presente em toda a rodada desta semana nos campeonatos do hemisfério norte.

- Continua depois da publicidade -

Os onze tries marcados pelos azuis saíram das mãos de Kyosuke Horie, Takeshi Hino, Gerhard van den Heever (2), Uwe Helu, Matt McGahan, Viliami Tahitu’a (2), Kuwano, Keita Kato e Male Sau. Goromaru acertou sete conversões. A equipe derrotada fez três tries, Richard Havili Kaufusi, Naoto Shimada e Hosea Saumaki. O sunwolf Yu Tamura acertou todas as conversões

Shuttles, Sparks e Eagles em situação crítica

Além da já falada derrota dos Eagles, Sparks e Shuttles seguem amargando as últimas colocações. Os Shuttles perderam em casa para os Shining Arcs por 24 a 32. O fator decisivo foi a indisciplina, já que eles tiveram que administrar dois cartões amarelos na segunda etapa.

Os Red Sparks sofreram a virada no segundo tempo e foram derrotados pelos Liners por 32 a 5. Shuttles, Sparks e Eagles marcaram somente um ponto de 25 possíveis e a possibilidade já muito remota de classificação se torna cada vez mais difícil. O Júbilo tem um ataque mais efetivo em uma partida que os Eagles em todas as cinco rodadas somadas. O grupo B caminha para uma classificação antecipada de seus times.

Brave Lupus na lanterna e Rockets decolando

O grupo A vem se mostrando mais competitivo. Os Brave Lupus não conseguiram transformar o favoritismo em vitórias e amarga o último lugar. Desta vez, a equipe de Kobe disparou no último quarto de jogo, quando estavam empatados em 22 pontos. O placar final foi de 32 a 25.

Iniciando a partida com 14 atletas após amarelo Jacques Potgieter aos 6 do primeiro tempo, os Blues perderam para os Green Rockets por 17 a 29. Os azuis de Munakata chegaram a jogar com 13, já que o vermelho recebido por Tsuruoka logo aos 12 minutos deixou os blues em uma condição bastante desfavorável. O ex all black Adam Thomson recebeu um tackle mal executado no lance da expulsão.

Sungoliath e Knights soberanos

Somando ao Kobelco Steelers, somente Panasonic e Suntory seguem invictos. Os Azuis de Gunma ainda vão mais longe e até aqui conseguiram somar todos os pontos bônus possíveis. Em um jogo limpo, os cavaleiros venceram desde os 10 minutos do primeiro tempo e carregaram o ritmo até o soar o apito final. A vítima foi o Toyota Verblitz que sofreu 43 pontos, 6 tries, na derrota por 43 a 16.

O Suntory Sungoliath bateu os Spears por 54 a 17. O placar elástico e mais uma boa atuação ficaram de lado. Uma belíssima cobrança de line-out feita pelos amarelos de Tóquio viralizou na internet. A jogada chamada “Red sea” foi executada com bastante êxito e roubou a cena.



Coreia do Sul vive grande dia de Asia Sevens

Inchon, na Coreia do Sul, recebeu etapa cheia do Asia Sevens, o circuito asiático, que vale as 2 vagas do continente na Copa do Mundo de Sevens de 2018 para o torneio masculino e outras 2 para o feminino. O masculino viveu na Coreia sua segunda etapa e teve surpresa, com os coreanos derrotando ninguém menos que os favoritos japoneses na grande final, embolando as disputas. O Japão segue líder da temporada, com 22 pontos, seguido pela Coreia do Sul agora com 20 e Hong Kong com 18. A China, com 14, em 4º lugar, ficou com baixas chances de ir ao Mundial, com as vagas devendo ser decididas mesmo entre Japão, Coreia e Hong Kong.

Já o circuito feminino largou em Inchon e não teve surpresas, com o Japão falando mais alto e vencendo a China na finalzona, com o Cazaquistão tomando de Hong Kong o terceiro lugar. Resta apenas uma etapa para homens e mulheres, que será nos dias 13 e 14 de outubro, em Colombo, Sri Lanka.

 

Top League copy copy

Top League – Campeonato Japonês

Brave Lupus 25 x 32 Steelers

Spears 17 x 54 Sungoliath

Red Hurricanes 31 x 21 Liners

Eagles 21 x 69 Jubilo

Red Sparks 05 x 32 Black Rams

Shuttles 24 x 32 Shining Arcs

Wild Knights 43 x 16 Verblitz

Blues 17 x 29 Green Rockets

ClubePrefeituraJogosPontos
Grupo A
Suntory SungoliathTóquio1147
Toyota VerblitzToyota1138
Kobelco SteelersKobe1136
Toshiba Brave LupusTóquio1133
NTT Shining ArcsChiba1129
Kubota SpearsChiba1118
NTT-Docomo Red HurricanesOsaka1117
Kintetsu LinersOsaka1113
Grupo B
Panasonic Wild KnightsGunma1154
Yamaha JubiloShizuoka1141
Ricoh Black RamsTóquio1139
NEC Green RocketsChiba1121
Canon EaglesTóquio1119
Toyota Industries ShuttlesNagoya117
Munakata Sanix BluesMunakata 117
Coca-Cola West Red SparksFukuoka112
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por 7 pontos ou menos de diferença = 1 pontos extra;

- 1º ao 4º lugares de cada grupo = Finais

 

Asia Rugby Sevens Series – Circuito Asiático de Sevens – 2ª etapa masculina e 1ª etapa feminina – em Inchon, Coreia do Sul

Masculino

Grupo A: 1 Japão, 2 China, 3 Sri Lanka, 4 Taiwan

Grupo B: 1 Coreia do Sul, 2 Hong Kong, 3 Malásia, 4 Filipinas

 

Quartas de final

Sri Lanka 12 x 31 Hong Kong

Japão 34 x 05 Filipinas

Coreia do Sul 52 x 07 Taiwan

China 36 x 10 Malásia

 

Semifinais pelo 5º lugar

Sri Lanka 42 x 00 Filipinas

Malásia 26 x 21 Taiwan

 

Semifinais

Japão 19 x 07 Hong Kong

Coreia do Sul 33 x 12 China

 

Finais

Filipinas 47 x 05 Taiwan – Disputa de 7º lugar

Sri Lanka 43 x 07 Malásia – Disputa de 5º lugar

Hong Kong 22 x 17 China – Disputa de 3º lugar

Japão 12 x 17 Coreia do Sul – Final

 

Feminino

Grupo C: 1 Japão, 2 Cazaquistão, 3 Tailândia, 4 Singapura

Grupo D: 1 China, 2 Hong Kong, 3 Sri Lanka, 4 Coreia do Sul

 

Quartas de final

Hong Kong 19 x 15 Tailândia

Japão 53 x 00 Coreia do Sul

China 31 x 00 Singapura

Cazaquistão 27 x 07 Sri Lanka

 

Semifinais pelo 5º lugar

Tailândia 26 x 07 Coreia do Sul

Sri Lanka 19 x 15 Singapura

 

Semifinais

Japão 28 x 00 Hong Kong

China 17 x 14 Cazaquistão

 

Finais

Singapura 17 x 12 Coreia do Sul – Disputa de 7º lugar

Sri Lanka 24 x 12 Tailândia – Disputa de 5º lugar

Cazaquistão 24 x 07 Hong Kong – Disputa de 3º lugar

Japão 19 x 14 China – Final