Vermeulen e O’Connell no Toulon, Dan Carter no Racing

O vai e vem dos atletas do rugby mundial se intensificou nas últimas semanas, e novamente é o Toulon que chama a atenção, formando uma seleção mundial que será ainda mais difícil de ser batida nos próximos anos.

 

O clube francês anunciou a contratação de mais dois gigantes do rugby mundial: o terceira linha sul-africano Duane Vermeulen (foto), certamente um dos melhores do planeta, que deixará o Super Rugby e o Stormers ao final da temporada, e o monumento do rugby irlandês Paul O’Connell, que confirmou sua despedida do Munster para oficializar sua transferência ao Top 14. Além deles, o Toulon também fechou contrato com Matt Stevens, pilar inglês, que havia seguido o oposto da tendência mundial e estava atuando pelo Sharks no Super Rugby.

 

Racing terá o atleta mais bem pago do mundo: Dan Carter

Enquanto o Toulon seguia fazendo compras de baciada, o Racing, após campanha decepcionante no Top 14, confirmou que sua nova contratação, o ídolo dos All Blacks Dan Carter, que se apresenta ao time de Paris após a Copa do Mundo, será o jogador com maior salário no rugby mundial. Carter ganhará 1,4 milhões de euros por temporada (cerca de 6 milhões de reais, ou 2,2 milhões de dólares).

 

Entretanto, os salários do rugby ainda seguem muito abaixo do que outros esportes pagam. Carter ainda está longe da lista dos 100 maiores salários do esporte mundial, encabeçada pelo boxeador Mayweather, que receber 193 milhões de euros no últimos ano. O topo da lista ainda inclui Cristiano Ronaldo (£51m) e Lionel Messi, do futebol, Roger Federer (£43m),  do tênis, LeBron James (US$64.8m), Kevin Durant (US$54.1m) e Kobe Bryant (US$49.5m), do basquete, e Phil Mickelson (US$50.8m) e Tigers Woods ($50.6m), do golfe.

 

La Rochelle, Wasps e Exeter também contratam bons nomes

Ainda no Top 14 francês, o La Rochelle também fez sua contratação vinda do Super Rugby: é o abertura australiano Zack Holmes, vindo do Western Force.

 

Já na Premiership inglesa, as manchetes ficaram com Exeter Chiefs e Wasps. O Chiefs anunciou três nomes de peso para alçar voos maiores na próxima temporada. Desembarcam em Exeter o segunda linha da seleção inglesa e dos British and Irish Lions, ex-Leicester Tigers, Geoff Parling, o asa australiano Julian Salvi, que também deixou os Tigers, e o ponta italiano Michele Campagnaro, que se despediu do Treviso.

 

O Wasps, por sua vez, trouxe o pilar James Johnson, que estava no Saracens e poderá jogar a Copa do Mundo por Tonga.

 

Fonte: Planet Rugby

Comentários