Toulon atropela Clermont em vitória histórica no Top 14

ARTIGO COM VÍDEOS – O Campeonato Francês viveu um fim de semana de gala, com o superclássico entre Clermont e Toulon, que terminou com um assombro. O Clermont, quase invencível em casa, não apenas perdeu em seus domínios para o rival, mas foi atropelado por impiedosos 35 x 9, acumulando  sua segunda derrota seguida. Seguindo de perto os amarelos está o Racing (2º) que roubou, jogando em Paris, a vice liderança do Toulouse (3º). A grande surpresa da competição o Brive (4º) não teve dificuldades para bater fora de casa o lanterna Oyonnax (14º). No segundo pelotão Montpellier (6º) e Bordeaux (7º) não tiveram dificuldades para vencer em casa os fracos La Rochelle (11º) e Section Paloise (12º). Na luta contra o rebaixamento o Castres (9º) venceu a primeira na estrada diante do Agen (13º) enquanto o Stade Français (10º) tenta se reerguer, batendo nos Alpes o Grenoble (8º).

 

Toulon assombra Clermont

A temporada continua a ser de altos e baixos em Toulon: depois de ser atropelado pelo Wasps semana passada a equipe viajou até Clermont e fez o melhor jogo da temporada, vencendo os donos da casa por 35 a 9, feito do qual poucos se gabam. O destaque vai para o retorno dos jogadores que ainda estavam se recuperando da Copa do Mundo, principalmente o abertura australiano Matt Giteau que reorganizou os backs da equipe e a terceira linha que conta agora com Juan Martin Fernandez Lobbe, Mammuka Gorgodze e Duane Vermeulen tendo tudo para formar um dos melhores trios do mundo. O jogo em si foi dominado do começo ao fim pelos visitantes, que anotaram quatro tries, com o fullback Delon Armitage, o scrum-half Eric Escande, o ponta Drew Mitchell e um penal try.

 

A derrota é um duro golpe para o Clermont, que sai com a sensação de que, apesar de ainda ser líder do Top 14, está um degrau abaixo do atual campeão europeu, a equipe agora viaja para enfrentar o Brive e precisa de um bom resultado para recuperar o moral. O Toulon fez uma grande atuação e dá mostras de que quando conseguir colocar todas as suas estrelas em campo será imbatível, o time porém precisa ser mais constante, tendo a chance perfeita de enquadrar uma segunda vitória seguida quando recebe o frágil Agen na próxima rodada.

 

 
Racing conquista vitória importante

O Toulouse viajou até Paris lutando para manter a segunda posição, mas não foi páreo para uma equipe muito dedicada do Racing que soube controlar o jogo para vencer por 29 a 13. A partida não foi das melhores, os parisienses se apoiaram em uma defesa sólida e um pack de forwards dominante para controlar o ataque do Toulouse, que não conseguiu produzir como vinha fazendo nas ultimas semanas. Se aproveitando dos contra ataques e dos penais o Racing entrou no in-goal três vezes, com o segundo centro Henry Chavancy, o hooker Dimitri Szarzewski e o oitavo Chris Masoe. Mesmo com o ataque numa tarde ruim os occitanos anotaram dois tries, com o ponta Vincent Clerc e o centro reserva Arthur Bonneval. O Racing agora viaja para enfrentar o Pau, que apesar de ocupar a parte de baixo da tabela causa dificuldades quando joga em casa. O Tolouse recebe o lanterna Oyonnax.

 

 
Brive não é mais uma surpresa

A humilde equipe de Brive se consolida cada vez mais como uma das forças desse campeonato, o time pegou a estrada e atropelou o lanterna Oyonnax por 34 a 9, com direito a ponto bônus. Apesar da falta de qualidade do adversário o time branco e preto vem mostrando um rugby de alto nível, sempre apostando no jogo coletivo e na dedicação para suprir a falta de grandes estrelas, estando agora na quarta posição do campeonato. Entraram no in-goal o fullback Gaëtan Germain, o oitavo Petrus Hauman e um penal try. O Oyonnax agora tem a dura missão de enfrentar o Toulouse fora de casa, precisando desesperadamente de pontos. O Brive recebe o Clermont em um clássico regional que vale muito para as duas equipes.

 

 

Stade Français ensaia recuperação

Pela primeira vez na temporada os atuais campeões franceses conseguiram vencer longe da Cidade Luz, batendo o Grenoble nos Alpes por 21 a 19, conquistando também a segunda vitória seguida, que distancia o time da zona de rebaixamento. Diante da situação ruim da equipe o SF simplificou o jogo, apostando na concentração e no básico bem feito. Mesmo assim o time não conseguiu entrar no in-goal, apostando na indisciplina dos donos da casa para converter sete penais. O Grenoble por outro lado perdeu o jogo, mas anotou dois tries com o asa Peter Kimlin e o hooker reserva Anthony Hegarty. O Grenoble agora viaja para a costa atlântica enfrentar o La Rochelle enquanto o Stade Français tenta consolidar o bom momento em Paris diante do Bordeaux.

 

 

Montpellier vence mais uma

Em um jogo tecnicamente muito fraco o Montpellier, em casa, superou, por 25 a 20 o La Rochelle que volta para o Atlântico com um ponto bônus defensivo. Os donos da casa entraram no in-goal apenas uma vez, com o asa Ben Mowen e viram os visitantes anotarem duas vezes, com o abertura Zack Holmes e o pilar reserva Gagi Bazadze. O Montpellier viaja para enfrentar o Castres enquanto o La Rochelle volta para casa medir forças com o Grenoble.

 

 
Bordeaux atropela o Pau

O Union Bordeaux-Bègles recebeu o Section Paloise e não teve dó dos adversários vencendo por 42 a 10 e marcando o primeiro ponto bônus ofensivo da temporada. O jogo teve apenas uma equipe com o Bordeaux entrando no in-goal seis vezes com o scrum-half Yann Lesgourgues (três vezes), o abertura Baptiste Serin, o fullback Nans Ducuing e o hooker Wayne Avei. O try de honra dos visitantes foi marcado pelo segunda linha Julien Pierre. O Bordeaux agora viaja para Paris onde enfrenta o Stade Français enquanto o Section Paloise recebe o Racing.

 

 
Castres conquista primeira vitória fora de casa

O combalido time do Castres conquistou sua primeira vitória na estrada, por 24 a 18 diante do Agen, que continua na zona de rebaixamento. Apesar da vitória o jogo foi muito duro, os visitantes cometeram uma grande quantidade de penais, se só assumiram a liderança com um try nos minutos finais, do ponta Julien Caminati, o outro try da equipe foi feito pelo oitavo Alex Tulou. O Agen agora viaja para enfrentar o Toulon enquanto o Castres volta para casa enfrentar o Montpellier.

 

 
Biarritz reage na Pro D2 e Tarbes é rebaixado administrativamente

Na segunda divisão, o grande Biarritz iniciou sua reação contra as últimas posições. Os bascos viajaram a Dax e venceram o concorrente direto contra o rebaixamento por 15 x 10, deixando a zona da degola para Provence, que perdeu mais uma, dessa vez para o Aurillac, e Tarbes, que venceu o Narbonne, mas foi punido nesta semana com a perda de 15 pontos na tabela de classificação. O Tarbes foi punido pelo DNACG (orgão fiscalizador das finanças dos clubes esportivos) por não cumprir com as condições financeiras necessárias para disputar a Pro D2. O clube ainda foi punido com rebaixamento administrativo, sendo condenado à terceira divisão do ano que vem. No entanto, a equipe ainda pode recorrer da decisão.

 

Na parte de cima da tabela, o Lyon venceu o Albi e começa a disparar na liderança isolada, abrindo já 8 pontos sobre o vice-líder Aurillac.

 

Escrito por: Diego Gutierrez

 

Top 14 logo novo

Top 14 2015-16 – Campeonato Francês

Montpellier 25 x 20 La Rochelle

Racing 28 x 13 Toulouse

Oyonnax 9 x 34 Brive

Bordeaux 46 x 10 Pau

Agen 18 x 23 Castres

Clermont 9 x 35 Toulon

Grenoble 19 x 21 Stade Français

 

Clube Cidade Jogos Pontos
Clermont Clermont-Ferrand 26 88
Toulon Toulon 26 82
Montpellier Montpellier 26 81
Racing Paris 26 81
Toulouse Toulouse 26 79
Castres Castres 26 71
Union Bordeaux-Bègles Bordeaux 26 67
Brive Brive 26 62
La Rochelle La Rochelle 26 54
Grenoble Grenoble 26 47
Pau Pau 26 46
Stade Français Paris 26 41
Agen Agen 26 26
Oyonnax Oyonnax 26 24

– Vitória com 3 ou mais tries de diferença = 5 pontos;
– Vitória com menos de 3 tries de diferença = 4 pontos;
– Empate = 2 pontos;
– Derrota por 5 pontos ou menos pontos = 1 ponto;

– 1º e 2º lugares = classificação direta às Semifinais e à Champions Cup;
– 3º ao 6º lugares = classificação às Quartas de final e à Champions Cup;
– 13º e 14º lugares = Rebaixamento

 

prod2

Pro D2 2015-16 – 2ª divisão do Campeonato Francês

Dax 10 x 15 Biarritz

Albi 19 x 28 Lyon

Aurillac 30 x 17 Provence

Narbonne 19 x 22 Tarbes

Carcassonne 21 x 17 Montauban

Bayonne 44 x 15 Béziers

Bourgoin 27 x 10 Mont de Marsan

Perpignan 23 x 23 Colomiers

 

Clube Cidade Jogos Pontos
Lyon Lyon 30 117
Bayonne Bayonne 30 86
Aurillac Aurillac 30 81
Mont-de-Marsan Mont-de-Marsan 30 78
Colomiers Colomiers 30 78
Béziers Béziers 30 77
Perpignan Perpignan 30 73
Biarritz Biarritz 30 64
Bourgoin* Bourgoin-Jallieu 30 62
Albi Albi 30 62
Narbonne Narbonne 30 60
Montauban Montauban 30 58
Tarbes* Tarbes 30 53
Carcassonne Carcassonne 30 49
Dax Dax 30 48
Provence Aix-en-Provence 30 46
*Tarbes e Bourgoin penalizados com rebaixamento por problemas financeiros

– Vitória com 3 ou mais tries de diferença = 5 pontos;
– Vitória com menos de 3 tries de diferença = 4 pontos;
– Empate = 2 pontos;
– Derrota por 5 pontos ou menos pontos = 1 ponto;
– 1º lugar: promoção ao Top 14
– 2º ao 5º lugares: mata-mata de promoção ao Top 14
– 15º e 16º lugares: rebaixamento


Comentários