ARTIGO COM VÍDEOS – O fim de semana foi intenso na Europa com as disputas da 3ª rodada da Copa Europeia, a Champions Cup, máxima competição de clubes do continente. O grande destaque ficou com os franceses do La Rochelle, que venceram mais uma e seguiram como os únicos com 100% de aproveitamento de pontos até aqui. Leinster, Toulon e Munster também venceram e continuaram invictos. Já o Clermont assombrou Londres quebrando a série de 20 vitórias seguidas dos Saracens na Champions Cup com uma vitória histórica.

No próximo final de semana os mesmos confrontos se repetirão pela 4ª rodada da competição, com os mandos de jogo invertidos.

 

Quem segura o La Rochelle?

- Continua depois da publicidade -

O La Rochelle é o único time a conquistar três vitórias bonificadas em três rodadas até aqui. Os novatos franceses fizeram um jogão contra o tradicional Wasps, da Inglaterra, e venceram por 49 x 29, com 6 tries para os donos da casa, 3 em cada período, jogando um rugby vistoso e ofensivo. Rattez foi destaque com 2 tries para La Rochelle.

No outro embate da chave, o Ulster enfrentou o Harlequins e a neve londrina para vencer por 17 x 05, com Stockdale fazendo o try irlandês e Cooney sendo implacável nos chutes mesmo jogando contra o vento.


Clermont atropela Saracens em Londres após controvérsia

O Grupo 2 reservava muita tensão pelo encontro dos dois últimos finalistas, Clermont e Saracens. E no primeiro duelo, a neve foi protagonista, com o jogo em Londres sendo adiado de domingo para segunda, sob protestos do Clermont, que alegou não ter sido consultado sobre a decisão. Em campo, o Clermont descontou sua frustração em cima de um apático Saracens, que faz uma temporada longe da esperada. O jogo começou com uma avalanche dos franceses, com o fijiano Raka correndo para 3 tries seguidos, nocauteando os Sarries. No segundo tempo, a forma do Clermont seguiu perfeita, com Flip van der Merwe, Fofana e Toeava marcando mais 3 tries para fecharam o placar em 46 x 14, a maior derrota da história dos Saracens na Copa Europeia.

No outro embate da chave, o Ospreys se reergueu de uma temporada horrível vencendo o instável Northampton Saints. O jogo foi na casa dos Saints, mas os galeses voaram baixo em um jogo recheado de tries e placar final de 43 x 32 para os visitantes. 6 tries a 5, com destaque para Daniel Evans e Jeff Hassler, que cruzaram o in-goal 2 vezes cada para os Ospreys.


Leinster brilha na Inglaterra e Montpellier afunda Glasgow

Grupo embolado e considerado “da morte”, o Grupo 3 viu o Leinster disparar na liderança com uma dificílima vitória fora de casa sobre o campeão inglês Exeter Chiefs por 18 x 08. Jonny Sexton brilhou, com o primeiro try nascendo de uma bela joganda de mãos dos irlandeses, com Nacewa participando. No segundo tempo, Short cravou o try que recolocava os Chiefs no páreo mas, aos 70′, Conan marcou o try da vitória preciosa do Leinster.

Já o Montpellier encostou de vez na briga pela classificação ao despachar na Escócia o Glasgow Warriors, que faz campanha exuberante no PRO14, ainda invicto, mas que não decola em gramados da Copa Europeia. 29 x 22 para o milionário francês, com o asa Kelian Galletier marcando 2 tries e o pack do Montpellier falando alto, com mais um penal try e o try da vitória de Jacques du Plessis. Os Warriors se complicaram com 2 amarelos na partida.


Munster comemora e Racing só lamenta

No Grupo 4, o Munster lidera após uma crucial vitória sobre o Leicester Tigers por 33 x 10 para se manter invicto. Os irlandeses fizeram um primeiro tempo perfeito com 23 x 03 no placar, após tries de Rhys Marshall e Simon Zebo, mostrando a versatilidade do time irlandês.

No outro duelo, em embate francês, o poderoso Racing afundou e agora se vê quase eliminado ao cair contra o Castres por 16 x 13. Foi um desastre parisiense, que começou Teddy Thomas perdendo um try feito e se encerrou com uma virada embaraçosa a favor o Castres, que marcou o try do empate aos 73′, com Vaipulu, em bobeada da defesa parisiense, e teve o penal da vitória com o tempo esgotado pelos pés de Urdapilleta.

Toulon e Scarlets vencem jogo malucos

No Grupo 5, o Toulon manteve uma forma clínica, com 3 vitórias (nenhuma bonificada0 em 3 jogos. Desta vez, o tricampeão europeu venceu os ingleses do Bath por 24 x 20, em jogo dramático, que teve Anthony Watson fazendo o primeiro try do jogo para o Bath, Ma’a Nonu com try para os franceses, Mathewson virando para o Toulon no início do segundo tempo e Jonathan Joseph, aos 60′, marcando novo try inglês para devolver a frente ao Bath, em lance bizarro com um chute ridículo de Chris Ashton dentro do in-goal na mão do oponente. Mas, aos 75′, o jovem Belleau teve dia de gênio e fez o try da vitória, chutando a bola para ganhar na corrida dos defensores.

Para fechar a chave, os Scarlets sofreram para vencerem os italianos do Benetton Treviso, em um 33 x 28 quase heroico dos italianos, que jogaram boa parte do jogo com 14 homens por um vermelho a Francesco Minto. Quando Ruzza cruzou o in-goal aos 69′, Treviso se colocava incrivelmente na frente do placar, mas os galeses 2 tries salvadores com Steff Evans e Asquith para arrancarem a vitória.


champions cup

EPCR Champions Cup – Copa Europeia de Rugby

Glasgow Warriors 22 x 29 Montpellier

Scarlets 33 x 28 Treviso

Toulon 24 x 20 Bath

Northampton Saints 32 x 43 Ospreys

Castres 16 x 13 Racing

Munster 33 x 10 Leicester Tigers

Harlequins 05 x 17 Ulster

La Rochelle 49 x 29 Wasps

Exeter Chiefs 08 x 18 Leinster

Saracens 14 x 46 Clermont

ClubePaisCidadeJogosPontos
Grupo 1
La RochelleFrançaLa Rochelle620
WaspsInglaterraCoventry617
UlsterIrlandaBelfast617
HarlequinsInglaterraLondres67
Grupo 2
ClermontFrançaClermont-Ferrand622
SaracensInglaterraLondres618
OspreysGalesSwansea615
Northampton SaintsInglaterraNorthampton66
Grupo 3
LeinsterIrlandaDublin627
Exeter ChiefsInglaterraExeter615
MontpellierFrançaMontpellier613
Glasgow WarriorsEscóciaGlasgow67
Grupo 4
MunsterIrlandaLimerick621
RacingFrançaParis619
CastresFrançaCastres612
Leicester TigersInglaterraLeicester67
Grupo 5
ScarletsGalesLlanelli621
ToulonFrançaToulon619
BathInglaterraBath618
Benetton TrevisoItáliaTreviso64
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por diferença de 7 pontos ou menos = 1 ponto extra;

- O 1º colocado de cada grupo e os 3 melhores 2ºs colocados se classificam às quartas de final.

 

Foto: La Rochelle x Wasps – EPRC