O Americas Rugby Championship acabou e os argentinos agora pensam em seu rugby de clubes. A temporada 2018 dos hermanos vai começar e nesse fim de semana tem a largada do Nacional de Clubes, a máxima competição para os clubes na Argentina.

O Nacional de Clubes terá duas divisões, o Nacional de Clubes A e o Nacional de Clubes B, cada um com 16 times e com o mesmo formato.

Como funciona o Nacional de Clubes?

  • Cada divisão tem 16 clubes, divididos em 4 grupos com 4 times cada. As equipes se enfrentam dentro de seus grupos em turno e returno, com um total de 6 rodadas seguidas até o dia 14 de abril. Os 2 primeiros colocados de cada grupo avançarão às quartas de final e os 2 últimos às quartas de final contra o rebaixamento;
  • Quartas de final em jogos únicos, na casa dos 1ºs colocados, no dia 5 de maio. Semifinais também em jogos únicos, no dia 26 de maio. Grande final (e final do rebaixamento) no dia 30 de junho;
  • Nenhum clube é rebaixado. O mata-mata de rebaixamento define apenas quantas equipes da URBA (Buenos Aires) e do Interior jogarão o torneio de 2019.

Mas, quais clubes participam do Nacional de Clubes?

  • Entre o Nacional de Clubes A e o B, há 32 clubes, devendo sempre haver 12 times da URBA (todos os 12 da 1ª divisão da URBA), 20 do Interior da Argentina (classificados a partir das demais competições regionais) e 2 do Uruguai;
  • Em 2018, estarão no Nacional A os 8 melhores da URBA (Buenos Aires) de 2017 e os 8 melhores do Interior;
  • No Nacional B haverá 4 clubes da URBA, 12 do Interior e 2 do Uruguai;
  • Para 2019, a URBA tem 7 vagas garantidas e o Interior 8 vagas garantidas. A última vaga variará de acordo com a origem do clube rebaixado do A e a origem do campeão do B;
    • O Uruguai só terá vaga no Nacional de Clubes A caso um clube uruguaio seja campeão do Nacional de Clubes B;
  • Nenhum clube está assegurado no Nacional de Clubes de 2019. Todas as vagas são determinadas pela classificação final dos campeonatos regionais de 2018, que vão de abril a outubro/novembro.
    • Assim, pelo menos os 7 primeiros da URBA de 2018 garantirão vaga no Nacional A de 2019, assim como os 7 melhores do Interior. As vagas do Interior são distribuídas de acordo com o desempenho dos clubes de cada campeonato regional em cada ano. Para 2018, a divisão do Nacional de Clubes é a seguinte:
      • Nacional de Clubes A: 4 clubes do Noroeste, 2 clubes do Litoral e 2 clubes de Córdoba;
      • Nacional de Clubes B: 3 clubes de Córdoba, 2 clubes do Noroeste, 2 clubes do Litoral, 2 clubes do Pampeano, 1 clube de Cuyo (Mendoza) e 2 do Uruguai;
    • Abaixo do Nacional de Clubes B está o Torneio do Interior A, a terceira divisão (que conta apenas com clubes do Interior e do Uruguai, sem participação de clubes da URBA). O campeonato regional do clube campeão do Interior A terá vaga no Nacional B de 2019. O Torneio do Interior conta com clubes de todos os 7 campeonatos regionais do interior;
  • Os campeonatos regionais do interior são os seguintes:
    • Noroeste: clubes de Tucumán, Salta, Santiago del Estero e Jujuy;
    • Córdoba: clubes de Córdoba e Andina;
    • Litoral: clubes de Rosario, Santa Fe e Entre Ríos;
    • Pampeano: clubes de Mar del Plata, Sur e Oeste de Buenos Aires;
    • Cuyo: clubes de Cuyo (Mendoza), San Juan e San Luis;
    • Nordeste: clubes do Nordeste (Corrientes e Chaco), Formosa e Misiones;
    • Patagônico: clubes de Alto Valle, Lagos, Chubut, Austral, Santa Cruz e Tierra del Fuego;
    • Uruguai
- Continua depois da publicidade -

 

Arbitragem brasileira!

Os campeonatos argentinos também apresentam oportunidades para arbitragem brasileira. Henrique Platais comandará logo na primeira rodada o duelo entre San Martin e Universitario de Tucumán, pelo Nacional B.

 

Entendeu? Então, vamos aos grupos de 2018

Nacional de Clubes A

Grupo A: Hindú (URBA), CUBA (URBA), Tucumán Lawn Tennis (Tucumán/Noroeste) e Duendes (Rosario/Litoral);

Grupo B: Belgrano (URBA), San Luis (URBA), Tala (Córdoba) e Natación y Esgrima (Tucumán/Noroeste)

Grupo C: Alumni (URBA), SIC (URBA), Tucumán RC (Tucumán/Noroeste) e Jockey Club de Rosario (Rosario/Litoral);

Grupo D: Pucará (URBA), Newman (URBA), Los Tarcos (Tucumán/Noroeste) e La Tablada (Córdoba);

 

Nacional de Clubes B

Grupo A: San Martin (URBA), GER (Rosario/Litoral), Universitario de Tucumán (Tucumán/Noroeste) e Urú Curé (Córdoba);

Grupo B: Lomas (URBA), Palermo Bajo (Córdoba), Sporting (Mar del Plata/Pampeano) e Old Boys (Uruguai);

Grupo C: CASI (URBA), Jockey Club de Salta (Salta/Noroeste), Los Tordos (Cuyo) e Old Christians (Uruguai);

Grupo D: Regatas (URBA), Estudiantes de Parana (Entre Ríos/Litoral), Córdoba Athletic (Córdoba) e Mar del Plata RC (Mar del Plata/Pampeano);

 

1ª rodada – sábado, dia 10/03

Nacional A

CUBA x Tucumán LT

Hindú x Duendes

Tala x San Luis

Belgrano x Natación

Alumni x Jockey Rosario

SIC x Tucumán RC

Pucará x Newman

La Tablada x Los Tarcos

 

Nacional B

San Martin x Universitario Tucumán

GER x Urú Curé

Lomas x Sporting

Palermo Bajo x Old Boys

CASI x Los Tordos

Old Christians x Jockey Salta

Regatas x Córdoba Athletic

Estudiantes x Mar del Plata