ARTIGO COM VÍDEOS – A primeira rodada do segundo turno da Premiership, aquela que acontece geralmente na virada do ano foi uma rodada atípica e que proporcionou a troca da liderança no torneio. Agora o dono do topo da tabela é o Wasps e seu super ataque. Mas o novo líder não teve jogo fácil, não. Enfrentou um Newcastle Falcons cheio de surpresas que proporcionou ao espectador um ótimo jogo com ponto bônus ofensivo para ambas equipes. Ponto bônus do Wasps que fez a diferença na conquista da liderança contra o Saracens. A equipe londrina foi a Leicester e teve um jogo duríssimo contra o Tigers e só venceu graças ao seu abertura, Owen Farrell, e também aos chutes desperdiçados por outro Owen, desta vez, o Williams.

 

Outros integrantes do topo da tabela se enfrentaram em Bath. O time da casa não conseguiu segurar o Exeter Chiefs e perdeu a terceira posição na tabela para o time de Thomas Waldrom que venceu mais uma na temporada, mantendo-se assim próximo aos líderes. O Northampton Saints teve jogo duro também em Gloucester, mas conseguiu vencer mais uma partida e começa a subir na tabela. Já o Gloucester começa a ficar para trás para sonhar com uma vaga nas finais.

 

- Continua depois da publicidade -

Bristol venceu a segunda partida seguida. Agora a vítima foi o Sale Sharks que continua caindo pelas tabelas e agora passa a ser ameaçado pelo Worcester Warriors que se recuperou vencendo o Harlequins que voltou a perder e não consegue se aproximar dos líderes da competição.

 

 

Wasps vence e é o novo líder da Premiership

 

O Wasps foi a Newcastle e voltou a Coventry com a liderança da competição na mala. Encarou um jogo difícil com direito a susto logo no começo da partida, aos 5 minutos o Newcastle já vencia a partida por 12 x 0, com dois tries. Mas a equipe de coventry liderada por Jimmy Gopperth e Danny Cipriani reagiu e reverteu o placar. Marcaram tries para os visitantes, Cipriani, Wade, Young e Gopperth. Para os anfitriões, marcaram Takulua, Watson, Vickers e Wilson. Destaque para uma lesão que tirou Danny Cipriani de campo. Placar final 34 x 30 para o Wasps.

 

 

 

 

Saracens vence jogo difícil e segue em segundo lugar

 

Saracens foi a Welford Road para enfrentar o Leicester Tigers e encontrou um adversário dificílimo, mesmo estando ele numa posição intermediária na tabela. O Tigers sempre foi combativo, ainda mais em clássicos. O jogo foi duro. Duro no campo e duro de assistir também. Foi um jogo muito fechado, na base e concentrado no pack de forwards. Sentindo a ausência dos irmãos Vunipola, o Saracens se defendia como podia e manteve ainda a melhor defesa da temporada. Mas os forwards dos Tigers liderados por Tom Youngs conseguiram bons avanços para o time da casa, mas algumas das oportunidades criadas foram desperdiçadas por chutes errados de Owen Williams.

 

O único try da partida foi anotado por Owen Farrell que, por sinal, marcou todos os pontos do Saracens. E para o Leicester, Owen Williams marcou todos os pontos da partida. Placar final: Saracens 16 x 12. O destaque foi para Eddie Jones que estava no campo para assistir a partida, muito provavelmente para observar a atuação de Tuilagi como segundo centro como solicitou para o Leicester. Mas infelizmente não conseguiu observá-lo, pois não demorou muito para sair contundido.

 

 

 

 

Exeter foi a Bath e voltou com a terceira colocação

 

Aproximadamente um mês é o que separa o Bath da vitória na competição inglesa. A última vitória do Bath, foi dia 3 de dezembro quando venceu o então líder Saracens em casa. Após isso, já se passaram duas rodadas em que o Bath não consegue vencer. E isso o complica, pois estava na segunda colocação e agora, já está em quarto lugar. Em compensação, quem não reclama é o Exeter, já que assumiu a terceira colocação com a vitória em solo adversário.

 

Com um double de James Short para o Exeter e um try de Samesa Rokoduguni para o Bath, a equipe visitante aplicou uma boa vitória rumo às primeiras posições, deixando para trás o Leicester Tigers que perdeu na rodada e se distancia das quatro primeiras posições. Placar final: 17 x 1 para o Exeter.

 

 

Northampton vira no final e complica vida do Gloucester

 

David Humphreys não deve mais saber o que fazer com o time que tem em mãos. As alterações que faz na equipe já são enormes. Escala-se James Hook como fullback, já tentou-se Twelvetrees como abertura. Agora Greig Laidlaw começou a partida no banco, mas nada, nada tem resolvido o problema do Gloucester que insiste em fazer uma campanha mediana para ruim nesta temporada na Premiership.

 

A equipe chegou a liderar o placar no primeiro tempo, mas foi cedendo espaços e jogadas na segunda etapa e isso permitiu ao Northampton crescer e dominar a segunda etapa. Dominou tanto que a menos de cinco minutos do final, um penalty try pôs tudo a perder para o Gloucester. Era a virada do Northampton no placar, que não mais se alterou. Placar final: 13 x 12 para os Saints.

 

 

 

 

Bristol vence segunda partida seguida

 

Bristol foi a Salford jogar contra o Sale Sharks e voltou com uma vitória na bagagem. Para um time que não conseguia vencer na temporada, esta segunda vitória seguida veio mesmo a calhar. Além do mais, Tom Varndell, com o try anotado na partida, atingiu a marca de 91 tries marcados na Premiership e superou de vez a marca anterior de 90 tries de Mark Cueto.

 

Além do try de Varndell, marcaram para o Bristol Rhodri Williams e Max Crumpton. Para o Sal Sharks, Denny Solomona e Johnny Leota, além de um penalty-try. Com a vitória Bristol ameaça uma reação para sair das últimas posições e já encosta no Worcester e também no próprio Sale Sharks.

 

 

 

 

Worcester vence Harlequins e ameaça embolar parte de baixo da tabela

 

Assim como o Bristol, Worcester também venceu nesta rodada. Não foi como visitante, mas venceu os Quins em casa. Foi o jogo que marcou o retorno de Chris Robshaw ao Quins após os amistosos internacionais em que defendeu a seleção inglesa, mas sua participação no jogo, não impediu a força de vontade do Worcester de vencer o jogo diante de sua torcida. Os tries de Dean Hammond e Ben Te´o levaram o time à vantagem, mas os chutes de Ryan Mills que definiram o placar para os Warriors. Para o Quins, anotaram tries Charlie Matthews e Alofa. Placar final: 24 x 17 para o Worcester.

 

 

 

 

London Irish e Yorkshire Carnegie seguem sobrando na fase classificatória da Championship

 

Os dois primeiros colocados na Championship seguem sobrando na competição. Ambos têm mais de 20 pontos para o terceiro colocado na competição, o Doncaster que segue firme em busca de sua classificação para as semifinais. London Irish venceu na rodada o Bedford Blues em casa e o Yorkshire Carnegie venceu o falido London Welsh tmabém em casa. Doncaster, também jogando em casa, venceu o candidato ao rebaixamento Richmond. O quarto na tabela, Cornish Pirates, também jogou em casa e também venceu. Venceu o Nottingham.

 

 

Foto: Getty Images

 

 

AvivaPremiershipLogo

 

Aviva Premiership – Campeonato Inglês

 

Worcester Warriors 24 x 17 Harlequins

 

Leicester Tigers 12 x 16 Saracens

 

Gloucester 12 x 13 Northampton Saints

 

Sale Sharks 23 x 24 Bristol

 

Bath 11 x 17 Exeter Chiefs

 

Newcastle Falcons 30 x 34 Wasps

 

ClubeCidadeJogosPontos
WaspsCoventry2284
Exeter ChiefsExeter2284
SaracensLondres2277
Leicester TigersLeicester2266
BathBath2259
HarlequinsLondres2252
Northampton SaintsNorthampton2252
Newcastle FalconsNewcastle2249
GloucesterGloucester2246
Sale SharksSalford (Manchester)2244
Worcester WarriorsWorcester2233
BristolBristol2220
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por diferença de 7 pontos ou menos = 1 ponto extra;
- 1º a 4º lugares = classificação às Semifinais e à Champions Cup;
- 5º e 6º lugares = classificação à Champions Cup;
- 7º lugar = classificação à Repescagem para a Champions Cup;
- 12º lugar = rebaixamento

 

 

GKIPA Championship

 

GKIPA Championship – 2a Divisão Inglesa

 

Cornish Pirates 41 x 20 Nottingham

 

London Irish 36 x 21 Bedford Blues

 

Doncaster Knights 34 x 3 Richmond

 

Jersey 13 x 19 Earling Trailfinders

 

Yorkshire Carnegie 20 x 13 London Welsh

 

London Scottish 36 x 15 Rotherham Titans

 

ClubeCidadeJogosPontos
London IrishReading2091
Yorkshire CarnegieLeeds2074
Ealing TrailfindersLondres2060
Doncaster KnightsDoncaster2058
Jersey RedsJersey2058
Cornish PiratesPenzance2055
Bedford BluesBedford2041
London ScottishLondres2040
NottinghamNottingham2039
RichmondLondres2026
Rotherham TitansRotherham2022
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por diferença de 7 pontos ou menos = 1 ponto extra;
- 1º a 4º lugares = classificação às Semifinais;
- 12º lugar = rebaixamento