World Rugby apoia a Bingham Cup, o Mundial Gay

Entre sexta e domingo, dias 27 a 29, a cidade americana de Nashville, no Tennessee, receberá a edição 2016 da Bingham Cup, considerado o Mundial Gay de Rugby, organizado a cada dois anos pela International Gay Rugby (IGR), entidade sem fins lucrativos fundada em 2002 com o objetivo de lutar contra a discriminação da orientação sexual no esporte.

 

No último mês de março, o World Rugby firmou com a IGR um memorando de entendimento, garantindo seu apoio à IGR na luta contra a homofobia no rugby e na promoção da Bingham Cup.

 

A edição 2016 da Bingham Cup contará com a participação de 45 clubes, de 21 países, com um total de 1100 atletas. As partidas são realizadas no formato de XV, com as equipes separadas por divisões e jogando todos os dias. Não existe impedimento à participação de atletas heterossexuais.

 

Em 2014, o campeão foi o Sydney Convicts RFC, da Austrália, que já faturou a competição 4 vezes a competição, incluindo os dois últimos torneios. O San Francisco Fog, com dois títulos, e o Gotham Knights, de Nova York, com um título, completam a lista de campeões, com três taças para os EUA.

 

O nome do torneio é uma homenagem a Mark Bingham, atleta destacado do time da Cal University, dos EUA, que jogou pelo San Francisco Fogs, foi fundador do Gothan Knights, e morreu no voo 93 da United Airlines, um dos aviões que se colidiu ao World Trade Center no dia 11 de setembro de 2001.

Comentários