Old Resian é campeão do Litoral pela primeira vez em sua história. Foto: Old Resian

ARTIGO COM VÍDEOS – Giro pelo rugby do Hemisfério Sul!

 

Ranfurly Shield agita Otago

A sexta-feira na Nova Zelândia foi de dérbi regional. Com a Mitre 10 Cup (o Campeonato Neozelandês) marcado para começar apenas no dia 8 de agosto, as equipes provinciais do país estão no momento em pré temporada e o grande destaque da semana foi a disputa do Ranfurly Shield, o escudo-desafio do país. Trata-se da competição mais antiga da Nova Zelândia: uma taça que troca de mãos toda vez que seu detentor é derrotado em casa.

- Continua depois da publicidade -

Durante a pré temporada, o detentor da taça a coloca em disputa contra equipes da divisão inferior do país, o Heartland Championship (3ª divisão), invertendo o mando de jogo excepcionalmente. Otago, que terminou 2018 como o dono do Ranfurly Shield, colocou a taça em disputa nessa sexta contra seu vizinho North Otago, na cidade de Oamaru, e venceu, como esperado, por 49 x 14. A próxima defesa do Ranfurly Shield será no clássico entre Otago e Southland no dia 17 de agosto, em partida válida pela Mitre 10 Cup.

CASI venceu superclássico de Buenos Aires contra o SIC

Na Argentina, o sábado foi do maior clássico do país, no Torneio da URBA (o Campeonato de Buenos Aires). Líder da competição, o SIC visitou seu arquirrival CASI, apenas o 9º colocado (em uma competição de 12 times), no clássico de San Isidro. E, jogando em La Catedral, o CASI conquistou uma preciosa vitória em sua luta para permanecer na elite portenha, fazendo 16 x 09. O resultado não mudou a situação do SIC, que após 16 rodadas (de um total de 22) soma 12 pontos a mais que o vice líder Pucará, derrotado em casa nesta rodada pelo vice lanterna La Plata (34 x 28). Belgrano e Hindú completam o G4.

Campeões definidos no interior argentino

Enquanto a URBA tem a competição mais longa do país, os demais campeonato regionais terminaram nos dois últimos fins de semana, com o segundo semestre sendo reservado para o Torneio do Interior. Com isso, muitos campeões foram conhecidos, com públicos de lotação máxima nas finais e alguns campeões inéditos.

No Noroeste (o campeonato entre equipes de Tucumán, Salta, Santiago del Estero e Jujuy) terminou com título do Universitario de Tucumán (Los Benjamines), maior campeões da regional, derrotando o Tucumán Lawn Tennis por 15 x 09 na final.

Já em Córdoba o campeão foi inédito: o Urú Curé, de Rio Cuarto, que derrotou na decisão o Córdoba Athletic por 38 x 16.

No Litoral (o campeonato entre equipes de Rosario, Santa Fe e Entre Ríos), o título foi do Old Resian, clube fundado em 1942 e que jamais havia sido campeão. A conquista inédita saiu com vitória por 13 x 06 sobre o Jockey Club de Rosario na decisão.

No Cuyano (competição da região Oeste, isto é Mendoza e San Juan), o Marista levou o caneco batendo Los Tordos por 20 x 12, no embate dos maiores campeões.

No Pampeano (o campeonato do interior da província de Buenos Aires), a Sportiva de Bahía Blanca se consagrou campeã inédita ao vencer a Mar del Plata Club por 14 x 11, levando o primeiro título para Bahia Blanca.

Por fim, no Torneio do Nordeste, a CURNE, de Resistencia, venceu o Aguará, de Formosa, na final por 24 x 15.




Jaguares XV seguem vencendo na África do Sul

Enquanto isso, a equipe de desenvolvimento dos Jaguares, o Jaguares XV (a Argentina XV, na prática), segue impecável na segunda divisão da Currie Cup, o Campeonat Sul-Africano. Desta vez, os argentinos vencendo o Eastern Province Elephants por 54 x 15 e se mantiveram 100%, na liderança do campeonato.

Na primeira divisão, a liderança agora é dos Cheetahs, que atropelaram o antigo líder Griquas em dérbi regional por 68 x 14. Mas o destaque do fim de semana foi o superclássico nacional entre Western Province (Stormers) e Blue Bulls, na Cidade do Cabo, que terminou com vitória dos visitantes Blues Bulls por 30 x 28.


Currie Cup – Campeonato Sul-Africano

1ª divisão

Mpumalanga Pumas 17 x 25 Blue Bulls

Cheetahs 68 x 14 Griquas

Western Province 28 x 30 Blue Bulls

 

2ª divisão

Elephants 15 x 54 Jaguares XV

Leopards 38 x 29 Bulldogs

Falcons 31 x 31 Griffons

Eagles 03 x 32 Cavaliers

 Equipes (Províncias)Cidade principalJogosPontos
Premier Division (1ª divisão)
Free State CheetahsBloemfontein622
Golden LionsJoanesburgo622
GriquasKimberley621
Natal SharksDurban619
Western ProvinceCidade do Cabo614
Blue BullsPretória610
pumas mpumalanga copyMpumalanga PumasNelspruit69
First Division (2ª divisão)
Jaguares XVArgentina*735
GriffonsWelkom724
Eastern Province ElephantsPort Elizabeth720
FalconsKempton Park720
LeopardsPotchefstroom716
Boland CavaliersWellington714
SWD EaglesGeorge714
Border BulldogsEast London76
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por diferença de 7 pontos ou menos = 1 ponto extra;

- 4 primeiros colocados = classificação às semifinais;
- Último colocado da 1ª divisão fará repescagem de rebaixamento/promoção com o campeão da 2ª divisão;

*Jaguares XV jogam todos os jogos na África do Sul;