Foto: LNR

ARTIGO COM VÍDEO – Toulouse e Clermont fizeram uma final de arrepiar, principalmente na segunda etapa, com os occitanos levando a melhor, por 24 a 18, e conquistando o 20º título nacional da equipe, que não venciam desde 2012, para os adversários ficou a tristeza do 12º vice-campeonato, posição que continua a assombrar a equipe. Em campo o Toulouse foi mais incisivo anotando dois tries, um em cada etapa, com o veterano ponta Yoann Huget para garantir a vitória, os adversários não colocaram a bola no chão nenhuma. O resultado é uma vitória da juventude com os campeões apostando nas categorias de base colocando em campo a dupla scrum-half\ abertura Antoine Dupont\ Thomas Ramos com 22 e 23 anos respectivamente, que não sentiram o peso e são a esperança da seleção francesa para os próximos anos.

A primeira etapa foi bastante amarrada, com o Toulouse ocupando mais o campo de ataque, mesmo assim sem muita eficiência, com as equipes preferindo apostar nos chutes para os paus, com o abertura dos occitanos Thomas Ramos convertendo duas vezes e o scrum-half dos amarelos, o veterano escocês Greig Laidlaw, anotando três vezes. O único try da primeira foi marcado pelo Toulouse, que em uma das poucas jogadas com continuidade conseguiu criar superioridade sobre o Clermont com Huget colocandoa bola no chão, aos 28’, Ramos não converteria. Com o primeiro tempo terminando 11 a 9 para o Toulouse.

A segunda etapa foi mais agitada com o Toulouse imprimindo um ritmo mais forte no inicio, ampliando o placar em mais um chute de Ramos, aos 9’ e colocando a bola no chão, aos 15’ novamente com Huget, Ramos converteria, depois que um chute de 22 ruim deu origem a um contra ataque em velocidade dos occitanos. Após o try o Clermont cresceria na partida, mas os muitos erros de handling e a forte defesa adversária obrigaria os amarelos a se contentar apenas com penais, aos 12’, 21’ e aos 33’, o Toulouse administraria a vantagem também nos penais com Ramos convertendo aos 26’. Os últimos dez minutos foram do Clermont,, que atacou muito mas não conseguiu pressionar a defesa adversária jogando pouco dentro das 22 de ataque, com a partida terminando 24 a 18.

Top 14 – Campeonato Francês

FINAL

- Continua depois da publicidade -

24versus copiar18

Toulouse 24 x 18 Clermont, em Paris

Toulouse

Tries: Huget (2)

Conversões: Ramos (1)

Penais: Ramos (4)

15 Cheslin Kolbe, 14 Yoann Huget, 13 Sofiane Guitoune, 12 Pita Ahki, 11 Maxime Médard, 10 Thomas Ramos, 9 Antoine Dupont, 8 Jerome Kaino, 7 François Cros, 6 Rynhard Elstadt, 5 Joe Tekori, 4 Richie Arnold, 3 Charlie Faumuina, 2 Peato Mauvaka, 1 Cyril Baille;

Suplente: 16 Guillaume Marchand, 17 Clement Castets, 18 Piula Faasalele, 19 Selevasio Tolofua, 20 Richie Gray, 21 Sébastien Bézy, 22 Romain Ntamack, 23 Maks van Dyk;

Clermont

Penais: Laidlaw (5) e Lopez (1)

15 Isaia Toeava, 14 Damian Penaud, 13 George Moala, 12 Wesley Fofana, 11 Alivereti Raka, 10 Camille Lopez, 9 Greig Laidlaw, 8 Fritz Lee, 7 Alexandre Lapandry, 6 Judicael Cancoriet, 5 Sebastien Vahaamahina, 4 Sitaleki Timani, 3 Rabah Slimani, 2 Benjamin Kayser, 1 Etienne Falgoux;

Suplentes: 16 John Ulugia, 17 Loni Uhila, 18 Peceli Yato, 19 Paul Jedrasiak, 20 Charlie Cassang, 21 Tim Nanai-Williams, 22 Apisai Naqalevu, 23 Davit Zirakashvili;

 

Histórico

 ClubeTítulos profissionais (desde 1996)Anos (a partir de 1996)Títulos totais (desde 1892)
Toulouse81996, 1997, 1999, 2001, 2008, 2011, 2012 e 201920
Stade Français61998, 2000, 2003, 2004, 2007 e 201514
biarritz novoBiarritz32002, 2005 e 20065
Castres22013 e 20185
clermont copy copyClermont22010 e 20172
Perpignan120097
Racing 120166
Toulon120144
Béziers11
Bordeaux¹9
Agen8
Lourdes8
Bayonne3
Pau3
Lyon OU2
Narbonne2
Tarbes2
Carmaux1
Grenoble1
Montauban1
Mont de Marsan1
Quillan1
Valence-Romans²1
Vienne1
FC Lyon³1
Olympique Pantin³1
¹ Bordeaux tem 9 títulos somando-se os 7 do Stade Bordelais e os 2 do Bègles, clubes que se fundiram em 2006;
² O título é do La Voulte, que se fundiu em 2010 ao Valence. Em 2016, o Valence se fundiu ao Romans, dando origem ao Valence-Romans Drôme;
³ O FC Lyon e o Olympique Pantin não existem mais. O FC Lyon deu origem do clube de futebol Olympique Lyonnais e o Olympique Pantin se fundiu ao Red Star, também do futebol;