ARTIGO COM VÍDEOS – Um grande dia para a Terra do Fogo, a província mais ao sul da Argentina. Ushuaia, a porta de entrada para a Antártica, recebeu pela primeira vez a seleção de rugby da Argentina, com o time de desenvolvimento do país, a Argentina XV, recebendo o Brasil pela penúltima rodada do Americas Rugby Championship. Como no jogo anterior os Estados Unidos haviam feito sua parte e derrotado o Chile por 57 x 09, cabia aos argentinos se imporem sobre o Brasil para seguirem na liderança da competição. O Brasil fez um grande primeiro tempo, talvez os seus melhores 40 minutos no torneio, mas não resistiu à potência argentina na segunda etapa, com o jogo encerrando em um placar elástico a favor dos donos da casa,

 

A Argentina XV deu seu cartão de visitas logo aos 3′ com try do ótimo scrum-half Cancelliere, após vacilo brasileiro no ruck. Porém, os Tupis começaram muito bem a partida, logo colocando excelente combatividade na defesa e conseguindo achar espaços na defesa argentina (desarrumada no primeiro tempo) com muita qualidade. Aos 6′, o Brasil brilhou. O lateral funcionou, Felipe Sancery achou o espaço na defesa e Moisés rompeu o tackle para correr para o try brasileiro, que projetou os Tupis para a liderança do placar. Grande momento.

 
Miotti, em penal aos 13′, devolveu a frente aos donos da casa e o Brasil, na vontade defensiva, se complicou quando Nick, aos 15′, recebeu amarelo. Com um homem a menos, os Tupis foram colocados na defesa e mostraram força para resistirem aos argentinos, ganhando turnover importante aos 17′. Mas, na sequência, o chute de alívio foi ruim e armou o contra golpe argentino, com Schulz, oriundo do sevens, rompendo os tackles e deixando de offload para o pilar Brarda (que deixou uma dúvida de knock-on) cravar o segundo try dos anfitriões.

- Continua depois da publicidade -

 
O Brasil ainda tinha muito a mostrar com a bola em mãos e produziu linda jogada aos 27′, com Moisés arrancando, recebendo o apoio de Yan (mostrando versatilidade), deixando para Ariel, que serviu Daniel Sancery, mas o knock-on a passos do try privou o Brasil de encostar no marcador. Moisés ainda armaria outra grande ação ofensiva aos 30′, mas o primeiro tempo acabou com os argentinos chegando ao terceiro try, com Tomás de la Vega, pondo 22 x 07 no placar.

 

O segundo tempo foi outra história. Os argentinos colocaram a cabeça no jogo com os Estados Unidos e produziram muito mais, com a gana de quem busco o título. Paganini recebeu amarelo logo no começo e Brandi, aos 43′, cravou o quarta try, do bônus, na potência, em jogada de difícil visualização da bola. Com um homem a menos, a “porta se abriu”, e a Argentina marcou outro try, com De la Vega de nobo, em maul após lateral. Depois, aos 52′, o Brasil foi a nocaute com Schulz inteceptando passe e arrancando para mais um try.

 

Mais 3 minutos e outro try argentino, com Cancelliere, em jogada mostrando potência para romper a linha do lado argentino e qualidade no jogo de mãos. Aos 58′, Medrano levou amarelo e deixou os argentinos com um homem a menos, mas isso não impediu mais dois tries de serem marcados, aos 61′, com Larrague, um dos melhores do jogo e, aos 66′, em jogada brilhante de Boffelli, costurando na velocidade a defesa cansada dos Tupis. Dois Jaguares fazendo try para a Argentina XV.

 

Ainda tinha mais do lado argentino e Cappiello fez seu try aos 69′, enquanto o scrum-half reserva Velez deixou mais dois antes do fim, um em belíssimo maul após lateral. Ige ainda acabou levando amarelo no fim pelo Brasil. 79 x 07, placar final.

 

O Brasil encerrará sua campanha no Americas Rugby Championship na próxima sexta-feira o Canadá, em São Paulo, no Pacaembu, enquanto a Argentina decidirá em casa o título recebendo os Estados Unidos, em Comodoro Rivadavia, na Patagônia.

 

UAR_copy_copy.jpg79versus copiar07tupi logo

Argentina XV 79 x 07 Brasil, em Ushuaia

Árbitro: Claudio Cativelli (Uruguai)

 

Argentina XV

Tries: Cancelliere (2), De la Vega (2), Velez (2), Brarda, Brandi, Schulz, Larrague, Boffelli, Cappiello

Conversões: Miotti (4) e Granella (4)

Penais: Miotti (1)

1 Franco Brarda, 2 Marcelo Brandi, 3 Alejo Brem, 4 Pedro Ortega, 5 Ignacio Larrague, 6 Mariano Romanini, 7 Lautaro Bavaro (c), 8 Tomás de la Vega, 9 Sebastián Cancelliere, 10 Domingo Miotti, 11 Franco Cuaranta, 12 Tomás Granella, 13 Segundo Tuculet, 14 Germán Schulz, 15 Juan Cruz González;

Suplentes: 16 Gaspar Baldunciel, 17 Facundo Gigena, 18 Santiago Medrano, 19 Franco Molina, 20 Rodrigo Bruni, 21 Lauaro Bazán Vélez, 22 Juan Cappiello, 23 Emiliano Boffelli;

 

Brasil

Try: Moisés Duque

Conversões: Moisés Duque (1)

1 Wilton Rebolo “Nelson” (São José), 2 Yan Rosetti (CUBA, Argentina), 3 Caique Silva (Niterói), 4 Gabriel Paganini (Band Saracens), 5 Diego Lopez “Diegão” (Pasteur), 6 João Luiz da Ros “Ige” (Desterro), 7 André Arruda “Buda” (Desterro), 8 Nick Smith (SPAC), 9 Matheus Cruz (Jacareí), 10 Josh Reeves (Jacareí), 11 Ariel Rodrigues (Jacareí), 12 Moisés Duque (São José), 13 Felipe Sancery (São José), 14 De Wet Van Niekerk (Band Saracens), 15 Daniel Sancery (São José);

Suplentes: 16 Daniel Danielewicz “Nativo” (Desterro), 17 Vitor Ancina “Vitão” (Curitiba), 18 Pedro Bengaló (Desterro), 19 Lucas Piero “Bruxinho” (Desterro), 20 Matheus Daniel “Matias” (Jacareí), 21 Beukes Cremer (Poli), 22 Luan Smanio (Desterro), 23 Robert Tenório (Pasteur);

 

EquipeApelidoPJVED4+-7PPPCSP
Estados UnidosEagles2354104021596119
Argentina XVArgentina XV2254103022862166
UruguaiTeros15530221120125-5
BrasilTupis852030063179-116
CanadáCanucks8510422112127-15
ChileCóndores050050051200-149

 

DataHora (Brasília)CidadeEstádioSeleção da casaplacarXplacarSeleção visitante
03/02/201720:15São Paulo, BrasilPacaembuBRASIL17X3CHILE
04/02/201719:00San Antonio, EUAToyota FieldESTADOS UNIDOS29X23URUGUAI
04/02/201723:00Langford/Victoria, CanadáWesthills StadiumCANADÁ6X20ARGENTINA XV
11/02/201720:10Bahia Blanca, ArgentinaClube Villa MitreARGENTINA XV57X12URUGUAI
11/02/201722:00Round Rock/Austin, EUADell DiamondESTADOS UNIDOS51X3BRASIL
11/02/201723:00Langford/Victoria, CanadáWesthills StadiumCANADÁ36X15CHILE
18/02/201719:00Talcahuano, ChileEstadio CAPCHILE10X45ARGENTINA XV
18/02/201721:00Maldonado/Punta del Este, UruguaiCampus Municipal de MaldonadoURUGUAI23X12BRASIL
18/02/201723:00Burnaby/Vancouver, CanadáSwangard StadiumCANADÁ34X51ESTADOS UNIDOS
25/02/201715:30Santiago, ChileSan Carlos de ApoquindoCHILE9X57ESTADOS UNIDOS
25/02/201717:40Ushuaia, ArgentinaEstadio Agustín PichotARGENTINA XV79X7BRASIL
25/02/201720:00Maldonado/Punta del Este, UruguaiCampus Municipal de MaldonadoURUGUAI17X13CANADÁ
03/03/201719:15São Paulo, BrasilPacaembuBRASIL24X23CANADÁ
04/03/201715:00Montevidéu, UruguaiEstadio CharruaURUGUAI45X14CHILE
04/03/201717:30Comodoro Rivadavia, ArgentinaEstadio MunicipalARGENTINA XV27X27ESTADOS UNIDOS

 

Foto: UAR