Brasil contra a Inglaterra no Canada Sevens. Foto: Mike Lee - KLC fotos for World Rugby

ARTIGO COM VÍDEO – O domingo do Canada Sevens, a penúltima etapa da Série Mundial de Sevens Feminina, em Langford (Victoria), foi de alegria para as Yaras, com o Brasil voltando a vencer no circuito na última partida, contra a Rússia, para ficar com o 11º lugar da etapa.

Clique aqui para saber sobre os jogos de sábado.

 

Brasil em 11º lugar!

- Continua depois da publicidade -

O dia começou com derrota brasileira para o Japão nas semifinais do Challenge Trophy (as disputas pelo 9º lugar). As Yaras fizeram um bom jogo e começaram com tudo, com Raquel atropelando para o primeiro try. Porém, a defesa brasileira teve problemas e, em um erro de tackle, viu Koide reduzir para o Japão e, depois, Otake sobrou na ponta para virar o jogo para as Sakuras, em um 10 x 07. O Brasil mostrou jogo coletivo perfeito e a bola viajou de mão em mão até Bianca cravar o try que colocava as Yaras na frente, 14 x 10.  Mas, antes do intervalo, houve tempo para outro try japonês sobrando uma atleta livre, Tateyama, que correu para o 17 x 14.

O Brasil começou muito forte a segunda etapa, com Izzy criando para Bianca disparar para mais um try. O momento parecia do Brasil, com as Yaras trabalhando bem a bola no ataque, mas parando na defesa do Japão que, em contra-ataque letal, se pôs na frente outra vez com Tateyama. E as brasileiras não conseguiram mais reagir, com Bativakalolo quebrando o tackle para o try final, 31 x 21.

As Yaras voltaram a campo para duelarem com a Rússia pelo 11º lugar. E o jogo parecia que seria das russas, com domínio no primeiro tempo para um 14 x 00, com 2 tries de Danilova, mustrando superioridade no contato. O Brasil jogava com um elenco jovem a partida, sem nenhuma atleta olímpica no início da partida, e a Rússia – que também jogava com um elenco bastante renovado – foi se impondo. Kazantseva fez o terceiro logo após o intervalo. Mas, na reta final, já com mais experiência em campo, as Yaras ressurgiram, com Amanda liderando a reação em 2 tries seguidos nos instantes finais, que deram na última bola a chance para o Brasil virar. As russas erraram com o tempo esgotado e Raquel não perdoou e decretou o 19 x 19 – mas a conversão da vitória foi perdida.

Na prorrogação, quem brilhou foi Bianca, que aproveitou novo erro russo para disparar rumo ao try de ouro, 24 x 19. Bianca acabou no Top 10 de artilheiras de tries do torneio.

Canada Sevens – em Langford/Victoria, Canadá – 4ª etapa da Série Mundial de Sevens Feminina

Clique aqui para conferir as listas de atletas de todos os países

*Horários de Brasília

Sábado, dia 12 de maio

14h30 – Rússia 14 x 35 Estados Unidos

14h52 – França 33 x 07 Japão

15h14 – Espanha 00 x 07 Irlanda

15h36 – Austrália 22 x 07 Canadá

15h58 – Fiji 24 x 14 Inglaterra

16h20 – Nova Zelândia 51 x 00 Brasil

 

17h24 – Rússia 07 x 24 Japão

17h46 – França 22 x 19 Estados Unidos

18h08 – Espanha 10 x 24 Canadá

18h30 – Austrália 31 x 19 Irlanda

18h52 – Fiji 47 x 14 Brasil

19h14 – Nova Zelândia 22 x 00 Inglaterra

 

20h16 – Estados Unidos 28 x 07 Japão

20h38 – França 45 x 00 Rússia

21h00 – Irlanda 17 x 19 Canadá

21h22 – Austrália 43 x 10 Espanha

21h44 – Inglaterra 31 x 17 Brasil

22h06 – Nova Zelândia 12 x 07 Fiji

Grupo A: 1 Nova Zelândia, 2 Fiji, 3 Inglaterra, 4 Brasil;

Grupo B: 1 França, 2 Estados Unidos, 3 Japão, 4 Rússia;

Grupo C: 1 Austrália, 2 Canadá, 3 Irlanda, 4 Espanha;

 

Sábado, dia 12 de maio

Quartas de final

13h20 – França 27 x 00 Irlanda

13h42 – Austrália 21 x 05 Fiji

14h04 – Estados Unidos 28 x 26 Canadá

14h26 – Nova Zelândia 17 x 12 Inglaterra

 

Semifinais pelo Challenge Trophy (9º lugar)

14h48 – Japão 31 x 21 Brasil

15h10 – Espanha 14 x 07 Rússia

 

Semifinais pelo 5º lugar

16h26 – Irlanda 19 x 07 Fiji

16h48 – Canadá 35 x 12 Inglaterra

 

Semifinais pelo Ouro

17h10 – França 12 x 17 Austrália

17h32 – Estados Unidos 10 x 33 Nova Zelândia

 

Finais

17h54 – Brasil 24 x 19 Rússia (prorrogação) – Decisão de 11º lugar

18h16 – Japão 26 x 21 Espanha – Final do Challenge Trophy (9º lugar)

19h10 – Fiji 24 x 29 Inglaterra – Disputa de 7º lugar

19h32 – Irlanda x Canadá – Disputa de 5º lugar

19h54 – França x Estados Unidos – Disputa de Bronze (3º lugar)

20h16 – Austrália x Nova Zelândia – FINAL – Disputa de Ouro

 

Yaras

Raquel Kochhann (Leoas de Paraisópolis)
Mariana Nicolau (São José)
Haline Scatrut (Curitiba)
Isadora “Izzy” Cerullo (Niterói)
Amanda Araujo (Niterói)
Bianca Silva (Leoas de Paraisópolis)
Rafaela Zanelatto (Curitiba)
Milena “Mille” Mariano (São José)
Leila Silva (Leoas de Paraisópolis)
Isadora Lopes (Melina)
Eshyllen Coimbra (Guanabara)
Júlia Rodrigues (Niterói)