Tupis campeões! Foto: João Neto/Fotojump

É CAMPEÃO! Pela primeira vez na história, a Seleção Brasileira Masculina de Rugby XV soltou o grito de campeã da elite sul-americana! Em sua casa histórica, o São Paulo Athletic Club, o Brasil confirmou seu favoritismo contra a Colômbia e levantou sua primeira taça do Campeonato Sul-Americano, em uma vitória por 67 x 05 que coroou as carreiras de Ige e Chabal, ambos se despedindo dos Tupis como atletas, em dia de muita emoção em São Paulo.

E não deixe de ver as fotos da partida, por Diego Gutierrez, Daniel Venturole e Laís Zampiere

O jogo, entretanto, não começou como o esperado para os Tupis, com um primeiro tempo sofrido. O Brasil inaugurou o placar logo no começo, com a bola sendo roubada em lateral colombiano para Bergo cravar o primeiro try do jogo para os Tupis.

A posse de bola seguiu nas mãos brasileiras e os penais foram se somando a fazer os Tupis, que cometiam pequenos erros nas definições, com os Tucanos mostra qualidade defensiva. Josh colocou 2 penais para abrir 13 x 00. Os colombianos foram reduzidos a 14 homens por amarelo e tudo levava a crer que os Tupis deslanchariam. Porém, o jogo vivia um momento de tensão e Chabal recebeu cartão vermelho por agressão, seguido de um amarelo para Gelado.

- Continua depois da publicidade -

O Brasil com 13 jogadores em campo foi dominado pela Colômbia, que pressionou incessantemente pelo try, mas perdeu 2 chutes de penalidade e parou na defesa sólida dos Tupis, que levaram o jogo ao intervalo em suados 13 x 00.

No segundo tempo tudo mudou e o papo da pausa de Rodolfo Ambrosio funcionou. Os Tupis voltaram a campo com muita gana e não tardou a liquidar a fatura, mostrando muita superioridade física, apesar do homem a menos. Ige se despediu da seleção com um try crucial logo após o retorno, em lance que teve Abud produzindo um turnover e a bola sendo bem trabalhada até o outro lado do campo.

Logo na sequência, foi a vez de Stefano quebrar a linha de defesa dos Tucanos em velocidade e servir Moisés, que finalizou o terceiro try brasileiro, dando encaminhamento ao título. A porta se abriu e Josh desferiu um magistral offload para Moisés fazer seu segundo try.

Os avançados também queriam mais e Paganini atropelou para o quinto try brasileiro, enquanto Zé, na velocidade e com direito a dummy, guardou o sexto try. Tinha mais ainda, com os dois irmãos Sancery cruzando o in-goal, primeiro com Daniel, rompendo na ponta, e depois com Felipe, chutando e apanhando a bola.

A Colômbia reduziu com try de Ardile, após maul – jogada que os Tucanos apostavam que capitalizariam algo. Mas De Wet ainda teve tempo para mergulhar para o último try brasileiro, selando o triunfo em 67 x 05, já com a chuva caindo. Chuva para os campeões, com o Brasil festejando no SPAC o título inédito!

 

67versus copiar05

Brasil 67 x 05 Colômbia, em São Paulo

Árbitro: Damian Schneider (Argentina) / Assistentes: Cauã Ricardo (Brasil) e Lucas Sacomanno (Brasil)

Brasil

Tries: Moisés (2), Bergo, Ige, Paganini, Zé, Daniel Sancery, Felipe Sancery e De Wet

Conversões: Josh (8)

Penais: Josh (2)

15 Daniel Sancery, 14 Stefano Giantorno, 13 Felipe Sancery, 12 Moisés Duque, 11 Lucas “Zé” Tranquez, 10 Josh Reeves, 9 Lucas “Tanque” Duque, 8 João Luiz “Ige” Da Ros, 7 Arthur Bergo, 6 Michael “Ilha” Moares, 5 Gabriel Paganini, 4 Cléber “Gelado” Dias, 3 Jardel Vettorato, 2 Yan Rosetti (c), 1 Jonatas “Chabal” Paulo;

Suplentes: 16 Luan “Big Mike” Almeida, 17 Wilton “Nelson” Rebolo, 18 Lucas Abud, 19 Lucas “Bruxinho” Piero, 20 André “Buda” Arruda, 21 Will Broderick, 22 De Wet Van Niekerk, 23 Valentin Garcia;

Colômbia

Try: Ardile

15 Emmanuel Bedoya Pulgarin, 14 Maicol Machado Pinzón, 13 Juan Gabriel Davila Metaute, 12 Jose Manuel Diosa Gómez, 11 Jhon Urrutia Robledo, 10 Jhojan Ortiz Arango, 9 Julián Londoño, 8 Sebastián Mejia Gil, 7 Dever Ceballos Salazar, 6 Gerson Ortiz Cañas, 5 John Carlos Alvarez Grajales, 4 Ferney Mejia Rodrigues, 3 Andrés Arango Aguilera, 2 Jorge Alvarez Velasquez, 1 Maurício Espinal Vargas;

Suplentes: 16 Diego Posada Giraldo, 17 Sebastian Arroyave, 18 Camilo Cadavid Cardona, 19 Danny Giraldo Mesa, 20 Juan Aguirre Ardile, 21 Oscar Forero Fadiño, 22 Andrés Alvarez Echeverry, 23 Santiago Morales Rojas;

 

AnoSedeCampeãoVice campeão3º lugar4º lugar5º lugar6º lugar
1951Buenos Aires (Argentina)ArgentinaUruguaiChileBrasil
1958Santiago e Viña del Mar (Chile)ArgentinaChileUruguaiPeru
1961Montevidéu (Uruguai)ArgentinaChileUruguaiBrasil
1964São Paulo (Brasil)ArgentinaBrasilUruguaiChile
1967Buenos Aires (Argentina)ArgentinaChileUruguai
1969Santiago (Chile)ArgentinaChileUruguai
1971Montevidéu (Uruguai)ArgentinaChileUruguaiBrasilParaguai
1973São Paulo (Brasil)ArgentinaUruguaiChileBrasilParaguai
1975Assunção (Paraguai)ArgentinaChileUruguaiBrasilParaguai
1977Tucumán (Argentina)ArgentinaUruguaiChileParaguaiBrasil
1979Santiago e Viña del Mar (Chile)ArgentinaUruguaiChileBrasilParaguai
1981*Montevidéu (Uruguai)UruguaiChileParaguaiBrasil
1983Buenos Aires (Argentina)ArgentinaUruguaiChileParaguai
1985Assunção (Paraguai)ArgentinaUruguaiChileParaguai
1987Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileParaguai
1989Montevidéu (Uruguai)ArgentinaUruguaiChileBrasilParaguai
1991Todos os paísesArgentinaUruguaiChileParaguaiBrasil
1993Todos os paísesArgentinaUruguaiParaguaiChileBrasil
1995Todos os paísesArgentinaUruguaiChileParaguai
1997Todos os paísesArgentinaUruguaiChileParaguai
1998Todos os paísesArgentinaUruguaiChileParaguai
2000Montevidéu (Uruguai)ArgentinaUruguaiChile
2001Todos os paísesArgentinaUruguaiChileParaguai
2002Mendoza (Argentina) e Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileParaguai
2003Montevidéu (Uruguai)ArgentinaUruguaiChileParaguai
2004Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileVenezuela
2005Buenos Aires (Argentina)ArgentinaUruguaiChile
2006Todos os paísesArgentinaUruguaiChile
2007Todos os paísesArgentinaUruguaiChile
2008Todos os paísesArgentinaUruguaiChile
2009Montevidéu (Uruguai) e Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileBrasilParaguai
2010Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileBrasilParaguai
2011Puerto Iguazu (Argentina)ArgentinaChileUruguaiBrasilParaguai
2012Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileBrasil
2013Montevidéu (Uruguai) e Temuco (Chile)ArgentinaUruguaiChileBrasil
2014**Todos os paísesUruguaiParaguaiBrasilChile
2015**Todos os paísesChileUruguaiParaguaiBrasil
2016**Todos os paísesUruguaiChileBrasilParaguai
2017**Todos os paísesUruguaiChileBrasilParaguai
Sul-Americano Seis Nações
2018Todos os paísesBrasilArgentina XVChileUruguai XVParaguaiColômbia
2019Todos os paísesArgentinaUruguai XVChileBrasilColômbiaParaguai
RankingTítulosVices3ºs lugares4ºs lugares5ºs lugares6ºs lugares
Argentina3500000
Uruguai4278000
Chile11125200
Brasil1131430
Paraguai0231380
Venezuela000100
Peru000100
Colômbia000001
Copa Sul-Americana**
2014Montevidéu, Paysandu (Uruguai) e Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChile
2015Montevidéu (Uruguai) e Assunção (Paraguai)ArgentinaUruguaiParaguai
2016Colonia de Sacramento (Uruguai) e Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChile
2017Colonia de Sacramento (Uruguai) e Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChile
RankingTítulosVices3ºs lugares
Argentina300
Uruguai030
Chile002
Paraguai001
Sul-Americano "B"
AnoSedeCampeãoVice campeão3º lugar4º lugar5º lugar6º lugar
2000São Paulo (Brasil)BrasilVenezuelaPeru
2001Todos os paísesBrasilVenezuelaPeruColômbia
2002Lima (Peru)BrasilPeruVenezuelaColômbia
2003Bogotá (Colômbia)VenezuelaBrasilColômbiaPeru
2004São Paulo (Brasil)ParaguaiBrasilPeruColômbia
2005Assunção (Paraguai)ParaguaiBrasilPeruColômbiaVenezuela
2006Caracas (Venezuela)BrasilColômbiaVenezuelaPeruCosta Rica
2007Lima (Peru)BrasilPeruColômbiaVenezuela
2008Luque (Paraguai)BrasilParaguaiVenezuelaColômbiaPeru
2009San José (Costa Rica)ColômbiaVenezuelaPeruCosta Rica
2010Medellín (Colômbia)PeruVenezuelaColômbiaCosta Rica
2011Lima (Peru)VenezuelaPeruColômbiaCosta Rica
2012Valencia (Venezuela)ParaguaiColômbiaVenezuelaPeru
2013Luque (Paraguai)ParaguaiColômbiaPeruVenezuela
2014Apartadó (Colômbia)ColômbiaVenezuelaPeruEquador
2015Lima (Peru)ColômbiaPeruVenezuelaEquador
2016Lima (Peru)ColômbiaVenezuelaPeruEquador
2017Lima (Peru) e Medellín (Colômbia)ColômbiaVenezuelaPeru-
2018Antigua Guatemala (Guatemala)PeruGuatemalaCosta Rica-
2019-----
Sul-Americano "C"
AnoSedeCampeãoVice campeão3º lugar4º lugar5º lugar6º lugar
2012Cidade da Guatemala (Guatemala)Costa RicaGuatemalaEquadorEl Salvador
2013San José (Costa Rica)EquadorCosta RicaGuatemalaEl Salvador
2014Balboa (Panamá)El SalvadorGuatemalaCosta RicaPanamá
2015San Salvador (El Salvador)GuatemalaCosta RicaEl SalvadorPanamá
2016Cidade da Guatemala (Guatemala)GuatemalaCosta RicaPanamáEl Salvador
2017San José (Costa Rica)Costa RicaGuatemalaNicaráguaPanamá
2018Todos os paísesPanamáEl SalvadorHonduras-
2019-----
* Argentina não participou em 1981;

**A partir de 2014, a Argentina não participa do Campeonato Sul-Americano de Rugby. Mas, os dois primeiros colocados da competição enfrentam no ano seguinte a Argentina na Copa Sul-Americana (Copa CONSUR em 2014 e 2015, Copa Sudamérica Rugby a partir de 2016), que passou a ser o título máximo do continente.