A Bolívia está recebendo os Jogos Sul-Americanos, a Olimpíada da América do Sul, que será importantíssima para o rugby sevens do Brasil, pois valerão vaga para Yaras e Tupis nos Jogos Pan-Americanos de 2019. E nesta segunda-feira, no segundo dia de jogos, o Brasil venceu todos os seus jogos nas duas categorias.

O sevens dos Jogos Sul-Americanos é disputado em pontos corridos, sem finais. Enquanto no feminino o Brasil lidera a competição ao lado da Argentina, ambas invictas e se preparando para duelarem na terça-feira, no masculino Argentina e Chile lideram invictos, com Brasil e Uruguai na cola. Os Tupis terão pela frente no último dia Bolívia e Chile para buscar uma das duas vagas no Pan 2019.

Clique aqui para conferir como foi o primeiro dia de jogos.

 

- Continua depois da publicidade -

Tupis e Yaras fecham segunda com vitórias

As brasileiras entraram em campo contra as uruguaias e impuseram nada menos que a maior vitória desde o início dos jogos em Cocha: 47 a 00 – infelizmente não transmitido ao vio por nenhum dos canais disponíveis.

Já Brasil x Paraguai, no masculino, foi transmitido e a torcida brasileira pôde vibrar pelo 31 x 07 muito bem conquistados pelos tupis com Estrela e Tanque cruzando o in-goal no primeiro tempo e ainda com o Paraguai arriscando uma aproximação de placar, terminando em 12 x 07. O retorno só deu Brasil! Drudi e Rauth marcaram os seus, e o final da partida foi acompanhado por um belíssimo apoio do Daniel “Maranhão” até o in-goal com Moisés, coroando o final da partida: 31 x 07.

Os Tupis voltaram a campo diante da Colômbia, em uma partida dura que provou a evolução colombiana. Diver abriu o jogo com try para os Tucanos, mas o Brasil reagiu prontamente com tries de Moisés e Stefano, aproveitando cartão amarelo contra os colombianos. Tudo parecia se encaminhar bem para os Tupis quando Stefano correu para o terceiro try, mas os Tucanos reagiram e quase complicaram a situação brasileira, com Freyder cruzando duas vezes o in-goal. Porém, a vitória foi garantida por 19 x 17, com os colombianos perdendo conversão.

No último jogo brasileiro, as Yaras voaram contra o Peru, vencendo por tranquilos 43 x 00. Mari (2 vezes), Baby, Bianca, Leila (2 vezes) e Raquel cravaram os tries.

 

Jogos Sul-Americanos – Cochabamba 2018

*Horários de Brasília

Domingo, dia 27 de maio

11h00 – Argentina 38 x 00 Paraguai – Feminino

11h22 – Brasil 36 x 00 Colômbia – Feminino

11h44 – Peru 35 x 00 Bolívia – Feminino

12h06 – Uruguai 14 x 14 Brasil – Masculino

12h28 – Argentina 35 x 05 Paraguai – Masculino

12h50 – Chile 54 x 00 Bolívia – Masculino

13h12 – Bolívia 00 x 41 Uruguai – Feminino

13h34 – Colômbia 15 x 14 Peru – Feminino

13h56 – Brasil 42 x 12 Paraguai – Feminino

14h18 – Bolívia 00 x 41 Colômbia – Masculino

14h40 – Chile 40 x 00 Paraguai – Masculino

15h02 – Brasil 07 x 24 Argentina – Masculino

16h08 – Argentina 38 x 00 Uruguai – Feminino

16h30 – Uruguai 26 x 17 Colômbia – Masculino

 

Segunda-feira, dia 28 de maio

11h00 – Argentina 53 x 00 Bolívia – Feminino

11h22 – Paraguai 19 x 19 Colômbia – Feminino

11h44 – Brasil 47 x 00 Uruguai – Feminino

12h06 – Uruguai 53 x 00 Bolívia – Masculino

12h28 – Brasil 31 x 07 Paraguai – Masculino

12h50 – Argentina 28 x 07 Colômbia – Masculino

13h12 – Colômbia 47 x 05 Bolívia – Feminino

13h34 – Paraguai 29 x 10 Uruguai – Feminino

13h56 – Argentina 24 x 00 Peru – Feminino

14h18 – Uruguai 07 x 35 Chile – Masculino

14h40 – Paraguai 35 x 05 Bolívia – Masculino

15h02 – Brasil 19 x 17 Colômbia – Masculino

16h08 – Brasil 43 x 00 Peru – Feminino

16h30 – Argentina 12 x 12 Chile – Masculino

 

Terça-feira, dia 29 de maio

11h00 – Uruguai x Peru – Feminino

11h22 – Bolívia x Brasil – Feminino

11h44 – Colômbia x Argentina – Feminino

12h06 – Colômbia x Chile – Masculino

12h28 – Bolívia x Argentina – Masculino

12h50 – Paraguai x Uruguai – Masculino

13h12 – Uruguai x Colômbia – Feminino

13h34 – Paraguai x Bolívia – Feminino

14h18 – Colômbia x Paraguai – Masculino

14h40 – Brasil x Bolívia – Masculino

15h24 – Peru x Paraguai – Feminino

15h36 – Chile x Brasil – Masculino

16h08 – Brasil x Argentina – Feminino

16h30 – Argentina x Uruguai – Masculino

 

YARAS: Amanda Araujo (Niterói), Beatriz “Baby” Futuro (Niterói), Bianca Silva (Leoas de Paraisópolis), Eshyllen Coimbra (Guanabara), Haline Scatrut (Curitiba), Isadora “Izzy” Cerullo (Niterói), Leila Silva (Leoas de Paraisópolis), Luiza Campos (Leoas de Paraisópolis), Mariana Nicolau (São José), Rafaela Zanellato (Curitiba), Raquel Kochhann (Leoas de Paraisópolis), Thalia da Silva (Delta);

TUPIS: Daniel Lima “Maranhão” (Poli), Douglas Rauth (Curitiba), Gustavo Barreiros “Rambo” (Curitiba), Lucas Drudi (Jacareí), Lucas Duque “Tanque” (São José), Mateus Estrela (Jacareí), Matheus Cruz (Jacareí), Moisés Duque (São José), Robert Tenorio (Pasteur), Stefano Giantorno (São José), Thiago Evaristo (Curitiba), Victor “Feijão” Silva (São José);

Foto retirada de: Cocha 2018 (galeria oficial)